Ficha Corrida

18/09/2016

Zelotes dos Zelotskys e das Zelites

Zelotes no pNão deu zebra, deu a lógica. A obsessiva caça ao grande molusco é a cortina de fumaça perfeita na tentativa de jogar, com a cumplicidade da velha mídia, a sujeira dos finanCIAdores ideológicos para debaixo do tapete. Enquanto o foco da força tarefa se concentra na produção fordiana de powerpoint contra Lula, o elenco que aparece nas mais variadas listas ri à toa.

Ninguém mais fala no elenco milionário que atua na Lista de Furnas, a Lista Falciani do HSBC, a Lista Odebrecht, Panama Papers, Operação Zelotes (CARF), Operação Ouro Verde(Portocred)?! A famiglias da Rede Globo, Gerdau, Banco SAFRA, Sirotsky estão escondidas atrás das cortinas de fumaça dos caçadores do grande molusco.

A caça a Lula aplaca o apetite da hienas hidrófobas cevadas pelo ódio fascista mas, principalmente, cria uma cortina de fumaça, um verdadeiro biombo, de proteção à plutocracia. Enquanto caçam Lula, Sérgio Machado  não entende o que foi feito de Eduardo CUnha, Cláudia Cruz, Aécio Neves, Andrea Neves, José Serra, FHC, Romero Jucá, José Sarney, Michel Temer, Eliseu Rima Rica e Moreira Franco. Eu sei, deitam e rolam.

Sabia que a operação Zelotes, sem Powerpoint, é maior do que a Lava Jato?

Publicado em setembro 17, 2016 por Luiz Müller Deixe um comentário

Luiz Carlos Trabuco, Joseph Safra e André Gerdau estão entre os mais de 50 indiciados

Dos JORNALISTAS LIVRES

Longe dos holofotes da grande imprensa, sem delações premiadas ou prisões preventivas, a operação Zelotes investiga fraudes contra a Receita Federal que podem chegar a R$ 19 bilhões. Empresas multadas pela Receita teriam pago a conselheiros para votarem a seu favor nos recursos apresentados ao CARF. A operação já indiciou 54 pessoas. E ainda faltam muitas.

O que seria então o “tal de CARF”?

Bem, é o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais. Quando uma empresa ou uma pessoa física é autuada pela Receita Federal, ela pode, em primeiro lugar, recorrer à própria Receita para não pagar ou para reduzir a multa. Se perder esse primeiro recurso e quiser continuar a recorrer, o julgamento em segunda instância é no CARF. Se o contribuinte ganhar no CARF, não caberá mais recursos à União. Se o contribuinte perder, ainda pode ir à Justiça. Bem poderoso esse CARF, não acha?

Mais incrível é que esse desconhecido CARF tem mais de 100 anos e tem 216 conselheiros. É bem antigo e bem grande. Desses 216, metade é oriunda da Receita Federal, auditores em final de carreira. A outra metade, “representando a sociedade”, vem das confederações da indústria, do comércio, da agricultura. São turmas compostas por esses conselheiros que julgam os recursos que lá chegam. O estoque atual em discussão no Conselho totaliza R$ 565 bilhões.

Como começou a operação Zelotes?

Em 2013, a Corregedoria da Receita Federal fez a denúncia de que havia um esquema de compra e venda de decisões dentro do Conselho. A Polícia Federal investigou e concluiu que, de fato, havia fortes indícios de irregularidades e fraudes em 74 julgamentos ocorridos após 2005. “Um pedido de vista valia 20, 30 ou 50 mil” dependendo do valor envolvido no processo, afirmou o deputadoPaulo Pimenta. Venda de sentenças e negociação para troca de conselheiros, são outros exemplos de irregularidades que estão sendo investigadas. Assim nasceu a operação Zelotes, que significa falta de zelo, nesse caso, pela coisa pública.

Quais empresas já estão indicidas?

Ontem, 15/09, foram indiciados diretores da Mundial S.A. e ex-dirigentes, incluindo um ex-presidente, do CARF. A Mundial, com 120 anos de existência, é resultado da fusão da Eberle com Zivi-Hercules. A empresa é conhecida por seus alicates, tesouras, cortadores, pinças, facas e talheres. O suposto prejuízo de R$ 43 milhões aos cofres públicos nem é tão expressivo em comparação com as denúncias anteriores que envolvem Bradesco, Safra e Gerdau.

Bradesco é suspeito de se livrar de multas de R$ 3 bilhões

Em julho, haviam sido denunciados o presidente Luiz Carlos Trabuco e mais 3 diretores do Bradesco. De acordo com a denúncia, a instituição tentou, em 2014, livrar-se de uma cobrança de aproximadamente R$ 3 bilhões no órgão. (Valor Econômico de 28/07/2016)

Processos administrativos contra Safra somavam R$ 1,5 bilhão

Em março, a Zelotes denunciou por corrupção ativa o banqueiro Joseph Safra, o banqueiro mais rico do mundo, segundo a agência de notícias Reuters. O Ministério Público federal ofereceu denúncia contra Joseph Safra e a diretoria da empresa por atos praticados em “processos administrativos fiscais, todos envolvendo a JS ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS S/A, sociedade empresária integrante do Grupo SAFRA, cujos valores discutidos somavam R$ 1.493.800,000,00 (um bilhão, quatrocentos e noventa e três milhões e oitocentos mil reais) em agosto de 2014, mas, atualmente, giram em torno de um bilhão e oitocentos milhões de reais”. (Íntegra da denúncia)

Gerdau é acusada de tentar evitar multas de R$1,5 bilhão

Em maio, foram indiciados André Gerdau e mais 18 envolvidos em suspeitas de corupção, tráfico de influència e lavagem de dinheiro. “A suspeita é que o grupo Gerdau tenha tentado evitar, por meio do CARF, o pagamento de multas que somam R$ 1,5 bilhão.” Afirma matéria do portal G1.

Valores assustadores e pouca repercussão nos meio de comunicação

Embora estejamos vivendo uma cruzada anti-corrupção no Brasil, a operação Zelotes ainda é muito pouco conhecida. Especialmente por telespectadores de nossas redes de televisão e nossos ouvintes de rádios. A sonegação é a corrupção decapitalistas e anunciantes. Seria essa a explicação para não estarmos todos com panelas em punho?

Para saber mais sobre a operação Zelotes:

1 Artigo Prá Lava Jato nada? Tudo! E pra Zelotes?, publicado em 17/05/2015 por Jornalistas Livres, emhttps://jornalistaslivres.org/2015/09/pra-lava-jato-nada-tudo-e-pra-zelotes/

2 Artigo Lava Jato e Zelotes têm diferenças gritantes, publicado em 02/05/2015 por Brasil247, emhttp://www.brasil247.com/pt/247/brasil/179310/Lava-Jato-e-Zelotes-tem-diferencas-gritantes

3 Artigo Zelotes: ex-presidente do Carf é alvo de nova denúncia do MPF, publicado por EBC agéncia Brasil, em 16/09/2016, emhttp://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2016-09/zelotes-ex-presidente-do-carf-e-alvo-de-nova-denuncia-do-mpf

23/07/2016

Há dois tipos de corrupção: a boa e a ruim

Dizem que, para os esquimós, há vários tipos de neve. E não há porque duvidar. No Brasil, diferentemente da maiores dos países, há dois tipos de corrupção. Uma boa e outra ruim. Boa é aquela praticada pela plutocracia. Por exemplo, alguém consegue explicar porque 450 kg de cocaína não é investigado e sequer causa indignação, mas alguns baseados dá prisão?

Agora, por exemplo, vimos a cunhada do Vaccari ser presa, mas a mulher e filha do Eduardo CUnha continuam soltas. Se o Aécio Neves, o “primeiro a ser comido”, não pode ser preso por ter foro especial, o que impede que os membros de sua famiglia que lavam em Liechtenstein o sejam?

De repente se descobre, pela Operação Zelotes, uma verdadeira usina de assalto aos cofres públicos.  Os envolvidos nas falcatruas do CARF seriam nossos Robin Hoods. Seriam se o dinheiro surrupiado fosse distribuído aos pobres, mas no país onde a Rede Globo arrecada com o  Criança Esperança e fica com o dinheiro e as crianças com a esperança, os bons ladrões ficam também com o dinheiro.

Os acordos políticos que a plutocracia admite são aqueles para golpear a democracia e assaltar ao Estado. Por isso Rodrigo Maia anuncia o fim da CPI do CARF como quem olha pro céu e anuncia que pode chover. É, aos olhos da repercussão midiática, a corrupção boa.

Há uma fórmula simples de verificar se uma corrupção é boa ou ruim. Se os meios de comunicação atacam, é corrupção ruim; se omitem ou tratam como evento da natureza, é boa.

Corrupção boa, por exemplo, é aquela praticada por todos os envolvidos na Lista de Furnas, na Lista Falciani do HSBC, no Panama Papers, na Lista Odebrecht. Corrupção ruim é toda aquela com a qual se pode incriminar, mediante chicanas, os adversários ideológicos, os bandidos que ousam implantar políticas sociais que tiram milhões da pobreza e permite que filho de lavradores e faxineiras frequentem universidades.

Para que a corrupção boa tenha vida longa é fundamental caçar o grande molusco, uma verdadeira à cleptocracia.

Maia admite acordo para enterrar CPI que investiga empresas

Alan Marques – 20.jul.2016/Folhapress

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, conversa com jornalistas no Salão Verde da Casa, em Brasília

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, conversa com jornalistas no Salão Verde da Casa, em Brasília

DANIELA LIMA
AGUIRRE TALENTO
Folha de São Paulo, DE BRASÍLIA

23/07/2016 02h00

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reconheceu à Folha que decidiu revogar a prorrogação dos trabalhos da CPI do Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais) e determinar que a apuração seja encerrada na primeira semana de agosto para cumprir um acordo firmado às vésperas de sua eleição para o cargo, em 15 de julho.

Órgão vinculado ao Ministério da Fazenda, o Carf é responsável por julgar autuações aplicadas pela Receita Federal aos contribuintes. A CPI, portanto, focava na atuação de empresas.

O acerto para encerrar as investigações havia sido fechado na presença de Maia pelo então presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), com integrantes de partidos como o DEM, o PSDB e o PSB. Maranhão depois recuou e acabou dando um prazo extra de 60 dias à CPI.

O presidente recém-eleito, entretanto, decidiu manter o que havia sido acordado e publicou ato revogando a prorrogação da CPI e determinando que os últimos 26 dias de trabalho do colegiado fossem dedicados apenas à votação de seu relatório. Seu ato passou a ser alvo de questionamentos.

Integrantes da CPI ligados ao chamado "centrão" –aglomerado de partidos como o PP, PR e PSD– dizem que a CPI deve, ao menos, usar o resto do prazo para tomar depoimentos de personagens já citados na investigação.

O presidente da CPI, Pedro Fernandes (PTB-MA), esteve com Maia na última terça e pediu que ele autorizasse novos depoimentos. Em outra frente, o PSOL tem dito que a Câmara poderá ser acusada de agir para proteger grandes empresários caso Maia mantenha sua decisão.

POLÊMICA

A diversidade dos questionamentos reflete a pluralidade de interesses afetados pela CPI. A investigação parlamentar nasceu após a Polícia Federal deflagrar a Operação Zelotes, que investiga a venda de sentenças no Carf.

Segundo a PF, conselheiros que atuam no órgão cobravam propina de empresários em troca de abatimento de multas fiscais.

Pesos pesados do empresariado nacional entraram na mira da CPI, como Safra, Gerdau e Bradesco. Ao mesmo tempo, cresceram rumores de que integrantes da CPI estavam pedindo vantagens a investigados para anistiá-los de depoimentos na comissão.

A afirmação de que havia achaque na CPI foi verbalizada por um dos vice-presidentes da comissão, o deputado Hildo Rocha (PMDB-MA), ao jornal "O Globo". A fala fortaleceu corrente liderada pelo PSDB, DEM e PSB que vinha condenando o andamento dos trabalhos na CPI.

"Alguns líderes de partido fizeram uma reunião com Maranhão na qual, preocupados com os rumos da CPI, sugeriram que a prorrogação fosse usada para votar o relatório final. Foi uma decisão coletiva e, se tiver que ser revista, será revista coletivamente também", disse Maia.

Deputados do PSDB e do DEM procurados pela Folha admitiram ter patrocinado os pedidos de encerramento dos trabalhos. José Carlos Aleluia (DEM-BA) afirmou que "ninguém blindou empresa nenhuma" e que integrantes da comissão ficaram preocupados após boatos de que parlamentares estariam achacando empresários. "Colocaram em dúvida a conduta da CPI e não quero ver meu nome ligado a isso", disse Aleluia.

Líder do PSDB, Antônio Imbassahy (BA) disse que os tucanos na CPI "confiam nas investigações que estão sendo feitas pela PF, sem prejuízo da atividade parlamentar".

15/07/2016

A Turquia é aqui!

Violência Chega de hiPÓcrisia!

Não pensemos na Turquia. Pensemos nos bandidos brasileiros, sob a liderança da Rede Globo, que estão golpeando nossa democracia para instalar uma cleptocracia. Nossa plutocracia nos é mais nociva que as forças armadas turcas.

Não choremos a inexistência das armas de destruição em massa que justificaram o roubo do petróleo iraquiano. Choremos pela inexistências das pedaladas fiscais. Pedaladas estas que a Rede Globo e a RBS jogavam na nossa cara como granadas de mão.

Não pensemos no motorista do caminhão que matou 84 inocentes nas ruas de Nice, na França. Aqui perto, há bandidos na Lista de Furnas, na Lista Falciani do HSBC, na Lista Odebrecht, no Panama Papers, na Operação Zelotes, no CARF cujo valores surrupiados matam muito mais. Não por acaso, as duas primeiras medidas dos golpistas brasileiros foi diminuir os investimentos em educação e saúde, sem falar no problema da violência social. A primeira medida do novo presidente do Congresso, objetivo primeiro do golpe, foi assassinar a CPI do CARF, que pegou os milhões que o Gerdau & Caterva. Quantas viaturas policiais daria para comprar os 450 kg de pasta base de cocaína pega no heliPÓptero! Quem não fica indignado com a transformação do dono da aeronave em ministro dos golpistas não tem direito de lamentar os crimes de Pablo Escobar, nem se dizer inconformado com os tiroteios da Vila Tronco e da Vila Cruzeiro.

Não choremos pela morte de policiais por franco atiradores nos EUA. Policiais brasileiros morrem todos os dias no combate ao crime. E também aqui os negros são sempre os primeiros na linha de tiro. E contra políticas inclusivas, inclusive cotas raciais, a Rede Globo escala Ali Kamel para perpetrar uma granada de mão com o nome “Não Somos Racistas”. Os dinheiros sonegados ou lavados na Suíça, Seychelles, Cayman, Liechtenstein fazem falta para a segurança pública e para as políticas de inclusão social.

Não repudiemos os militares turcos que atiraram contra o povo turco. Repudiamos aqueles que, vestindo camisas verde-amarelas com escudo da CBF, padrão FIFA, foram, cabresteados pela RBS, ao Parcão pedir a volta da ditadura militar e derrubar uma Presidenta honesta para colocar uma notória quadrilha.

Os mesmos meios de comunicação nacional que ajudaram Eduardo CUnha a golpear a democracia fazem caras e bocas, com ares de indignação, para falarem no golpe turco. Mas foram os mesmos que festejaram o golpe militar contra Hugo Chaves. Não invejemos os bandidos externos, os nossos são mais eficientes. Golpeiam à luz do sol, em pleno domingo à tarde, puxados pela transmissão ao vivo. Trataram do assalto à democracia como se fosse uma rodada do Brasileirão, narrando os votos como se fossem gols marcados pelo time do coração. A senha, cara a velha tradição mafiosa, era famiglia. Esses são bandidos que nos causam mais males que o exército turco.

Je ne suis pas, Hebdo. Je suis Dilma, roubada, vilipendiada pelos bandidos que tomaram de assalto os cofres públicos brasileiros.

Bando de hiPÓcritas!

26/10/2015

RBS & Globo, muito além da corrupção

RBS Ana ALCada dia que passa fica mais fácil de entender porque a RBS e a Rede Globo tanto apoiaram a Marcha dos Zumbis. A divulgação da Agenda 2020 também ajudam a entender o modus operandi da RBS. Com tudo isso, ainda não está fácil de entender como um grupo pode por tanto tempo corromper tanta gente.

A manada de midiotas amestrados, que se perfilam ao padrão de sonegação da RBS, a ponto de defenderem que sonegação não é crime, é ainda algo inexplicável à luz da razão. Mas, no mundo dos mortais, há explicações que a própria razão desconhece. O ódio desmedido com que a RBS se atirou contra Olívio Dutra e Diógenes de Oliveira é como meia palavra a bom entendedor. A RBS, cria da ditadura, não tem aptidão para viver na democracia. Alguns fatos provam isso. Quando Luis Fernando Veríssimo chamou Fernando Collor de Mello de ponto de interrogação bem penteado, a Zero Hora suspendeu-o. Como explicar que um jornal não só sobreviva a uma ditadura como cresce com ela, sem nunca ser importunado por ela, a ditadura, mas seja apreendido nas primeiras eleições livres após a ditadura? Simples, a RBS é fruto podre da ditadura. A caçada ao Olívio Dutra se explica pelo mau costume da RBS vive das tetas do Estado. A mudança na distribuição das verbas publicitárias foi uma facada nas costas da RBS.

O ódio ao Olívio começou quando desbancou o cavalo paraguaio, Antonio Britto, que havia doado a CRT à RBS.

A RBS conseguiu em Vieira da Cunha, uma pessoa com sobrenome e costume parecidos com o atual Presidente da Câmara Federal, para tentar desmoralizar o Governo Olívio. Afinal, como podia um governador do RS não só se negar a transferir recursos públicos a uma montadora, como também criar uma Universidade Estadual, a UERGS? Então inventaram uma CPI da Segurança. E foi nela que apareceu pela primeira vez que a RBS tinha uma subsidiária nas Ilhas Cayman…

Para resumir, Vieira da Cunha trouxe para o PDT quem fazia com ele dobradinha na RBS, Lasier Martins. Vieirinha virou Secretário do pior governo de Estado que já tivemos, e olha que Yeda Crusius, outra cria da RBS, já foi um desastre estupendo. E Lasier Martins é o segundo senador da RBS em Brasília. Já tinha Ana Amélia Lemos, cujo passado se confunde com a RBS.

O ódio a Lula, Dilma e ao PT pode ser explicado pela derrocada econômica da RBS, mas muito mais pela derrocada moral. Como não odiar quem disse que, para combater a corrupção, não deixará “pedra sobre pedra”, doa a quem doer?!

As provas: Globo (RBS) deu R$ 12 milhões na Zelotes

publicado 24/10/2015 –

A Zelotes tem muito mais roubalheira que toda a Vara do Moro – PHA

operação zelotes

O Conversa Afiada reproduz matéria de Najla Passos, na Carta Maior:

RBS, afiliada da Globo, pagou R$ 11,7 milhões para conselheiro do CARF

A Operação Zelotes apura o envolvimento de funcionários públicos e empresas no esquema de fraude fiscal que pode ter causado um prejuízo de R$ 19,6 bilhões
Najla Passos
Documentos sigilosos vazados nesta quinta (22) comprovam que o Grupo RBS, o conglomerado de mídia líder no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, pagou R$ 11,7 milhões à SGR Consultoria Empresarial, uma das empresas de fachada apontadas pela Operação Zelotes como responsáveis por operar o esquema de tráfico de influência, manipulação de sentenças e corrupção no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF), o órgão vinculado ao Ministério da Fazenda que julga administrativamente os recursos das empresas multadas pela Receita Federal.
A SCR Consultoria Empresarial é umas das empresas do advogado e ex-conselheiro do CARF, José Ricardo da Silva, indicado para compor o órgão pela Confederação Nacional do Comércio (CNC) e apontado pela Polícia Federal (PF) como o principal mentor do esquema. Os documentos integram o Inquérito 4150, admitido pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na  última segunda (19), que corre em segredo de justiça, sob a relatoria da ministra Carmem Silva, vice-presidente da corte.
Conduzida em parceria pela PF, Ministério Público Federal (MPF), Corregedoria Geral do Ministério da Fazenda e Receita Federal, a Operação Zelotes, deflagrada em março, apurou o envolvimento de funcionários públicos e empresas no esquema de fraude fiscal e venda de decisões do CARF que pode ter causado um prejuízo de R$ 19,6 bilhões aos cofres públicos. Segundo o MPF, 74 julgamentos realizados entre 2005 e 2013 estão sob suspeição.
As investigações apontam pelo menos doze empresas beneficiadas pelo esquema. Entre elas a RBS, que era devedora em processo que tramitava no CARF em 2009. O então conselheiro José Ricardo da Silva se declarou impedido de participar do julgamento e, em junho de 2013, o conglomerado de mídia saiu vitorioso. Antes disso, porém, a RBS transferiu de sua conta no Banco do Rio Grande do Sul, entre setembro de 2011 e janeiro de 2012, quatro parcelas de R$ 2.992.641,87 para a conta da SGR Consultoria Empresarial no Bradesco.
Dentre os documentos que integram o Inquérito 4150 conta também a transcrição de uma conversa telefônica entre outro ex-conselheiro do Carf, Paulo Roberto Cortez, e o presidente do órgão entre 1999 e 2005, Edison Pereira Rodrigues, na qual o primeiro afirmava que José Ricardo da Silva recebeu R$ 13 milhões da RBS. “Ele me prometeu uma migalha no êxito. Só da RBS ele recebeu R$ 13 milhões. Me prometeu R$ 150 mil”, reclamou Cortez com o então presidente do Carf.
Suspeitos ilustres
Os resultados das investigações feitas no âmbito da Operação Zelotes foram remetidos ao STF devido às suspeitas de participação de duas autoridades públicas com direito a foro privilegiado: o deputado federal Afonso Motta (PDT-RS) e o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes. O deputado foi vice-presidente jurídico e institucional da RBS, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Sul. Os termos de sua participação no esquema ainda são desconhecidos.
Nardes, mais conhecido por ter sido o relator do parecer que rejeitou a prestação de contas da presidenta Dilma Rousseff relativa ao ano de 2014, por conta das polêmicas “pedaladas fiscais”, é suspeito de receber R$ 2,6 milhões da mesma SGR Consultoria, por meio da empresa Planalto Soluções e Negócios, da qual foi sócio até 2005 e que ainda hoje permanece registrada em nome de um sobrinho dele.
Processo disciplinar
Nesta quinta (22), a Corregedoria Geral do Ministério da Fazenda anunciou a instalação do primeiro processo disciplinar suscitado pelas investigações da Operação Zelotes. Em nota, o órgão informou que o caso se refere a uma negociações para que um conselheiro do CARF pedisse vistas de um processo, sob promessa de vantagem econômica indevida, em processo cujo crédito tributário soma cerca de R$ 113 milhões em valores atualizados até setembro.



As provas: Globo (RBS) deu R$ 12 milhões na Zelotes — Conversa Afiada

11/10/2015

Concorrência desleal

Filed under: Augusto Nardes,CARF,Concorrência desleal,Operação Zelotes,RBS — Gilmar Crestani @ 9:56 pm
Tags:

Zelotes no dos outros e refrescoConcorrenza sleale é um filme italiano que mostra a relação de duas famílias que atuam no mesmo ramo durante o fascismo. Concorrência desleal, por exemplo, acontece entre empresas que se beneficiam por decisões favoráveis que outras ou não podem comprar ou preferem simplesmente honrarem com suas obrigações fiscais.  Qual é a diferença do “gato”, aquele que puxa sinal da Net ou da luz ou da água, para estes que, via corrupção dos julgadores, surrupiam milhões dos cofres públicos? A diferença é que os “gatos” são pobres. Nem todos os “gatos” de Porto Alegre, ao longo da história, sonhariam em concorrer com as cifras que envolvem as empresas gaúchas na Operação Zelotes.

Concorrência desleal também porque recebem um tratamento não dispensado aos “gatos”. Para se ter uma ideia, o juiz teve de ser substituído para que a operação andasse. Aqui não há prisão preventiva e, portanto, delação premiada. A mídia não cobre porque é parte ré. Aliás, é o caso típico onde os envolvidos se acham no direito, por diversionismo, cara-de-pau ou por estarem acostumados com a própria mãe no puteiro, de atacarem a honestidade da Dilma.

O caso do CARF é uma lição de como as empresas envolvidas entendem a lei de livre mercado; o Estado é apenas uma puta para satisfazer suas taras.

Por que será que não há nenhum deputado do PMDB, DEM, PSDB, SD cobrando justiça? Por que não há vazamentos da Zelotes para a Veja, Globo, RBS?

Operação Zelotes vai pegar a RBS/Globo?

11 de Outubro de 2015

Os barões da mídia devem estar preocupados. O Portal Imprensa destacou nesta quinta-feira (8) que a "Polícia Federal deflagra nova etapa da Operação Zelotes; RBS é alvo da investigação". Até agora, a imprensa privada fez de tudo para abafar o escândalo das fraudes fiscais, que envolve empresários de peso – como os sócios do Grupo Gerdau e os donos da RBS, afiliada da TV Globo no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Mas a operação segue em andamento e começa a dar os primeiros frutos.
Segundo a reportagem, sete mandados de busca e apreensão foram determinados pela PF nesta nova fase das apurações. Iniciada em 26 de março passado, com o cumprimento de 41 mandatos de busca, a Operação Zelotes investiga os crimes de tráfico de influência, corrupção passiva e ativa, associação criminosa e lavagem de dinheiro. Segundo perícias da Receita Federal, o assalto aos cofres públicos soma de R$ 5,7 bilhões. Mas há suspeita de que o rombo seja três vezes maior – bem mais do que o apurado na midiática Operação Lava-Jato. Apesar dos estragos, a mídia evita destacar o assunto – que envolve empresas de comunicação e poderosos anunciantes, além de figuras carimbadas da politica.
Entre os suspeitos estão o ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes – que teve seus 19 minutos de fama com a rejeição das contas do presidenta Dilma no TCU -, os bancos Bradesco, Safra, Pactual e Bank Boston, a montadora Ford, a BR Foods, a Petrobras, a Camargo Corrêa, a Light "e o grupo RBS, afiliado da Rede Globo nos Estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul" – registra o Portal Imprensa, que dá mais detalhes da Operação Zelotes:
"O caso começou a ser investigado após denúncia anônima do conselheiro Paulo Roberto Cortez à Receita e à PF. Ele alegou que conselheiros recebiam propina para atrasar processos de grandes empresas que discutiam dívidas do ‘tribunal administrativo da Receita’. O objetivo era reduzir ou até mesmo anular multas. A RBS seria uma das empresas com indícios mais fortes de participação no esquema de corrupção efetuado para não pagar impostos. O presidente-executivo do grupo RBS, Eduardo Sirotsky Melzer, chegou a ser convocado para depor na CPI do Carf".
Já em nota oficial, o Ministério da Fazenda confirmou que, em sua terceira fase, a Operação Zelotes cumpriu nesta quinta-feira (8) sete mandados de busca e apreensão e que a ação tem como objetivo coletar novos documentos sobre o escândalo. "As investigações têm apontado para a existência de irregularidades que consistiram na manipulação de decisões, mediante a atuação coordenada de agentes públicos e privados, com a finalidade de reduzir ou extinguir débitos tributários com o consequente prejuízo para a Administração Pública", afirma o texto.
Será que agora a RBS, afiliada da TV Globo, vai pagar por seus crimes? A conferir!

Operação Zelotes vai pegar a RBS/Globo? | Brasil 24/7

Todo moralista lembra, ao subir ao púlpito, da mãe no puteiro?

nardes na zelotesNa aurora da minha vida, de minha infância querida, descobri que o dedo em riste dos moralistas é mais sujo que o dos proctologistas. O tCU era tido como albergue de políticos fracassados. Mudou de ramos.

Os moralistas mais vigilantes, os mais  sectários investigadores da moralidade alheia antes de apontarem o dedo, lembram da última visita a mãe no puteiro?!

Comprando um parecer no Carf

Postado em 10 de outubro de 2015 por Juremir

Morro e não ouço tudo.

Rodamos no programa Esfera pública, ontem, na Rádio Guaíba, dois áudios da Operação Zelotes que mostram como se comprava o trabalho de um conselheiro do Carf ainda em 2014. Na linguagem jornalística, um “furo” nacional. O Carf é o organismo que julga recursos de dívidas com a Receita Federal. Passou a ser o atalho para empresas que desejavam pagar apenas 10% do que deviam.

Os grampos telefônicos, feitos com autorização judicial, que veiculamos tratam da negociação de um operador das empresas Bozano e Safra, Jeferson Salazar, com o então conselheiro do Carf, Jorge Víctor Rodrigues, para acertar o esquema a um custo módico de R$ 28 milhões sobre R$ 280 milhões devidos.

Os áudios exibem a desfaçatez dos negociantes. Nomes de interessados e dos interesseiros são citados sem a menor cerimônia. Em determinado momento, Salazar observa em tom de cautela a Jorge: “Você assumiria aí o comando de 20 (milhões) e aí o problema é seu” sendo que “nesses 20 está também a Procuradoria, que eles têm a boca grande”. Tudo é tratado com informalidade, mas com requintes burocráticos. Fala-se em contrato de quatro a cinco meses “para evitar uma troca de governo”.

Foi em agosto de 2014. Jorge Víctor aceita a tarefa, pede o número do processo, acerta detalhes de encaminhamento e de novos contatos.

No segundo áudio, Salazar passa a ligação de Jorge Víctor para o parceiro Eduardo, que trata de minúcias da operação. É preciso fazer o parecer que será assinado “por quem decide” com a ajuda do homem providencial dentro do Carf. Um aspecto importante é a transferência do dinheiro, chamado pomposamente de honorários, que deve se dar através de uma empresa com suficiente biografia para não ser barrada pelos instrumentos bancários de controle. Afinal, não é qualquer laranja que recebe R$ 28 milhões sem dar na vista. Bem pensado, são áudios educativos, pedagógicos, instrutivos: ensinam como comprar um conselheiro do Carf, como sonegar impostos em grandes proporções, como agem grandes empresas flagradas pela Operação Zelotes, que não desperta o interesse da maior parte da mídia, e como atuar em equipe para fraudar a Receita Federal enquanto se critica a corrupção e a carga tributária apresentadas quase sempre com a maior e mais injusta do mundo.

Morro e não ouço tudo. É melhor do que ser surdo. Quanto saber utilizado para ludibriar a sociedade brasileira. Quanto cinismo destilado em doses cavalares com a tranquilidade de quem discute temas de direito administrativo e tributário. Quanta manha. Quanta “boca grande”. Os áudios que rodamos revelam o modo de operação de todos os envolvidos no esquema descoberto pela Zelotes. A Lava-Jato é só um conta-gotas. No país em que Eduardo Cunha até poucos dias era herói do combate à corrupção, as negociatas do Carf são apenas mais um capítulo da novela da sujeira que faz a água do Tietê parecer limpa. Aprendi muito ouvindo as conversas que divulgamos. Aprendi que a cara de pau de alguns é extraordinária. Será que é o poder fascinante dos dez por cento que explica o Brasil?

Os áudios estão AQUI!

 

Juremir Machado da Silva | Blogs

22/09/2015

Zelotes, a operação que uniu os a$$oCIAdos do Instituto Millenium

Zelotes no dos outros e refresco_thumb[1]

Como diria o velho Barão de Itararé, de onde menos de espera de lá mesmo é que não sai nada. Sai, sim, sonegação. Só negam!

Como o volume sonegado é muitas vezes superior fico pensando se o procurador Carlos Fernando Lima não vai pedir conexão com a Lava Jato, para dizer que também foi engendrado na Casa Civil. Eu não duvidaria que Lula seria denunciado pelas vezes que jantou com os envolvidos… Mas neste caso teria de pedir ajuda ao seu colega Rodrigo de Grandis

Como se sabe, o MPF sofre de estrabismo ideológico congênito.

Servidor do Carf pode ter mandato vitalício

PEC altera processo de escolha dos membros do conselho

Os servidores do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) devem ser aprovados em concurso público e ter mandato vitalício. Essa sugestão, que está causando polêmica no Senado, é uma proposta de emenda à Constituição (PEC) recém apresentada pelo presidente da CPI que investiga irregularidades no Carf. De autoria do senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), a PEC 112/15 modifica o processo de escolha dos integrantes do conselho, órgão do Ministério da Fazenda que é a última instância administrativa decisória para dívidas fiscais com a União e que virou alvo da operação Zelotes, da Polícia Federal (PF).
A Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip) é contrária à PEC e argumenta que não trará qualquer melhoria. “Na realidade, o parlamentar pretende criar um feudo vitalício para substituir a atual estrutura do tribunal administrativo, que é selecionado, com mandato constantemente avaliado por um comitê integrado por representantes da sociedade”, explica o presidente da instituição, Vilson Romero.
Atualmente, o Carf tem formação paritária, com metade dos 144 conselheiros escolhidos pelo Ministério da Fazenda, e a outra metade por representantes dos contribuintes, indicados por categorias econômicas e centrais sindicais de trabalhadores.
Para o presidente da Anfip, não se pode jogar por terra a atual estrutura do Carf por causa do “esquema criminoso” que se instalou no órgão. Conforme Vilson, a maioria dos conselheiros tem notório conhecimento e foi selecionada por sua especialização em tributos. Hoje, o mandato ordinário de um integrante do Carf é de três anos, mas é possível a recondução por nove anos.
Apresentada em agosto, a PEC 112/15 está na Comissão de Constituição e Justiça e aguarda o parecer do relator, o senador Delcídio do Amaral (PT-MS). Uma enquete feita pelo portal E-Cidadania, do Senado, mostra que a proposta causa polêmica. Até o dia 17, tinha 150 votos favoráveis e 2,3 mil contrários.
De acordo com as investigações da Operação Zelotes, o esquema de fraude no Carf foi montado por alguns conselheiros e grupos interessados em diminuir suas dívidas, por meio de pagamento de propina em troca da elaboração de votos sob encomenda. A Polícia Federal estima que o esquema tenha desviado R$ 19 bilhões públicos.
Como mostrou o Congresso em Foco, um conjunto de 489 grupos empresariais tenta derrubar no Ministério da Fazenda a cobrança de R$ 357 bilhões em dívidas fiscais com a União, distribuídas em 797 processos pendentes de julgamento. Essas empresas, com débitos de, no mínimo, R$ 100 milhões cada, contestam os valores no Carf.
A Operação Zelotes
Deflagrada pela Polícia Federal em março deste ano, a operação investiga um dos maiores esquemas de sonegação fiscal já descobertos no Brasil. As investigações são sobre a atuação de quadrilhas junto ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais da Receita Federal (Carf), revertendo ou anulando multas. O colegiado tem R$ 516 bilhões em processos para julgamento.
Estão sendo analisados 74 julgamentos do conselho realizados entre 2005 e 2013, nos quais, R$ 19,6 bilhões teriam deixado de ser recolhidos aos cofres públicos. Segundo informou o procurador, dos 70 processos sob suspeita, em pelo menos 20 o MPF conseguirá comprovar de maneira sólida que houve atos ilícitos. Este volume representa cerca de R$ 6 bilhões.
As primeiras denúncias da Operação Zelotes, que apura um esquema de propinas e tráfico de influência no Conselho Administrativo de Recursos Fiscal (Carf), devem ser apresentadas ainda este mês. Segundo o procurador do Ministério Público Federal (MPF) Frederico Paiva, que está à frente das investigações, seis empresas devem ser denunciadas nos próximos dias por crime de sonegação de impostos e corrupção no Carf. Uma delas poderá ser gaúcha. Atualmente são 20 empresas investigadas.
O Carf, órgão ligado ao Ministério da Fazenda, composto por 216 conselheiros em turmas de seis membros, julga em segunda instância recursos administrativos fiscais relativos a tributos cobrados pela Receita Federal. De acordo com o MPF, os integrantes do esquema de corrupção escolhiam processos de grande valor que estavam na pauta do órgão, buscando, em seguida, oferecer uma solução conveniente às companhias em troca de dinheiro.
Os operadores atuavam no fluxo dos processos, recorrendo à corrupção de conselheiros. Parte dos conselheiros envolvidos, segundo o MPF, era do Ministério da Fazenda, mas a maioria pertencia ao Sistema S, que compreende entidades voltadas ao treinamento profissional, entre as quais estão Senai, Sesc, Sesi e Senac.
Entre as empresas investigadas na operação estão os grupos gaúchos Gerdau, RBS, Mundial-Eberle e Marcopolo. O Carf tem R$ 516 bilhões em processos para julgamento. Em média um processo leva oito anos para ser julgado.

Correio do Povo | Notícias | Servidor do Carf pode ter mandato vitalício

18/09/2015

A corrupção boa

globo2O Brasil tem esta criatividade. Este corrupção boa e corrupção ruim. Boa é a nossa; ruim, a dos outros. Desde Judith Brito, o PIG defende a corrupção boa e ataca a concorrência como sendo má. Por exemplo, porque a RBS não fica indignada com a corrupção da sonegação denunciada na Operação Zelotes? Afinal, com tantas empresas gaúchas envolvidas em sonegação seria mais fácil para a RBS defender seu governo títere no RS. Se as empresas envolvidas na corrupção do CARF tivessem pago o que deveriam, o RS não estaria, como quer nos fazer crer para aumentar ainda mais a corrupção, o Tiririca da Serra.

Qualquer brasileiro medianamente informado sabe da Lista Falciani, que contém o rol dos brasileiros que usaram o HSBC para lavar dinheiro. Nela aparecem os cães  mais raivosos da mídia. Passam os dias rosnando contra a corrupção, mas usaram o HSBC para lavar dinheiro na Suíça. Não bastasse isso, também corromperam funcionários do CARF para favorecer sonegação trilionária. E como se tudo isso não bastasse, a Rede Globo, CBF, J. Hawilla estão envolvidos na sonegação internacional, padrão FIFA. Por que a delação premiada neste caso não provoca prisão preventiva nem linchamento nos meios mafiomidiáticos? Simples, porque os grupos mafiomidiáticos assoCIAdos ao Instituto Millenium são os maiores corruptos e corruptores do Brasil.

EUA caçam Del Nero, Suíça acusa acordo de TV e Brasil finge investigar

Augusto Diniz– -sex, 18/09/2015 – 06:45 Atualizado em 18/09/2015 – 07:05

Por Augusto Diniz

Procuradores responsáveis pelo caso FIFA nos Estados Unidos e Suíça informaram nesta segunda (15/9), que indiciarão mais dirigentes envolvidos em corrupção no futebol – especula-se que o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, é presença certa na lista. A autoridade suíça disse que as investigações não chegaram nem ao fim do primeiro tempo.

O canal de TV público SRF, da Suíça, acusou dias atrás o presidente da FIFA, Joseph Blatter, de ter vendido ao ex-presidente da Concacaf, Jack Warner, direitos de transmissão das duas últimas Copas do Mundo, por 5% do valor de mercado – ao contrário da imprensa brasileira, que costuma acusar sem provas consistentes, os suíços mostraram os contratos sob suspeita assinados por Blatter. Warner usou empresa em paraíso fiscal para revender os direitos por pelos menos US$ 18 milhões.

As investigações do FBI apontam que este prática (de venda de direitos de transmissão de competições por valores abaixo do mercado) foi recorrente na FIFA. As motivações vão desde revenda ilegal por valores infinitamente maiores, passando por sonegação fiscal, até pagamento de suborno.

A CPI do Futebol no Senado faz duas semanas que não se reúne. Nesta terça-feira (15/9) aconteceria uma audiência reunindo ex-jogadores (Pelé, Zico, Cafu, Roque Júnior, Ricardo Rocha e Juninho Pernambuco) e representante do Bom Senso FC (Paulo André), mas foi cancelada (a CPI alegou que não conseguiu reunir todos os convidados) – na verdade, o que tem a dizer esses profissionais em uma CPI que investiga a CBF?

Alguns deles mantem relações promíscuas com a entidade há anos. Além disso, todos jamais se contraporiam a patrocinadoras e emissoras de televisão, cujos acordos são objetos de investigação do FBI, da Suíça e “provavelmente” da CPI -, simplesmente por que estes profissionais são também beneficiários de alguma forma dos possíveis acusados, por meio de patrocínios, direitos de imagem e participação constante como comentaristas em jogos e programas esportivos da TV.

A CPI, com mais de um mês em funcionamento, ainda não conseguiu levar um suspeito para falar ao colegiado, nem tampouco apresentou dados relevantes sobre as operações da CBF.

A Polícia Federal também diz que investiga contratos entre a CBF e a Globo, mas não há nenhuma notícia sobre o caso há pelo menos três meses.

Como disse o depoente da CPI do Futebol, quando a comissão caminhava melhor, o jornalista Leandro Cipoloni, o que mais o chama atenção desde que produziu um livro sobre corrupção no futebol, é a conivência das autoridades com os malfeitos de dirigentes do esporte no País. Está aí mais uma prova.

EUA caçam Del Nero, Suíça acusa acordo de TV e Brasil finge investigar | GGN

A fábula da RBS: Rede Baita Sonegadora

rbsz zelotes

Rede Baita Sol e Operação Zelotes em Palomas

Postado por Juremir em 17 de setembro de 2015

Nada de novelas nem de séries de tevê. Até o futebol anda em baixa em Palomas. Por lá, só se fala em Lava-Jato e Zelotes. São duas operações que atingem o coração do poder local. A Lava-Jato pode levar ao impeachment da presidente da República Popular de Palomas. A Zelotes traz à tona os podres da Rede Baita Sol, proprietária da Rádio Gaudéria, do Diário Gaudério, da TV Gaudéria e do jornal Meia-Noite. Trata-se de um esquema rastaquera de pagamento de polpudas propinas para evitar o repasse de quantias astronômicas ao fisco. Afinal, como sempre dizem os comentaristas da Rede Baita Sol, os impostos dão pouco retorno. As propinas, obviamente, dão muito mais.

João da Vaca e Zé da Égua tiveram um desentendimento durante um jogo de truco. João é tucano. Zé é petista. São os partidos dominantes em Palomas. O PT (Partido Tucano) é acusado de ser o mais corrupto da história palomense. O PP (Partido Petista) é o acusador. Não se deve confundir o PT palomense com o seu homônimo brasileiro. O mesmo vale para o PP. Na verdade, os partidos palomenses têm por siglas PTP (Partido Tucano Palomense) e PPP (Partido Petista Palomense). Uma terceira força está surgindo, o PQP, de tendência anarquista, cujo nome por extenso não pode ser revelado numa coluna familiar. O slogan do PQP é: “Quem tem político tem medo”. A discussão entre João da Vaca e Zé da Égua teve uns lances como estes:

– Vocês são golpistas – gritou João.

– Vocês é que são – retrucou Zé.

– Não me confunda com vocês – rebateu João.

– Claro que não. Nós somos de outra farinha – retrucou Zé.

– Tudo farinha do mesmo saco – intrometeu-se Juca do PQP.

A partir daí, fechou o pau. Até parecia em Brasília.

– Queremos o fim da corrupção!

– Papo furado! Vocês querem é o fim das políticas sociais.

– E se fosse? Chega de bancar vagabundo com nosso dinheiro.

– Aí, ó! Resolveu abrir o jogo.

– Comigo não tem lero-lero. Ganha-se dinheiro suando.

Não deu para saber quem dizia o quê. Nunca na história de Palomas tantos insultos e acusações foram feitos ao mesmo tempo e com a mesma virulência. Era truco, retruco e toma na cara que tem mais.

– Fala do mensalão, petralha!

– Fala do mensalão tucano, coxinha!

– É o petrolão!

– É o trensalão!

– É o BNDES!

– É o propinoduto paulistano.

– É a mãe.

– A mãe, não, tchê. Aí é questão de honra.

Foi aí que o líder do PQP deu o sinal

– A Rede Baita Sol está na área.

– Zelotes, Zelotes, Zelotes! – só se ouvia o coro.

Juremir Machado da Silva – Blogs – Correio do Povo | O portal de notícias dos gaúchos

15/09/2015

Quando envolve a Rede Baita Sonegadora, ninguém Motta…

Cadê o Vieirinha, moleque de recados da RBS. Que vergonha para o PDT, uma sigla que já foi grande e hoje vive de aluguel na RBS. A parceria do Vierinha com a RBS na CPI da Segurança Pública, vejam só, para atingir Olívio Dutra, um dos homens públicos mais probos deste Estado, granjeou-lhe simpatia a ponto de alugar a sigla para o funcionário Lasier Martins, numa preparação para a candidatura ao senado, levar a Agenda 2020 da RBS pelos quatro cantos.

Um Estado onde a RBS detém 80% do mercado de mídia só poderia resultar numa manada de midiotas. Cabresteados pela RBS, elegeram o PP gaúcho, todinho na Lava Jato, Afonso Motta, prestes a botar a tornozeleira, Lasier Martins e Ana Amélia Lemos, o que dá a RBS dois Senadores. E, hors concours, o Tiririca da Serra, SARTORI…  Todos eles aliados de Aécio Neves. Essa é a gente que vive de disseminar ódio a Lula, Dilma e ao PT. O que o pitt bull Lasier Martins tem a dizer a respeito de seu colega de RBS, em breve de tornozeleira eletrônica, e de partido?!

Na véspera do 20 de setembro, quando a gauchada comemora uma revolução da casa-grande perdida para o Império, cantemos o Hino Rio-Grandense: “sirvam nossas patranhas de modelo a toda terra”.

PF cita deputado Afonso Motta na operação Zelotes

Inquérito apura suspeitas sobre participação do Grupo RBS em suposta fraude no Carf

Inquérito apura suspeitas sobre participação do Grupo RBS em suposta fraude no Carf | Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara/CP

Inquérito apura suspeitas sobre participação do Grupo RBS em suposta fraude no Carf | Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara/CP

O deputado federal Afonso Motta (PDT-RS) foi citado nas investigações da Polícia Federal sobre o esquema de corrupção no Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais), órgão vinculado ao Ministério da Fazenda, de acordo com o Jornal Folha de São Paulo. O nome do parlamentar surgiu no inquérito aberto para apurar as suspeitas de participação do Grupo RBS. Motta foi vice-presidente jurídico e institucional da empresa até 2009, antes de se eleger à cadeira na Câmara.
Nesta terça-feira, Motta confirmou ter atuado em defesa da RBS ao longo de oito dos 11 anos em que as ações são investigadas. “Após minha saída, houve decisão desfavorável à empresa. A reversão da sentença ocorreu depois. Vejo a citação do meu nome como algo natural, pois trabalhei no período que corresponde a etapa da investigação. Porém, não posso comentar sobre a investigação, porque não fui notificado de nada”, afirmou. Como é deputado federal, ele tem foro privilegiado e só pode ser investigado com autorização do Supremo Tribunal Federal (STF). A Procuradoria-Geral da República (PGR) vai analisar o material coletado pela PF e decidirá se pedirá ou não abertura de inquérito ao STF.
As fraudes investigadas no Carf foram descobertas a partir da Operação Zelotes, deflagrada pela PF em abril. O Carf funciona como tribunal administrativo, responsável por julgar recursos de empresas autuadas pela Receita Federal por deverem impostos. Segundo investigações, conselheiros recebiam propina para votar em favor de redução e até do perdão das dívidas. O contato era feito por intermediários. Lobistas, escritórios de contabilidade ou de advocacia eram responsáveis por cooptar empresas dispostas a pagar propina a conselheiros do esquema, em troca de influência nos resultados dos processos.
Em nota, o Grupo RBS informa que Motta deixou a empresa em 2009 para exercer carreira política. O grupo não comentou a investigação da Polícia Federal sobre a atuação da RBS junto ao Carf.

Correio do Povo | Notícias | PF cita deputado Afonso Motta na operação Zelotes

14/09/2015

Entenda porque o RS está quebrado

OBScena: midiotas portando atestado de imbecilidade

sonegacao nao eh corrupcao marcha de ontemAo invés de mandar os gaúchos resolverem seus problemas na Tumeleiro, Sartori poderia começar mandando policiais prenderem os sonegadores. Claro, os midiotas, sofrendo de toda lavagem cerebral dos maiores corruptos deste estado, ainda portam cartazes de que sonegação não é crime. Não só é crime, como também tem servido para dar atestado de imbecilidade a quem defende a sonegação.

Os assoCIAdos do Instituto Millenium usam do expediente de atacar para se defenderem. O método foi copiado pelos coxinhas na marcha dos zumbis, atando a corrupção dos outros para justificar a deles.

Banco Santander 2 – R$ 3,34 bilhões
Bradesco – R$ 2,75 bilhões
Ford – R$ 1,78 bilhões
Gerdau – R$ 1,22 bilhões
Boston Negócios – R$ 841,26 milhões
Safra – R$ 767,56 milhões
Huawei – R$ 733,18 milhões
RBS – R$ 671,52 milhões
Camargo Correa – R$ 668,77 milhões
MMC-Mitsubishi – R$ 505,33 milhões
Carlos Alberto Mansur – R$ 436,84 milhões
Copesul – R$ 405,69 milhões
Liderprime – R$ 280,43 milhões
Avipal/Granoleo – R$ 272,28 milhões
Marcopolo – R$ 261,19 milhões
Banco Brascan – R$ 220,8 milhões
Pandurata – R$ 162,71 milhões
Coimex/MMC – R$ 131,45 milhões
Via Dragados – R$ 126,53 milhões
Cimento Penha – R$ 109,16 milhões
Newton Cardoso – R$ 106,93 milhões
Bank Boston banco múltiplo – R$ 106,51 milhões
Café Irmãos Júlio – R$ 67,99 milhões
Copersucar – R$ 62,1 milhões
Petrobras – R$ 53,21 milhões
JG Rodrigues – R$ 49,41 milhões
Evora – R$ 48,46 milhões
Boston Comercial e Participações – R$ 43,61 milhões
Boston Admin. e Empreendimentos – R$ 37,46 milhões
Firist – R$ 31,11 milhões
Vicinvest – R$ 22,41 milhões
James Marcos de Oliveira – R$ 16,58 milhões
Mário Augusto Frering – R$ 13,55 milhões
Embraer – R$ 12,07 milhões
Dispet – R$ 10,94 milhões
Partido Progressista – R$ 10,74 milhões
Viação Vale do Ribeira – R$ 10,63 milhões
Nardini Agroindustrial – R$ 9,64 milhões
Eldorado – R$ 9,36 milhões
Carmona – R$ 9,13 milhões
CF Prestadora de Serviços – R$ 9,09 milhões
Via Concessões – R$ 3,72 milhões
Leão e Leão – R$ 3,69 milhões
Copersucar 2 – R$ 2,63 milhões
Construtora Celi – R$ 2,35 milhões
Nicea Canário da Silva – R$ 1,89 milhão
Mundial – Zivi Cutelaria – Hércules – Eberle – Não Disponível
Banco UBS Pactual SA N/D
Bradesco Saúde N/D
BRF N/D
BRF Eleva N/D
Caenge N/D
Cerces N/D
Cervejaria Petrópolis N/D
CMT Engenharia N/D
Dama Participações N/D
Dascan N/D
Frigo  N/D
Hidroservice N/D
Holdenn N/D
Irmãos Júlio N/D
Kanebo Silk N/D
Light N/D
Mineração Rio Novo N/D
Nacional Gás butano N/D
Nova Empreendimentos N/D
Ometo N/D
Refrescos Bandeirantes N/D
Sudestefarma/Comprofar N/D
TIM N/D
Tov N/D
Urubupungá N/D
WEG N/D
Total – R$ 19,77 bilhões

Operação Zelotes: duas máfias operavam no CARF

Dep Stela Farias (PT) e o deputado federal Paulo Pimenta (PT) / Fotos Marcelo Bertani / ALRSDep Stela Farias (PT) e o deputado federal Paulo Pimenta (PT) / Fotos Marcelo Bertani / ALRS

Elmar Bones

Cerca de 300 pessoas lotaram o pequeno espaço do plenarinho da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul para ouvir os esclarecimentos sobre as fraudes que estão sob investigação do Ministério Público Federal e Polícia Federal na Operação Zelotes, deflagrada em março deste ano.

O primeiro a falar foi o deputado federal Paulo Pimenta (PT), vice-presidente da CPI da Câmara Federal sobre as fraudes cometidas no âmbito do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais – CARF e que resultaram na Zelotes.

Pimenta arrancou risadas do público ao detalhar o funcionamento do CARF, órgão que tem mais de um século e cuja existência era desconhecida dos brasileiros até as denúncias daquela Operação.

“Eu mesmo não tinha a menor ideia de como funcionava esse conselho, que decide sobre bilhões de reais em processos de sonegação fiscal”, disse Pimenta.

As primeiras risadas surgiram quando ele explicou que os julgamentos do Conselho são terminativos (não há mais recurso possível) quando a União perde, mas quando ela ganha o contribuinte (empresa privada) ainda pode recorrer. E para isso havia uma verdadeira rede de consultores e advogados para resolver o assunto. “Havia duas máfias operando nesses processos”, disse o deputado.

Os processos em julgamento no CARF envolvem R$ 565 bilhões. O órgão tem 216 conselheiros para esse trabalho: 108 auditores da Receita Federal, geralmente em fim de carreira e que disputam acirradamente esse cargo, que não tem qualquer remuneração (risos da platéia). Outros 108 são “representantes da sociedade”.

Segundo o deputado, os 74 processos nos quais foram encontrados indícios de fraude  somam mais de R$ 21 bilhões (mais da metade do déficit previsto no orçamento federal em 2016). Há também casos de processos que prescreveram sem julgamento e até desaparecimento de processos. “Uma Vara em Brasilia é conhecida como cemitério”, disse Pimenta.

Ele lembrou que, quando foi desencadeada a Zelotes, o MPF pediu a prisão preventiva de 26 pessoas e nove auditores. A Justiça negou os pedidos, assim como negou várias diligências da Polícia Federal. Também foi negada a quebra de sigilo na Operação Zelotes. “Tudo aquilo que o Judiciário diz a respeito da Operação Lava Jato, da necessidade de transparência, divulgação por interesse público, na Zelotes é o contrário”, disse Pimenta.

Uma nova fase, segundo ele,  começou há duas semanas, quando uma nova juíza assumiu o processo. As investigações feitas no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasilia e Santo Ângelo já são resultado dessa nova orientação. Pimenta disse ter informações seguras de que ainda em setembro serão denunciadas as primeiras seis empresas envolvidas em fraude, e cujos processos somam R$ 5,7 bilhões.

Leia também:

Operação Zelotes: duas máfias operavam no CARF – Jornal Já | Porto Alegre

Para Ajuris, “sonegação é uma forma de corrupção, sim”

Audiência na AL / Fotos Marcelo Bertani / Agência ALRSAudiência na AL / Fotos Marcelo Bertani / Agência ALRS

Felipe Uhr

O juiz Mauro Caum Gonçalves, da Associação dos Juízes do Rio Grande do Sul (Ajuris), afirmou na audiência pública realizada hoje na Assembleia Legislativa que a Operação Zelotes revela uma relação promíscua do empresariado com alguns setores da administração pública.

“Estranhamente a maioria dessa grande mídia está silenciosa. É compreensível. Uma das seis grandes famílias que dominam a mídia no Brasil, que é aqui do Rio Grande do Sul, é alvo dessa investigação. E os deputados, os senhores que têm imunidade parlamentar, podem denunciar esses crimes. A sonegação é crime, é uma forma de corrupção, sim”, afirmou.

O presidente do Tribunal Administrativo de Recursos Fiscais, o TARF, aqui no Rio Grande do Sul, Renato José Calsing, falou sobre o funcionamento do órgão, que atua de forma similar a do Carf a nível de tributos estaduais. Ele defendeu a participação da sociedade e da representação da Assembleia Legislativa se acharem que o funcionamento do Carf não está adequado. Também comparou o tamanho do TARF em relação da união. “Nós julgamos em 2014 R$ 3 bilhões, enquanto o Carf está julgando mais de 500 bilhões”

Ao final da audiência, o deputado Paulo Pimenta (PT), relator da sub-comissão que acompanha a CPI do Carf, disse que a CPI do CARF tem até um caráter quase que pedagógico, pois explica a complexidade de um órgão que tem um estoque pra julgar de 585 bilhões de reais” declarou.

Leia também:

12/09/2015

Dossiê Operação Zelotes

A maior e melhor cobertura a Operação Zelotes, no Rio Grande do Sul, tem sido feita pela mídia alternativa, Jornal Já e Sul21. O Correio do Povo, agora pertencente ao Grupo Record tem feito uma cobertura tímida, caudatária dos vazamentos, sem dar a mesma ênfase aos vazamentos da Lava Jato.

Para ler tudo o que o Sul21 publicou sobre a Zelotes, clique AQUI. Se quiseres ler somente o que o Jornal Já publicou, clique AQUI. Se tiveres preferência pelo Brasil247, clique AQUI.

Abaixo, a reunião de tudo o que já foi publicado. Como se pode ver, não há link para nenhuma das cinco irmãs (Veja, Globo, Folha, Estadão & RBS). Claro, elas são as principais envolvidas na sonegação milionária. Coincidentemente, os midiotas da Marcha dos Zumbis levavam cartazes com uma mentira do tamanho destes grupos de mídia: Sonegação não é crime. Agem como se o a escrita em cartazes fosse o suficiente para apagar o que está na lei. Infelizmente, não deixam de ter razão, não pelo fato, mas pelas versões. No Brasil, em se tratando da aplicação legal, pau que dá em chico não dá em francisco. A todo momento temos prova disso.

Por tanto, ninguém está botando o Brasil a limpo. E quem melhor definiu isto foi o humorista do canal Porta do Fundos, Gregório Duvivier, em entrevista ao canal 24 Horas: "Eduardo Cunha, Aécio Neves e Renan Calheiros querem tirar a Dilma por causa da corrupção? Até parece. É querer limpar o chão com bosta".

A diferença de tratamento se faz ainda mais gritante se observado o volume de dinheiro envolvido. Os desvios, via CARF, só não superam aqueles da Lista Falciani do HSBC. Superam em alguns milhões os da Lava Jato. Por incrível que pareça, em que pese o volume superior ao orçamento de muitos Estados Brasileiros, o juiz que estava encarregado dava uma de Rodrigo de Grandis, uma espécie de filho temporão do Geraldo Brindeiro. Precisou denúncia e  interferência do CNJ para o trabalho andasse. Ainda assim, não há nenhuma prisão preventiva, nem delação premiada, nem vazamento às sextas-feiras para serem publicados na Época ou Veja.

Claro, envolvendo os principais financiadores ideológicos da demonização do PT, a Zelotes também tem a honra de ter pescado o principal artífice no TCU do golpismo, Augusto Nardes.

O ódio ao PT, Lula e Dilma é porque não há, como nos tempos de FHC, um Engavetador Geral. Mesmo com toda parcialidade de segmentos da Polícia Federal, MPF e Poder Judiciário, a internet não deixa que o assunto morra. A verdade é que Dilma tirou a sujeira que estava escondida embaixo do tapete. Como já disse o tucano Ricardo Semler, “nunca se roubou tão pouco”. Simples, porque nunca se investigou tanto, nunca de deu tanta estrutura e liberdade de atuação como agora. Se os corruptos que inventaram o impostômetro passagem seus impostos, não precisaria inventar mais impostos. Todo dinheiro sonegado é remédio retirado dos hospitais, merenda das creches e escolas, segurança das ruas. E pior do que esta turma de sonegadores são os assoCIAdos do Instituto Millenium, que acobertam os criminosos.

Hoje não há  nada mais nocivo e que mais atenta contra o avanço das nossas instituições do que os grupos mafiomidiáticos. Marcola, diante dos donos da velha mídia, é um anjo. Até porque o produto do Marcola não entra nas nossas casas, já o produto da RBS, Globo estão todos os dias, por falta de alternativa, chegando.

ESSE É O VERDEIRO MOTIVO DO ÓDIO AO PT, LULA  E DILMA.

Este Dossiê é uma forma de servir à memória, para que não se perca nos escaninhos dos locupletamentos mafiomidiáticos.

 

Zelotes: Suspeitos de favorecer RBS silenciam na CPI do CARF

Senadores Ataídes Oliveira e Vanessa Grazziotin, presidente e relatora da CPI / Marcos Oliveira/Ag Senado

Com informações da Agência Brasil Dois dos quatro convocados para depor hoje pela manhã na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que investiga denúncias de irregularidades no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), apresentaram justificativas e não compareceram à comissão. Os outros dois optaram por não responder às perguntas dos membros da CPI. Entre eles, estão o…

Leia mais

Zelotes: Suspeitos de favorecer RBS irão depor na CPI do CARF

Pichação ao lado do prédio da empresa de comunicação denunciada / Foto Matheus Chaparini

Felipe Uhr A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), no Senado Federal, que apura irregularidades no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF) irá ouvir na próxima semana mais quatro envolvidos no esquema de favorecimento a grandes empresas. Entre eles, estão o ex-presidente do CARF, Edson Pereira Rodrigues, e o ex- conselheiro, José Ricardo da Silva, que conforme…

Leia mais

  • 19 de agosto de 2015
  • Geral

CPI que investiga Zelotes ouve quatro suspeitos de irregularidades

CPI ouve mais quatro suspeitos. Foto:   (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A CPI do Carf vai ouvir amanhã, a partir das 9h, quatro suspeitos de irregularidades no Conselho. Os depoentes serão auditor fiscal Eduardo Cerqueira Leite e o advogado Wagner Pires de Oliveira, o assessor Lutero Fernandes do Nascimento e o ex-auditor fiscal Jeferson Ribeiro Salazar. Os acusados estão envolvidos em supostas manipulações de julgamentos do…

Leia mais

O escandaloso abafamento da Operação Zelotes

Investigações apuram manipulação de processos e julgamentos de pessoas jurídicas autuadas pela Receita / Foto Divulgação PF

Henrique FontanA Deputado Federal (PT) * Ao contrário da Lava Jato, Judiciário evita prisões e até escutas, na “investigação” sobre grande caso de sonegação que envolve a nata da aristocracia financeira A corregedora nacional de Justiça, Nancy Andrighi, determinou que o juiz Ricardo Augusto Soares Leite, titular da 10ª Vara Federal de Brasília, preste esclarecimentos…

Leia mais

Professor picha ‘Zelotes’ em desabafo contra Grupo RBS

Borba diz que empresa é farmácia de manipulação /Foto Matheus Chaparini

Ontem por volta das cinco horas da tarde, o professor de História e Filosofia, Rogério Borba, da rede de ensino público estadual, pichou um poste na esquina das avenidas Ipiranga e Érico Veríssimo, em frente ao prédio da RBS, com a inscrição ‘Zelotes’, em referência à operação da Polícia Federal envolvendo empresas suspeitas de corrupção,…

Leia mais

CPI ouve envolvidos na Operação Zelotes

Depoimento do ex-conselheiro Maurício Taveira em agosto / Edilson Rodrigues / Agência Senado

A CPI do Carf, que investiga denúncias de irregularidades no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, tomou nesta quinta-feira (6) depoimentos de Maurício Taveira e Antonio Lisboa. Ambos são ex-conselheiros do órgão, ligado ao Ministério da Fazenda, e participaram entre outros do julgamento que levou a um desconto na autuação da Mitsubishi, reduzindo um débito fiscal…

Leia mais

Juiz da Zelotes é afastado do caso a pedido do MPF

Investigações apuram manipulação de processos e julgamentos de pessoas jurídicas autuadas pela Receita / Foto Divulgação PF

O juiz Ricardo Augusto Soares Leite, responsável pela 10ª Vara Federal do DF, não responde mais pelo processo da Operação Zelotes, considerado o maior escândalo de corrupção do país. O magistrado foi afastado e quem responderá pelo caso será a juíza Marianne Borré. Ricardo Leite, que negou os pedidos de prisão temporária de 26 investigados solicitados pelo…

Posts anteriores

mat-esp1EXCLUSIVO: A tesoura que assombra a RBS

137125_S

Foi aprovado hoje pela Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados o requerimento, do deputado Paulo Pimenta (PT-RS), que pedia a realização de uma audiência pública obre a Operação Zelotes na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. O pedido é da própria casa gaúcha que quer um parecer da investigações da…

Leia mais

  • 13 de maio de 2015
  • Geral

Operação Zelotes: “As grandes empresas são favorecidas”

Francisco Paiva prestou informações aos deputados sobre a investigação | Luis Macedo / Agência Câmara

Em  depoimento esta manhã na Câmara dos Deputados, o procurador federal Frederico Paiva afirmou que a União vence 95% do processos analisados pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, o Carf. “O problema, disse ele, é que os 5% restantes representam 80% do valor dos débitos em julgamento no órgão”. Aí, as grandes empresas são favorecidas…

Leia mais

  • 22 de abril de 2015
  • Geral

Clima de apreensão nos bastidores da Operação Zelotes

Rrevista dedicou a capa da edição de 10 de abril à operação, que segue na pauta | Reprodução JÁ

Elmar Bones A matéria mais completa publicada até agora sobre a “Operação Zelotes”  está na Carta Capital desta semana, assinada por Fábio Serapião. A revista dedicou ainda a capa da edição do dia 10 de abril ao assunto. Além de detalhar a operação (em que consiste, quais são os envolvidos e como se operavam as…

Leia mais

  • 21 de abril de 2015
  • Geral

Zelotes vira “operação que apura fraudes ao fisco”

Procurador quer dedicar-se exclusivamente ao tema | Divulgação/JÁ

Elmar Bones O procurador Frederico Paiva, que comanda as investigações da Operação Zelotes pediu licença de outras atividades para se dedicar exclusivamente à bilionária fraude praticada por integrantes do Conselho de Arrecadação Fiscal em benefício de grandes empresas. Ele diz que tem para examinar 2,3 mil horas de escutas, 230 mil emails de 43 suspeitos,…

Leia mais

  • 28 de março de 2015
  • Geral

Gerdau e RBS na lista da Operação Zelotes

predio-rbs2

O grupo Gerdau e a RBS estão numa lista de grandes empresas – Bradesco, Santander, Safra, Pactual, Bank Boston, Ford e Mitsubishi,  BR Foods –  investigadas por suspeita de pagar propina para apagar débitos com a Receita Federal no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF). Constam da lista também a Petrobrás, Camargo Corrêa e a…

Leia mais

Augusto Nardes, do TCU, estaria no esquema de corrupção no Carf?

Augusto Nardes: ele é o relator das contas de Dilma no TCU / Valter Campanato / Ag Brasil

Operação Zelotes fez buscas na cidade do ministro, Santo Ângelo (RS). Nome do ex-deputado teria aparecido como sócio de empresa envolvida em fraudes contra o fisco. Caso vai ao STF por André Barrocal/Carta Capital A Operação Zelotes, que apura um esquema de corrupção destinado a anular a cobrança de bilhões em tributos federais, esbarrou em…

Leia mais

Chargista responde às críticas de diretor da RBS contra blogs

Foto Arquivo pessoal

O chargista Santiago Neltair Abreu utilizou as redes sociais hoje à tarde para rebater as críticas feitas por um dos diretores da RBS, jornalista Marcelo Rech, sobre a atuação de blogs independentes. MAS ERA SÓ QUE FALTAVA Um dos grandões da RBS, Marcelo Rech, com cara de pau escreve hoje na Zero Hora indignado porque o governo…

Leia mais

Posts anteriores

Últimos posts

    Search results for "zelotes" Page 2Você pesquisou por zelotes – Página 2 de 4 – Jornal Já | Porto Alegre

 

Operação Zelotes volta a andar e pode atingir a Globo | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-volta-a-andar-e-pode-atingir-a- Globo.htm

Operação Zelotes volta a andar e pode atingir a Globo | Brasil 24/7

20 ago. 2015 A Operação Zelotes, portanto, poderia tirar o Brasil do ajuste fiscal, se vingasse. Estima-se que envolve o montante sonegado de 19 bilhões …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-volta-a-andar-e-pode-atingir-a- Globo.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: Luciana Genro dispara contra RBS | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Luciana-Genro-dispara-contra-RBS.htm

Zelotes: Luciana Genro dispara contra RBS | Brasil 24/7

29 mar. 2015 … dia", disse Luciana Genro sobre o envolvimento da RBS, afiliada da Rede Globo na Região Sul, na Operação Zelotes, da Polícia Federal.

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Luciana-Genro-dispara-contra-RBS.htm

recortado do Google – 9/2015

Operação Zelotes: RBS é suspeita de pagar 1 e abater 10 em

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-RBS-é-suspeita-de-pagar-1-e-abater -10-em-impostos.htm

Operação Zelotes: RBS é suspeita de pagar 1 e abater 10 em

28 mar. 2015 RS 247 – A RBS, um dos principais grupos de mídia do País e afiliada da Rede Globo na Região Sul, é um dos alvos da Operação Zelotes, da …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-RBS-é-suspeita-de-pagar-1-e-abater -10-em-impostos.htm

recortado do Google – 9/2015

Caso RBS é um dos mais graves da Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Caso-RBS-é-um-dos-mais-graves-da-Operação- Zelotes.htm

Caso RBS é um dos mais graves da Operação Zelotes | Brasil 24/7

31 mar. 2015 Caso RBS é um dos mais graves da Operação Zelotes. : Segundo o Ministério Público, rede de comunicação presidida por Eduardo Sirotsky …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Caso-RBS-é-um-dos-mais-graves-da-Operação- Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Juiz da Operação Zelotes é afastado do caso | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Juiz-da-Operação-Zelotes-é-afastado-do-caso.htm

Juiz da Operação Zelotes é afastado do caso | Brasil 24/7

6 ago. 2015 Juiz Ricardo Augusto Soares Leite, responsável pela 10ª Vara Federal do DF, não responde mais pelo processo da Operação Zelotes, que …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Juiz-da-Operação-Zelotes-é-afastado-do-caso.htm

recortado do Google – 9/2015

Operação Zelotes vai investigar Erenice Guerra | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-vai-investigar-Erenice-Guerra.htm

Operação Zelotes vai investigar Erenice Guerra | Brasil 24/7

4 abr. 2015 Ex-ministra chefe da Casa Civil Erenice Guerra será investigada pela Operação Zelotes, que apura prejuízo de cerca de R$ 19 bilhões à …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-vai-investigar-Erenice-Guerra.htm

recortado do Google – 9/2015

Operação Zelotes: PF fez batida no Banco Safra | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-PF-fez-batida-no-Banco-Safra.htm

Operação Zelotes: PF fez batida no Banco Safra | Brasil 24/7

26 mar. 2015 A batida foi parte da Operação Zelotes, da Polícia Federal, que apura fraudes contra a Receita Federal. Os desvios, estimados em R$ 19 …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-PF-fez-batida-no-Banco-Safra.htm

recortado do Google – 9/2015

Contra o silêncio que cerca a Operação Zelotes – Tereza Cruvinel

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/contra-o-silencio-que-cerca-operacao-zelotes/

Contra o silêncio que cerca a Operação Zelotes – Tereza Cruvinel

28 abr. 2015 Tentando romper o muro de silêncio que se vai construindo em torno da Operação Zelotes, o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), relator da …

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/contra-o-silencio-que-cerca-operacao-zelotes/

recortado do Google – 9/2015

Janot cria força-tarefa para apurar Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Janot-cria-força-tarefa-para-apurar-Operação- Zelotes.htm

Janot cria força-tarefa para apurar Operação Zelotes | Brasil 24/7

7 abr. 2015 Janot cria força-tarefa para apurar Operação Zelotes. : O Conselho Superior do Ministério Público Federal (MPF) aprovou a criação de uma …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Janot-cria-força-tarefa-para-apurar-Operação- Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: Gerdau pode ser condenado em R$ 5 bi | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Gerdau-pode-ser-condenado-em-R$-5-bi.htm

Zelotes: Gerdau pode ser condenado em R$ 5 bi | Brasil 24/7

16 maio 2015 O empresário Jorge Gerdau pode receber a maior punição na Operação Zelotes, que apura fraudes e esquemas de sonegação fiscal; nada …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Gerdau-pode-ser-condenado-em-R$-5-bi.htm

recortado do Google – 9/2015

Lava Jato e Zelotes têm diferenças gritantes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Lava-Jato-e-Zelotes-têm-diferenças-gritantes.htm

Lava Jato e Zelotes têm diferenças gritantes | Brasil 24/7

2 maio 2015 No Congresso, duas ações correm paralelas tentando quebrar as barreiras em torno da Operação Zelotes, montadas pelo Judiciário.

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Lava-Jato-e-Zelotes-têm-diferenças-gritantes.htm

recortado do Google – 9/2015

CNJ acolhe denúncia contra juízes da Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CNJ-acolhe-denúncia-contra-juízes-da-Zelotes.htm

CNJ acolhe denúncia contra juízes da Zelotes | Brasil 24/7

3 ago. 2015 … à Receita na Operação Zelotes; ao contrário do juiz Sergio Moro, que prende e arrebenta quem deseja’, lembra a jornalista Tereza Cruvinel, …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CNJ-acolhe-denúncia-contra-juízes-da-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Operação Zelotes será desmembrada, dizem delegados | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-será-desmembrada-dizem- delegados.htm

Operação Zelotes será desmembrada, dizem delegados | Brasil 24/7

20 maio 2015 Pedro Peduzzi, da Agência Brasil – A Operação Zelotes será desmembrada, de forma a facilitar as investigações e as instruções processuais …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-será-desmembrada-dizem- delegados.htm

recortado do Google – 9/2015

Ao contrário das empreiteiras, “zelotes” são protegidos pelo sigilo

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/ao-contrario-das-empreiteiras-zelotes-sao-protegidos- pelo-sigilo/

Ao contrário das empreiteiras, “zelotes” são protegidos pelo sigilo

30 mar. 2015 por Tereza Cruvinel. A Polícia Federal e os procuradores vêm tendo, na Operação Zelotes, cuidados que não tiveram na Operação Lava Jato …

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/ao-contrario-das-empreiteiras-zelotes-sao-protegidos- pelo-sigilo/

recortado do Google – 9/2015

Zelotes faz buscas em escritórios de contabilidade | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-faz-buscas-em-escritórios-de-contabilidade. htm

Zelotes faz buscas em escritórios de contabilidade | Brasil 24/7

3 set. 2015 A Operação Zelotes foi deflagrada no dia 26 de março deste ano. Ao todo, 180 policiais federais e 55 fiscais da Receita Federal cumpriram 41 …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-faz-buscas-em-escritórios-de-contabilidade. htm

recortado do Google – 9/2015

Esquecida, Zelotes já deu perdas iguais à Lava Jato | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Esquecida-Zelotes-já-deu-perdas-iguais-à-Lava-Jato. htm

Esquecida, Zelotes já deu perdas iguais à Lava Jato | Brasil 24/7

24 abr. 2015 Entretanto, a Operação Zelotes, que investiga o esquema do CARF, vem sendo esquecida pela mídia, pelo Congresso e pelos udenistas de …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Esquecida-Zelotes-já-deu-perdas-iguais-à-Lava-Jato. htm

recortado do Google – 9/2015

Procurador quer fim de sigilo da Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Procurador-quer-fim-de-sigilo-da-Operação-Zelotes. htm

Procurador quer fim de sigilo da Operação Zelotes | Brasil 24/7

28 mar. 2015 Procurador quer fim de sigilo da Operação Zelotes. : O procurador do Ministério Público Federal (MPF) Frederico Paiva, deverá pedir ao juiz …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Procurador-quer-fim-de-sigilo-da-Operação-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

Caoa nega ser alvo da Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Caoa-nega-ser-alvo-da-Operação-Zelotes.htm

Caoa nega ser alvo da Operação Zelotes | Brasil 24/7

28 mar. 2015 Em nota, o grupo Caoa, um dos principais revendedores Ford e Hyundai do País , informou não ter relação com a Operação Zelotes; grupo foi …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Caoa-nega-ser-alvo-da-Operação-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Gerdau pode ter pago a maior propina da Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Gerdau-pode-ter-pago-a-maior-propina-da-Zelotes. htm

Gerdau pode ter pago a maior propina da Zelotes | Brasil 24/7

3 abr. 2015 … Gerdau Johannpeter, foi apontado pela Polícia Federal como o responsável pela maior propina descoberta na Operação Zelotes, ação que …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Gerdau-pode-ter-pago-a-maior-propina-da-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

HSBC e Zelotes atingem coração da direita no País | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/HSBC-e-Zelotes-atingem-coração-da-direita-no-País. htm

HSBC e Zelotes atingem coração da direita no País | Brasil 24/7

3 abr. 2015 A Operação Zelotes fisgou uma quadrilha especializada em vender facilidades no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, o Carf, …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/HSBC-e-Zelotes-atingem-coração-da-direita-no-País. htm

recortado do Google – 9/2015

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

© 2015 Google

reviews – – cal – Price range: Availability: . Price: .

– –

Google Custom Search

Renan anuncia criação da CPI da Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Renan-anuncia-criação-da-CPI-da-Operação-Zelotes. htm

Renan anuncia criação da CPI da Operação Zelotes | Brasil 24/7

29 abr. 2015 Renan anuncia criação da CPI da Operação Zelotes. Jane de Araújo/Agência Senado: Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Renan-anuncia-criação-da-CPI-da-Operação-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

CPI e MPF vão trabalhar juntos na Operação Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-e-MPF-vão-trabalhar-juntos-na-Operação-Zelotes .htm

CPI e MPF vão trabalhar juntos na Operação Zelotes | Brasil 24/7

26 maio 2015 Procurador federal Frederico Paiva, responsável pelas investigações da Operação Zelotes, disse que a CPI instalada na semana passada no …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-e-MPF-vão-trabalhar-juntos-na-Operação-Zelotes .htm

recortado do Google – 9/2015

Paulo Pimenta: Folha ataca quem investiga Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Paulo-Pimenta-Folha-ataca-quem-investiga-Zelotes. htm

Paulo Pimenta: Folha ataca quem investiga Zelotes | Brasil 24/7

21 maio 2015 O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) respondeu à crítica do jornal Folha de S. Paulo, que o acusa de "inflar" a operação Zelotes, para …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Paulo-Pimenta-Folha-ataca-quem-investiga-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

Sobrinho de Nardes era ponte entre RBS e principal acusado da

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Sobrinho-de-Nardes-era-ponte-entre-RBS-e-principal- acusado-da-Zelotes.htm

Sobrinho de Nardes era ponte entre RBS e principal acusado da

2 dias atrás De acordo com documentos obtidos pelo Cafezinho, a operação Zelotes descobriu quem era o advogado que fazia a intermediação entre a …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Sobrinho-de-Nardes-era-ponte-entre-RBS-e-principal- acusado-da-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Operação Zelotes também investiga participação de Cerveró | Brasil

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-também-investiga-participação-de- Cerveró.htm

Operação Zelotes também investiga participação de Cerveró | Brasil

28 mar. 2015 A Operação Zelotes, que apura casos de corrupção junto ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), responsável por julgar …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Operação-Zelotes-também-investiga-participação-de- Cerveró.htm

recortado do Google – 9/2015

Polícia Federal começa segunda fase da Operação Zelotes | Brasil

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Polícia-Federal-começa-segunda-fase-da-Operação- Zelotes.htm

Polícia Federal começa segunda fase da Operação Zelotes | Brasil

Polícia Federal começa segunda fase da Operação Zelotes. FELIPE L. GONCALVES, 4 de Setembro de 2015 às 07:59 …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Polícia-Federal-começa-segunda-fase-da-Operação- Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Economist: Zelotes pode ser maior que Lava Jato | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Economist-Zelotes-pode-ser-maior-que-Lava-Jato.htm

Economist: Zelotes pode ser maior que Lava Jato | Brasil 24/7

2 abr. 2015 De acordo com a publicação, crimes de evasão fiscal no Brasil já são "um esporte nacional", fazendo menção à Operação Zelotes, deflagrada …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Economist-Zelotes-pode-ser-maior-que-Lava-Jato.htm

recortado do Google – 9/2015

Pai de líder do PP é alvo da Operação Zelotes da PF | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pai-de-líder-do-PP-é-alvo-da-Operação-Zelotes-da-PF .htm

Pai de líder do PP é alvo da Operação Zelotes da PF | Brasil 24/7

26 mar. 2015 A Operação Zelotes, deflagrada nesta quinta-feira (26) pela Polícia Federal e Ministério Público com o objetivo de investigar um escândalos …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pai-de-líder-do-PP-é-alvo-da-Operação-Zelotes-da-PF .htm

recortado do Google – 9/2015

Safra, Gerdau e ex-chefe da Receita caem na Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Safra-Gerdau-e-ex-chefe-da-Receita-caem-na-Zelotes. htm

Safra, Gerdau e ex-chefe da Receita caem na Zelotes | Brasil 24/7

27 mar. 2015 247 – Além do Banco Safra, de Joseph Safra, a operação Zelotes, da Polícia Federal, que apura fraudes contra a Receita Federal estimada …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Safra-Gerdau-e-ex-chefe-da-Receita-caem-na-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

Senado vai apurar Zelotes; CPI do HSBC expõe figurões | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/pt/247/…/Senado-vai-apurar-Zelotes;-CPI…

Senado vai apurar Zelotes; CPI do HSBC expõe figurões | Brasil 24/7

10 abr. 2015 Deve ser instalada na próxima semana a CPI que investigará a Operação Zelotes, este que "poderia mesmo ser chamado de ‘o maior …

Construtora Celi aparece na lista da Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Construtora-Celi-aparece-na-lista-da-Zelotes. htm

Construtora Celi aparece na lista da Zelotes | Brasil 24/7

6 abr. 2015 O esquema é alvo da Operação Zelotes, da Polícia Federal. Os investigadores apuram indícios de irregularidades em 74 processos.

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Construtora-Celi-aparece-na-lista-da-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

Uma CPI para os Zelotes? – Tereza Cruvinel

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/2015/04/01/uma-cpi-para-os-zelotes/

Uma CPI para os Zelotes? – Tereza Cruvinel

1 abr. 2015 O que explica o baixo interesse da mídia e da oposição pela Operação Zelotes, que identificou um mega-esquema de corrupção na Receita …

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/2015/04/01/uma-cpi-para-os-zelotes/

recortado do Google – 9/2015

PF abre inquérito contra Banco Safra na Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/PF-abre-inquérito-contra-Banco-Safra-na-Zelotes.htm

PF abre inquérito contra Banco Safra na Zelotes | Brasil 24/7

21 maio 2015 Novo desdobramento da operação Zelotes: a Polícia Federal abriu um inquérito para investigar o Banco Safra, de Joseph Safra, sob a …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/PF-abre-inquérito-contra-Banco-Safra-na-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Pimenta lança ofensiva contra silêncio da Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pimenta-lança-ofensiva-contra-silêncio-da-Zelotes. htm

Pimenta lança ofensiva contra silêncio da Zelotes | Brasil 24/7

28 abr. 2015 Tentando romper o muro de silêncio que se vai construindo em torno da Operação Zelotes, o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), relator da …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pimenta-lança-ofensiva-contra-silêncio-da-Zelotes. htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes, Lavaram e enxugaram a jato! | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Lavaram-e-enxugaram-a-jato!.htm

Zelotes, Lavaram e enxugaram a jato! | Brasil 24/7

16 maio 2015 Impressiona a forma dissimulada como o PIG trata a operação Zelotes, o bilionário e maior escândalo de sonegação fiscal da história. “Para o …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Lavaram-e-enxugaram-a-jato!.htm

recortado do Google – 9/2015

CPI, PF e MP formam “aliança poderosa” contra o Carf | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-PF-e-MP-formam-“aliança-poderosa”-contra-o- Carf.htm

CPI, PF e MP formam “aliança poderosa” contra o Carf | Brasil 24/7

28 maio 2015 Na relação das empresas listadas na Operação Zelotes também constam Petrobrás, Camargo Corrêa e a Ligth, distribuidora de energia do …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-PF-e-MP-formam-“aliança-poderosa”-contra-o- Carf.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes:delação premiada pode complicar Gerdau | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotesdelação-premiada-pode-complicar- Gerdau.htm

Zelotes:delação premiada pode complicar Gerdau | Brasil 24/7

7 abr. 2015 A Operação Zelotes fisgou uma quadrilha especializada em vender facilidades no Carf, causando um prejuízo estimado em R$ 19 bilhões.

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotesdelação-premiada-pode-complicar- Gerdau.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes será acompanhada por subcomissão da Câmara – Tereza

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/zelotes-sera-acompanhada-por-subcomissao-da-camara /

Zelotes será acompanhada por subcomissão da Câmara – Tereza

8 abr. 2015 A Operação Zelotes foi deflagrada no dia 26 de março, por diversos órgãos federais para apurar um esquema de pagamento de propina por …

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/zelotes-sera-acompanhada-por-subcomissao-da-camara /

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: Marcopolo pode ter pago propina de R$ 1 mi | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Marcopolo-pode-ter-pago-propina-de-R$-1- mi.htm

Zelotes: Marcopolo pode ter pago propina de R$ 1 mi | Brasil 24/7

2 abr. 2015 247 – A Polícia Federal, na operação Zelotes, identificou suposto acerto feito pela empresa Marcopolo de R$ 1 milhão para resolver processo …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Marcopolo-pode-ter-pago-propina-de-R$-1- mi.htm

recortado do Google – 9/2015

Por que a oposição não pede CPI da Zelotes? | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Por-que-a-oposição-não-pede-CPI-da-Zelotes. htm

Por que a oposição não pede CPI da Zelotes? | Brasil 24/7

4 abr. 2015 Além de Gerdau, outros nomes ligados à oposição foram desnudados pela Operação Zelotes. A RBS, afiliada da Globo na Região

Levy: acusados da Zelotes responderão a processo | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Levy-acusados-da-Zelotes-responderão-a-processo. htm

Levy: acusados da Zelotes responderão a processo | Brasil 24/7

29 abr. 2015 Ministro da Fazenda lembrou nesta quarta-feira, 29, durante audiência na Câmara, que as investigações da Operação Zelotes se originaram …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Levy-acusados-da-Zelotes-responderão-a-processo. htm

recortado do Google – 9/2015

Senadores da CPI do Carf receberam inquéritos da Operação Zelotes

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Senadores-da-CPI-do-Carf-receberam-inquéritos-da- Operação-Zelotes.htm

Senadores da CPI do Carf receberam inquéritos da Operação Zelotes

Senadores da CPI do Carf receberam inquéritos da Operação Zelotes. FELIPE L. GONCALVES, 3 de Junho de 2015 às 05:54 …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Senadores-da-CPI-do-Carf-receberam-inquéritos-da- Operação-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

MPF: Zelotes terminará praticamente sem punição | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/MPF-Zelotes-terminará-praticamente-sem-punição. htm

MPF: Zelotes terminará praticamente sem punição | Brasil 24/7

13 maio 2015 O procurador da República Frederico Paiva, responsável pela condução da Operação Zelotes no MPF, afirmou nesta quarta-feira, 13, em …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/MPF-Zelotes-terminará-praticamente-sem-punição. htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: CPI pode pedir quebra de sigilos do presidente da Mitsubishi

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotes-CPI-pode-pedir-quebra-de-sigilos-do- presidente-da-Mitsubishi.htm

Zelotes: CPI pode pedir quebra de sigilos do presidente da Mitsubishi

9 jul. 2015 O primeiro depoimento de um executivo de empresa investigada na Operação Zelotes "não ajudou muito", segundo presidente da CPI do …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotes-CPI-pode-pedir-quebra-de-sigilos-do- presidente-da-Mitsubishi.htm

recortado do Google – 9/2015

Câmara instala subcomissão para acompanhar Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Câmara-instala-subcomissão-para-acompanhar- Zelotes.htm

Câmara instala subcomissão para acompanhar Zelotes | Brasil 24/7

24 abr. 2015 247 – Foi instalada nessa semana a subcomissão da Câmara dos Deputados para acompanhar a Operação Zelotes da Polícia Federal.

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Câmara-instala-subcomissão-para-acompanhar- Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Primeiras denúncias da Zelotes serão feitas em agosto | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Primeiras-denúncias-da-Zelotes-serão-feitas-em- agosto.htm

Primeiras denúncias da Zelotes serão feitas em agosto | Brasil 24/7

22 jul. 2015 247 – A juíza Mariana Boré, da 10ª Vara Criminal de Brasília, autorizou a quebra do sigilo bancário de vários envolvidos na Operação Zelotes, …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Primeiras-denúncias-da-Zelotes-serão-feitas-em- agosto.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: Propina chegava a R$ 300 milhões | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Propina-chegava-a-R$-300-milhões.htm

Zelotes: Propina chegava a R$ 300 milhões | Brasil 24/7

27 mar. 2015 247 – O esquema bilionário de fraudes na Receita Federal descoberto pela Polícia Federal as investigações da Operação Zelotes indicam …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Propina-chegava-a-R$-300-milhões.htm

recortado do Google – 9/2015

Dornelles pode estar na mira da Zelotes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Dornelles-pode-estar-na-mira-da-Zelotes.htm

Dornelles pode estar na mira da Zelotes | Brasil 24/7

12 abr. 2015 No fim de março, Gruginski, a consultoria SGR e seu sócio José Ricardo se tornaram os principais alvos da Operação Zelotes. A ação …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Dornelles-pode-estar-na-mira-da-Zelotes.htm

recortado do Google – 9/2015

Polícia Federal deflagra Operação Zelotes, que constatou fraudes

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Polícia-Federal-deflagra-Operação-Zelotes-que- constatou-fraudes-de-até-6-bilhões-de-reais.htm

Polícia Federal deflagra Operação Zelotes, que constatou fraudes

27 mar. 2015 Polícia Federal deflagra Operação Zelotes, que constatou fraudes de até 6 bilhões de reais. FELIPE L. GONCALVES, 27 de Março de 2015 às …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Polícia-Federal-deflagra-Operação-Zelotes-que- constatou-fraudes-de-até-6-bilhões-de-reais.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes investiga empresa que pertenceu a Nardes | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-investiga-empresa-que-pertenceu-a-Nardes. htm

Zelotes investiga empresa que pertenceu a Nardes | Brasil 24/7

3 dias atrás A Operação Zelotes, que apura o esquema de corrupção na cobrança de tributos federais, esbarrou no ministro do Tribunal de Contas

Denúncias inicias da Zelotes devem atingir 30 pessoas | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Denúncias-inicias-da-Zelotes-devem-atingir-30- pessoas.htm

Denúncias inicias da Zelotes devem atingir 30 pessoas | Brasil 24/7

23 jul. 2015 247 – A juíza Mariana Boré, da 10ª Vara Criminal de Brasília, autorizou a quebra do sigilo bancário de vários envolvidos na Operação Zelotes, …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Denúncias-inicias-da-Zelotes-devem-atingir-30- pessoas.htm

recortado do Google – 9/2015

Light é citada na Zelotes por processos de quase R$ 1 bi | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Light-é-citada-na-Zelotes-por-processos-de-quase-R$- 1-bi.htm

Light é citada na Zelotes por processos de quase R$ 1 bi | Brasil 24/7

13 abr. 2015 247 – A companhia Light, distribuidora de energia elétrica no estado do Rio de Janeiro, foi citada na Operação Zelotes, da Policia Federal, …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Light-é-citada-na-Zelotes-por-processos-de-quase-R$- 1-bi.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: R$ 565 bi em impostos são contestados junto ao Carf

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotes-R$-565-bi-em-impostos-são- contestados-junto-ao-Carf.htm

Zelotes: R$ 565 bi em impostos são contestados junto ao Carf

6 maio 2015 O recurso em tramitação até o estouro da Operação Zelotes, contestando o maior volume de impostos, é do Banco Santander, que queria se …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Zelotes-R$-565-bi-em-impostos-são- contestados-junto-ao-Carf.htm

recortado do Google – 9/2015

Requerimento de criação da CPI da Zelotes é lido no Senado

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Requerimento-de-criação-da-CPI-da-Zelotes-é-lido-no -Senado.htm

Requerimento de criação da CPI da Zelotes é lido no Senado

28 abr. 2015 A chamada CPI do Carf, ou CPI da Operação Zelotes – em alusão à operação da Polícia Federal que investigou as irregularidades – recebeu …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Requerimento-de-criação-da-CPI-da-Zelotes-é-lido-no -Senado.htm

recortado do Google – 9/2015

Safra ofereceu R$ 28 mi para quitar R$ 793 milhões | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Safra-ofereceu-R$-28-mi-para-quitar-R$-793-milhões .htm

Safra ofereceu R$ 28 mi para quitar R$ 793 milhões | Brasil 24/7

1 abr. 2015 Investigadores da Operação Zelotes acusam um conselheiro do Banco Safra, de Joseph Safra, de oferecer ao Carf R$ 28 milhões para se …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Safra-ofereceu-R$-28-mi-para-quitar-R$-793-milhões .htm

recortado do Google – 9/2015

Perdas da Receita equivalem às da Petrobrás – Tereza Cruvinel

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/perdas-da-receita-equivalem-da-petrobras/

Perdas da Receita equivalem às da Petrobrás – Tereza Cruvinel

24 abr. 2015 Entretanto, a Operação Zelotes, que investiga o esquema do CARF, vem sendo esquecida pela mídia, pelo Congresso e pelos udenistas de …

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/perdas-da-receita-equivalem-da-petrobras/

recortado do Google – 9/2015

Investigados na Zelotes movimentaram R$ 1,2 bilhão | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Investigados-na-Zelotes-movimentaram-R$-12- bilhão.htm

Investigados na Zelotes movimentaram R$ 1,2 bilhão | Brasil 24/7

5 abr. 2015 Brasília 247 – Conselheiros do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais ( Carf), lobistas e advogados investigados na Operação Zelotes

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Investigados-na-Zelotes-movimentaram-R$-12- bilhão.htm

recortado do Google – 9/2015

Zelotes: Qual o limite do nosso abestalhamento? | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Qual-o-limite-do-nosso-abestalhamento.htm

Zelotes: Qual o limite do nosso abestalhamento? | Brasil 24/7

30 abr. 2015 Enquanto os olhos e dedos dos grandes veículos centram fogo nisso, turva-se a operação Zelotes. Deflagrada em 26 março deste ano, essa …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Zelotes-Qual-o-limite-do-nosso-abestalhamento.htm

recortado do Google – 9/2015

MP não aceita derrota e abre processo contra juiz | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/MP-não-aceita-derrota-e-abre-processo-contra-juiz. htm

MP não aceita derrota e abre processo contra juiz | Brasil 24/7

26 maio 2015 Juiz Ricardo Augusto Soares Leite será investigado a pedido do MPF por conta de suas ações à frente da Operação Zelotes; as queixas …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/MP-não-aceita-derrota-e-abre-processo-contra-juiz. htm

recortado do Google – 9/2015

PF: empresas da Zelotes também cometeram crime | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/PF-empresas-da-Zelotes-também-cometeram- crime.htm

PF: empresas da Zelotes também cometeram crime | Brasil 24/7

15 abr. 2015 247 – No relatório encaminhado à Justiça sobre a operação Zelotes, o delegado Marlon Cajado afirma que as empresas que recorreram

PF: empresas da Zelotes também cometeram crime | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/PF-empresas-da-Zelotes-também-cometeram- crime.htm

PF: empresas da Zelotes também cometeram crime | Brasil 24/7

15 abr. 2015 247 – No relatório encaminhado à Justiça sobre a operação Zelotes, o delegado Marlon Cajado afirma que as empresas que recorreram aos …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/PF-empresas-da-Zelotes-também-cometeram- crime.htm

recortado do Google – 9/2015

Líder do PSDB se diz contra CPI da sonegação | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Líder-do-PSDB-se-diz-contra-CPI-da- sonegação.htm

Líder do PSDB se diz contra CPI da sonegação | Brasil 24/7

31 mar. 2015 … mais uma; nesse contexto, segundo o colunista Ilimar Franco, o tucano diz que propor a criação desta CPI sobre a operação Zelotes “é jogar …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/Líder-do-PSDB-se-diz-contra-CPI-da- sonegação.htm

recortado do Google – 9/2015

Grupo RBS terceiriza culpa por fraude fiscal | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Grupo-RBS-terceiriza-culpa-por-fraude-fiscal.htm

Grupo RBS terceiriza culpa por fraude fiscal | Brasil 24/7

2 abr. 2015 Afiliada da Globo no RS e em SC é a primeira das 12 grandes empresas na mira da Operação Zelotes, acusadas de subornar conselheiros da …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Grupo-RBS-terceiriza-culpa-por-fraude-fiscal.htm

recortado do Google – 9/2015

Depois da Zelotes, chega ao fim a farra do Carf | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Depois-da-Zelotes-chega-ao-fim-a-farra-do-Carf.htm

Depois da Zelotes, chega ao fim a farra do Carf | Brasil 24/7

31 mar. 2015 … a Corregedoria do Ministério da Fazenda, Receita Federal e Policia Federal deflagraram a Operação Zelotes com o objetivo de desarticular …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Depois-da-Zelotes-chega-ao-fim-a-farra-do-Carf.htm

recortado do Google – 9/2015

CPI do Carf quer convocar presidente do HSBC | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/CPI-do-Carf-quer-convocar-presidente-do- HSBC.htm

CPI do Carf quer convocar presidente do HSBC | Brasil 24/7

14 jul. 2015 Investigado pela Operação Zelotes, deflagrada em março pela Polícia Federal, o Carf julga recursos de multas impostas a contribuintes pelo …

http://www.brasil247.com

https://www.brasil247.com/…/CPI-do-Carf-quer-convocar-presidente-do- HSBC.htm

recortado do Google – 9/2015

Pimenta sobre Zelotes: ‘é preciso investigação dentro da

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pimenta-sobre-Zelotes-‘é-preciso-investigação-dentro- da-investigação’.htm

Pimenta sobre Zelotes: ‘é preciso investigação dentro da

21 maio 2015 O relator da subcomissão da Câmara que acompanha a Operação Zelotes, o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), disse temer que haja uma …

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/Pimenta-sobre-Zelotes-‘é-preciso-investigação-dentro- da-investigação’.htm

recortado do Google – 9/2015

Lições de domingo | Paulo Moreira Leite

paulomoreiraleite.com

paulomoreiraleite.com/2015/04/13/licoes-de-domingo/

Lições de domingo | Paulo Moreira Leite

13 abr. 2015 A entrada em cena da operação Zelotes e agora também o HSBC levou os ratos para o porão. Infelizmente para os cidadãos trabalhadores …

paulomoreiraleite.com

paulomoreiraleite.com/2015/04/13/licoes-de-domingo/

recortado do Google – 9/2015

CPI do Carf vai apurar prejuízos de R$ 6 bilhões | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-do-Carf-vai-apurar-prejuízos-de-R$-6-bilhões. htm

CPI do Carf vai apurar prejuízos de R$ 6 bilhões | Brasil 24/7

16 maio 2015 O pedido para criação do colegiado foi feito pelo senador Ataídes Oliveira ( PSDB-TO), a partir da Operação Zelotes, da Polícia Federal.

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/…/CPI-do-Carf-vai-apurar-prejuízos-de-R$-6-bilhões. htm

recortado do Google – 9/2015

Gaspari avisa: acabou a festa do Carf | Brasil 24/7

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/pt/…/Gaspari-avisa-acabou-a-festa-do-Carf.htm

Gaspari avisa: acabou a festa do Carf | Brasil 24/7

29 mar. 2015 Agora, com a Operação Zelotes, da Polícia Federal, tudo pode mudar. "A operação da PF poderá transformar a Lava Jato num trocado.

http://www.brasil247.com

http://www.brasil247.com/pt/…/Gaspari-avisa-acabou-a-festa-do-Carf.htm

recortado do Google – 9/2015

CPI, PF e MPF: aliança poderosa contra o CARF – Tereza Cruvinel

terezacruvinel.com

terezacruvinel.com/…/cpi-pf-e-mpf-alianca-poderosa-contra-o-carf/

CPI, PF e MPF: aliança poderosa contra o CARF – Tereza Cruvinel

28 maio 2015 … Paulo Riscado, outro provável aliado; o procurador da República Frederico Paiva, responsável pelas investigações da Operação Zelotes; …

24/08/2015

Zelotes, o patinho feio das operações

zelotes rbs zhEstá aí a diferença. Quando uma operação atinge os bastões usados para vergastar a esquerda o eufemismo campeia solto. Evita-se inclusive nominar quais são as empresas envolvidas, mas sempre sobra espaço para mencionar JD Consultoria e André Vargas…  O engraçado é que nos outros países em que se investigou a lavagem de dinheiro no HSBC houve agilidade e enfoque nos corruptores.

De certa forma, o discurso do coordenador-geral de investigação se coaduna com os cartazes da marcha dos zumbis de que se trata do crime sonegação, mas corrupção dos agentes públicos. Não é por acaso que impostores do impostômetro estejam todos no sonegômetro.

E assim, volta-se ao passado para continuar jogando a culpa no corrompido para aliviar a culpa do corruptor. Aliás, esta é a grande diferença da Operação Lava Jato.

Na Lava Jato estão sendo incriminados as duas pontas, o cartel dos corruptores e os corrompidos. Ou pelo menos os corrompidos que se quer condenar. Parece claro, na Lava Jato, que há uma seletividade nos vazamentos. E os vazamentos só fazem sentido na medida que forma uma parceria da mídia com o que se busca na Lava Jato.

Mas como construir uma parceria entre investigadores, mediante o uso de vazamento seletivo, se as empresas de comunicação estão entre os principais investigados?! Este é o ponto que difere as duas operações. É por isso também que não se vê manchetes escandalosas a respeito dos envolvidos e do volume de dinheiro movimentado.

Tanto a Operação Zelotes como a Lista Falciani do HSBC não envolvem políticos de esquerda, mas pegam por cheiro seus algozes. Eis aí a razão que sugere a grande diferença entre Lava Jato e Zelotes. Pode-se brigar com os fatos, pois se eles não estão de acordo com as versões, pior para eles.

Entrevista. Gerson Schaan

Investigação se refere a processos de dívidas tributárias, e não se pode esperar que dinheiro será recuperado rapidamente

‘Operação Zelotes não vai ajudar no ajuste fiscal

Andreza Matais

24 Agosto 2015 | 05h 00

O coordenador-geral de investigação da Receita Federal, o auditor fiscal Gerson Schaan, afirmou ao Estado que a Operação Zelotes conseguiu confirmar ilegalidades envolvendo 20 grandes empresas que questionaram dívidas tributárias no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), mas alertou que o governo não deve contar com o resultado da investigação para fazer caixa e aliviar as contas públicas. “Trata-se de um caso de corrupção, e não de sonegação fiscal”, explicou.

Schaan quebrou o silêncio que envolve seu cargo e criticou a Polícia Federal, que chegou a comparar a Zelotes à Lava Jato, criando uma expectativa de que R$ 19 bilhões poderiam retornar ao cofres públicos em decorrência das investigações. “São casos completamente diferentes.”

Na Receita, o coordenador geral de investigação montou e comanda três equipes de auditores fiscais que se dedicam exclusivamente às investigações sobre a Zelotes, a Lava Jato e o HSBC. “A Lava Jato é sem dúvida a maior investigação que já fizemos.” O caso HSBC não fica muito atrás. No ano passado, a equipe de Schaan produziu cem investigações. Apenas os relatórios referentes ao HSBC envolvem 8 mil contas.

Leia os principais trechos da conversa de Schaan com o Estado:

A Zelotes será maior do que a Lava Jato?

A comparação com a Lava Jato nunca foi oportuna por conta do tipo de esquema. Não posso comparar milhões que foram superfaturados numa obra com autos de infração que estão sendo julgados no Carf. Existem casos em que o julgamento em si não teve problema, mas a tramitação do processo. Temos julgamentos que foram manipulados de forma a cair numa turma que tenha o voto que a quadrilha quer, a favor do contribuinte. Se fosse em outra turma, o voto seria a favor da Fazenda. A questão não envolve sonegação, mas corrupção.

Mas não se pagou para anular multas que chegavam a R$ 19 bilhões?

Deu-se uma falsa impressão de que é uma fraude, de que se poderia buscar aí o ajuste fiscal, não é isso. Tem alguns “bi” desse montante que, se fosse de novo a julgamento, a Fazenda iria perder outra vez porque a fraude não está no voto, mas na tramitação. Não é porque eu estou julgando auto de infração que há crime de sonegação. Se eu manipulo o processo de forma a só julgar quando for bom para mim, eu estou fraudando o sistema. Por isso, achar que esses valores que vão ser arrecadados irão ajudar o ajuste fiscal, não dá.

Pode dar um exemplo?

Nos casos analisados na investigação que envolvem ágio interno, por exemplo, os contribuintes têm uma interpretação a respeito e a usam para diminuir o valor do imposto a pagar. A Receita entende de outra forma e multa. No Carf tinha decisões dos dois lados. O que a quadrilha fazia era direcionar o julgamento para uma turma que já tinha esse entendimento a favor do contribuinte. Isso não é sonegação, você está interpretando a lei de outra forma. É diferente de usar nota fria, conta de laranja. Isso é caso de sonegação. O cara sabe que tem de pagar aquele imposto, mas ele usa artifícios para não pagar e o conselheiro vota a favor dele. E aí na Zelotes tem de tudo.

Em que fase está a investigação agora?

No momento, o Ministério Público trabalha algumas denuncias e nós estamos trabalhando para dar seguimento a outros processos que ensejam novas quebras de sigilo bancário, fiscal. Não vejo horizonte para terminar. Neste momento são 20 empresas que já têm substância mais forte. Não posso citar, mas são 20 e poucas empresas diferentes. Os conselheiros se repetem.

Há queixas relativas ao primeiro juiz do caso, que não autorizou a continuidade das escutas. Isso prejudicou as investigações?

Isso de fato atrasou algumas decisões, inviabilizou determinada linha de investigação.

A Receita já havia iniciado a investigação quando a PF entrou no caso. Como foi o trabalho?

Já participei de investigações mais harmônicas. Causa prejuízo porque algumas coisas poderiam ter produzido resultados mais cedo e eventualmente mais robustos.

Existe um limite para as investigações?

A investigação é pautada por onde as provas nos levam.

Quando as investigações do caso HSBC serão concluídas?

É um trabalho de longo prazo. No ano passado fizemos cem investigações e, neste caso, são 8 mil. Já identificamos quem tem irregularidade tributária e agora analisamos os casos mais relevantes. Encontramos procuradores e advogados que controlam várias contas bancárias.

Quantas pessoas da sua equipe trabalham só na Lava Jato?

É o maior trabalho que já fizemos sem dúvida alguma. Temos 242 procedimentos de fiscalização abertos e uma equipe de 55 auditores fiscais, mais 15 alocados no apoio a investigação criminal.

O que sua equipe identificou?

Quando o Paulo Roberto Costa foi solto pelo STF, nós demonstramos que ele tinha dinheiro não declarado na Suíça (o ex-diretor da Petrobrás voltou a ser preso por causa dessa informação). O esquema de lavagem de dinheiro do André Vargas fomos nós que identificamos. Também fomos nós que identificamos pagamentos das empreiteiras para a JD Consultoria (empresa de José Dirceu). Na fase Radioatividade, identificamos o caminho do dinheiro até chegar à empresa do real beneficiário, o diretor preso.

03/07/2015

FBI aperta o cerco aos bandidos padrão FIFA

 

Televisa, "a Globo do México", é alvo do FBI por corrupção na Fifa. PF investiga CBF-Globo.

http://www.futbolpasion.mx/index.php?seccion=noticias&idn=32636

A TV Globo não pode mais dizer que "as empresas de mídia (TVs) não são alvo das investigações do FBI no escândalo de corrupção da FIFA". São sim.
O FBI adotou a linha de investigar diretamente as emissoras de TV, suspeitando que as empresas de marketing que intermediavam os direitos televisivos funcionam apenas como "fachada" para viabilizar e despistar o pagamento de propinas. Os verdadeiros corruptores seriam algumas emissoras de TV.
O FBI identificou que no México a FIFA vendeu os direitos de transmissão para a empresa de marketing Mountrigi. Esta vendeu para a Televisa. Só que a empresa Mountrigi é do próprio grupo Televisa. Para que criar uma empresa de fachada em vez da Televisa comprar diretamente da FIFA, perguntam os investigadores?
No Brasil também ocorreu um esquema de negociação semelhante. Federações de Futebol filiadas à Fifa venderam para o grupo Traffic direitos televisivos, que revendeu para a Globo. J. Hawilla, o dono da Traffic, é sócio de donos da Globo em afiliadas da TV Globo.
Chama atenção também a FIFA ter dispensado de fazer licitação no Brasil e vendeu diretamente para a Globo os direitos de transmissão das Copas de 2018 e 2022, alegando parceria de 40 anos com a emissora brasileira. A Record ameaçou processar a Fifa por conduta nociva à livre concorrência.
Segundo a coluna de Ricardo Feltrin, a Polícia Federal investiga os contratos da Globo com a CBF.
"Trata-se, inclusive, de parte da colaboração que o país vem fazendo com as investigações do FBI, que jogaram parte da cúpula do futebol mundial na cadeia (…) como sua relação [da Globo] com a CBF, especialmente a gestão Ricardo Teixeira, foi e ainda é atávica, ela entra no foco da investigação também", diz o colunista.

http://celebridades.uol.com.br/ooops/ultimas-noticias/2015/07/02/pf-investiga-relacoes-entre-cbf-e-globo.htm

Televisa, "a Globo do México", é alvo do FBI por corrupção na Fifa. PF investiga CBF-Globo. | Os Amigos do Presidente Lula

07/04/2015

Zelotes: Gerdau, o cara para a RBS, rima com pau

Do Gerdau lembro de um episódio na campanha eleitoral de 1989, quando emprestou o sistema de comunicação por satélites, ao candidato Collor de Mello. Na época não havia celular, e as comunicações eram precárias. Collor teve este diferencial graças ao desinteressado empresário gaúcho. Não é mera coincidência que seja patrocinador de golpistas que vivem alcovitados no Instituto Millenium.

Lembro também que uma das Siderúrgicas Gerdau jogava fuligem, cinzas, sobre casas. Cobrado,  Gerdau disse que suas empresas cumpriam a lei. De fato, estavam dentro da lei. O que não estava dentro da lei era a poluição que jogava para cima das casas.

Embora seja um dos maiores empresários brasileiros, Gerdau sempre dependeu de políticas governamentais, sob as mais diversas formas. De incentivo fiscal, programas como o FUNDOPEM, ou empréstimos subsidiados por bancos públicos. Não é engraçado que eles patrocinem um tal de impostômetro. O impostômetro de impostores…

É engraçada esta gente do Fórum a Liberdade, que vivem de atacar servidores e empresas públicas, mas só tomam empréstimo de bancos… PÚBLICOS! Alguma semelhança com a “liberal” RBS?!

Zelotes:delação premiada pode complicar Gerdau

:

Em depoimento na Superintendência da PF em Brasília, o conselheiro Paulo Roberto Cortez, do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), do Ministério da Fazenda, confirmou o uso de empresas de fachada e laranjas para vender facilidades no orgão, causando um prejuízo estimado em R$ 19 bilhões, e manifestou interesse em um acordo para redução de pena; disse ainda que era ele quem escrevia os votos que o conselheiro e auditor aposentado da Receita Federal José Ricardo Silva apresentaria no Carf; o grupo Gerdau, do empresário Jorge Gerdau, é suspeito de pagar a maior propina do esquema: R$ 50 milhões para cancelar uma dívida tributária de R$ 4 bilhões

7 de Abril de 2015 às 05:32

247 – O conselheiro Paulo Roberto Cortez, do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), do Ministério da Fazenda, sinaliza o primeiro acordo de delação premiada na operação Zelotes, da Polícia Federal.

Em depoimento, divulgado pelo “O Globo”, na Superintendência da PF em Brasília, Cortez confirmou o uso de empresas de fachada e laranjas e manifestou interesse em um acordo para redução de pena.

Ele explicou que era ele quem escrevia os votos que o conselheiro e auditor aposentado da Receita Federal José Ricardo Silva apresentaria no Carf. Cortez tem uma empresa com a sócia de José Ricardo, Adriana Ribeiro, para “branquear” pagamentos de clientes pela prática de advocacia administrativa.

A Operação Zelotes fisgou uma quadrilha especializada em vender facilidades no Carf, causando um prejuízo estimado em R$ 19 bilhões. O grupo Gerdau, do empresário Jorge Gerdau, é suspeito de pagar a maior propina do esquema: R$ 50 milhões para cancelar uma dívida tributária de R$ 4 bilhões.

Zelotes:delação premiada pode complicar Gerdau | Brasil 24/7

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: