Ficha Corrida

28/05/2011

Uma mão lava a outra; as duas, a bunda

Filed under: A$$oCIAdos,Direita,Ditadura,PIG — Gilmar Crestani @ 10:06 am
Tags: , ,

As a$$oCIAdas da SIP fazem política internacional e conseguem emprestado o prédio do STF para escambo. A Líder da Oposição, Maria Judith Brito, que o Clarin grafa de Britos, lidera a oposição de direita, como faz dona Ernestina Herrera de Noble, do Clarin, em relação a Cristina Kirchner.  Coincidentemente, a Folha de Judith Brito emprestava seus veículos para transportar presos para serem torturados durante a ditadura, já o Grupo Clarin conseguiu herdar da ditadura, além de dois “filhos”, também a única empresa fornecedora de papel…  Dona Noble está à deriva em virtude das relações promíscuas com a ditadura argentina, de quem herdou dois filhos:


Marcela e Felipe Herrera Noble, clique na imagem e sabia mais…

Antes de ingressar na matéria auto laudatória do Clarin, vamos ao que declarou a senhora Brito e registrou a Wikipédia no verbete PIG:

Em entrevista ao jornal O Globo a presidente da Associação Nacional de Jornais e executiva da Folha de S. Paulo, Maria Judith Brito, afirmou que o governo se incomoda com a imprensa, criticou fortemente o terceiro Programa Nacional de Direitos Humanos e fez a seguinte declaração:

A liberdade de imprensa é um bem maior que não deve ser limitado. A esse direito geral, o contraponto é sempre a questão da responsabilidade dos meios de comunicação. E, obviamente, esses meios de comunicação estão fazendo de fato a posição oposicionista deste país, já que a oposição está profundamente fragilizada. E esse papel de oposição, de investigação, sem dúvida nenhuma incomoda sobremaneira o governo.

Maria Judith Brito, presidente da Associação Nacional de Jornais.[29]

A declaração de Maria Judith Brito foi bastante criticada por repórteres e intelectuais, bem como por autoridades ligadas ao governo. As críticas focaram no aparente reconhecimento de que a imprensa estaria, de fato, assumindo um papel de oposição. Em artigo publicado na Carta Maior, Jorge Furtado afirmou que a presidente da associação teria assumido que a grande imprensa do país "virou um partido político" e a criticou por não questionar a "moralidade de seus filiados [ao] assumirem a ‘posição oposicionista deste país’ enquanto, aos seus leitores, alegam praticar jornalismo"[30]. Luciano Martins Costa, do Observatório da Imprensa, fez crítica semelhante, afirmando que "o risco maior para a imprensa vem da própria imprensa, quando os jornais se associam para agir como um partido político".[31] O ministro Paulo Vannuchi, titular da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, também criticou a declaração, afirmando que a imprensa "vem confundindo um papel que é dela — informar, cobrar e denunciar — com o papel do protagonismo partidário".[32] Washington Araújo, no Observatório da Imprensa, questiona: "será papel dos meios de comunicação substituir a ação dos partidos políticos no Brasil, seja de situação ou de oposição? (…) Em isso acontecendo… não estaremos às voltas com clássica usurpação de função típica de partido político? E não seria esta uma gigantesca deformação do rito democrático?".

 

Clarín recibió el Premio a la Libertad de Prensa y abogó por un periodismo "libre e independiente"

27/05/11 – 14:56

La Asociación Nacional de Diarios de Brasil entregó hoy el galardón en Brasilia. En la ceremonia, el CEO del Grupo Clarín, Héctor Magnetto, lo consideró "un estímulo para continuar con nuestra misión: opinar e informar con libertad sin ser hostilizados por hacerlo".

Héctor Magnetto, CEO del Grupo Clarín y Ricardo Kirschbaum, editor general del diario, reciben el premio a la Libertad de Prensa de manos de Felipe Basile y Judith Britos. (Foto: Eraldo Peres)

Héctor Magnetto, CEO del Grupo Clarín y Ricardo Kirschbaum, editor general del diario, reciben el premio a la Libertad de Prensa de manos de Felipe Basile y Judith Britos. (Foto: Eraldo Peres)

En un escenario imponente, el edificio del Supremo Tribunal Federal de Brasil, Clarín fue distinguido hoy por la Asociación Nacional de Diarios de Brasil (ANJ, sus siglas en portugués).
El CEO del Grupo Clarín, Héctor Magnetto, y el editor general del diario, Ricardo Kirschbaum, recibieron esta mañana en Brasilia el máximo galardón que otorga la ANJ de manos de sus autoridades.
El lugar y la oportunidad de entrega del premio no se eligieron por casualidad. La Corte simboliza "la defensa del derecho a ser informado" como "un valor esencial" en la construcción de una cultura democrática. El presidente de la Corte Suprema brasileña, Cezar Peluso, fue incisivo al respecto: "No se debe subestimar la importancia de la libertad de prensa. Es un pilar institucional de la democracia, tanto como la separación de los poderes y las elecciones libres".

Héctor Magnetto agradeció el homenaje y ratificó que el reconocimiento "es un estímulo para continuar con nuestra misión: opinar e informar con libertad sin ser hostilizados por hacerlo". El CEO del Grupo Clarín se lamentó por la existencia de "países donde el acto de informar significa sufrir hostigamientos no sólo jurídicos sino también físicos. A pesar de su tradición, Argentina se encuentra en esa situación".

Magnetto sostuvo también que "la historia nos ha enseñado que para vivir en libertad se necesitan Justicia, Parlamento y Prensa. No existe justicia independiente sin prensa libre e independiente". "Lo que está en el debate –subrayó- es uno de los derechos básicos de la humanidad: la libertad".

Para Ricardo Kirschbaum, el premio tiene un contenido especial: "Ustedes, que nos galardonan como símbolo de la resistencia de la prensa argentina, han debido pelear y ganar la libertad de expresión. Eso valoriza aún más el haber pensado en Clarín en el momento de destacar la importancia de un periodismo independiente que mantiene su calidad pese a las presiones sufridas desde el gobierno".

Kirschbaum retomó una sentencia de Octavio Paz, el mexicano Premio Nobel de Literatura: "La libertad pertenece a los seres humanos, no al poder". No en vano esa idea "ha generado a lo largo de la historia luchas y represiones".

El editor general de Clarín se refirió a la situación de Argentina como la de "una democracia con resortes que funcionan y donde formalmente la libertad de palabra no está censurada. Pero existe un andamiaje oficial para silenciarla y deslegitimarla, para impedir su circulación y quitar capacidad de emisión a quien la ejerce".

En presencia de los ministros de la Corte y de representantes de instituciones internacionales como la Sociedad Interamericana de Prensa, Judith Brito, del diario Folha de Sao Paulo y miembro del directorio de la ANJ, señaló su "especial satisfacción" por la premiación. "Clarín simboliza las dificultades que sufre la prensa argentina a partir de acciones gubernamentales que hasta incluyeron el boicot publicitario".

Además, Brito recordó que los diarios "son los oídos de la Nación. Y por eso mismo son insustituibles".

Clarín recibió el Premio a la Libertad de Prensa y abogó por un periodismo "libre e independiente"

207 Comentários »

  1. […] Instituto Millenium. Não percam, esta é uma reportagem quando ainda não existia a filosofia de Judith Brito abraçada pela ANJ para fins políticos. À época, a Folha se propunha a fazer jornalismo. Claro, […]

    Pingback por Mídia familiar: o que era incesto virou suruba | Ficha Corrida — 21/11/2014 @ 8:45 am | Responder

  2. […] dos a$$oCIAdos do Instituto Millenium, “mais alguns” são os partidos da base aliada da Judith Brito, em especial o PSDB. Toda vez que Lula ou Dilma tentaram fazer alguma limpeza mais profunda na […]

    Pingback por Instituto Millenium: “- os nossos corruptos são melhores que os de vocês” | Ficha Corrida — 19/11/2014 @ 8:52 am | Responder

  3. […] os crimes que condenam nos partidos políticos adversários. A senhora da ANJ e do Grupo Folha, Judith Brito admitiu que os velhos grupos de mídia fazem oposição ao partido dos trabalhadores. Claro, ao […]

    Pingback por Rede Globo de Sonegação: sonegar também é matar! | Ficha Corrida — 17/11/2014 @ 9:16 am | Responder

  4. […] O partidarismo exacerbado da Folha cega. Nem precisa ser muito inteligente para desconfiar que Judith Brito anda muito ocupada em ser oposicionista. Nestas horas a ANJ e o Instituto Millenium festejam, […]

    Pingback por Folha e sua perseguição e cerco a Haddad | Ficha Corrida — 14/11/2014 @ 9:09 am | Responder

  5. […] Na insanidade do combate, botam repórteres e fotógrafos cobrirem o dia a dia a noite até para saber que horas ele vai dormir. Todos os problemas detectados e que estão vindo à toda são atribuídos a ele, que está apenas limpando o lixão deixado por Serra e Kassab. Mas Folha, com fez ontem, dá um jeito de atribuir ao Prefeito Fernando Haddad até a roubalheira dos seus antecessores, correligionários de d. Judith Brito. […]

    Pingback por A$$oCIAdos do Instituto Millenium deixam ar de São Paulo irrespirável | Ficha Corrida — 11/11/2014 @ 7:45 am | Responder

  6. […] parceiros com a Folha da d. Judith Brito, não é de admirar que o PSDB perca a quarta eleição seguida. Se continuar no mesmo nível dos […]

    Pingback por Diversionismo militante da Folha | EVS NOTÍCIAS. — 05/11/2014 @ 8:38 am | Responder

  7. […] parceiros com a Folha da d. Judith Brito, não é de admirar que o PSDB perca a quarta eleição seguida. Se continuar no mesmo nível dos […]

    Pingback por Diversionismo militante da Folha | Ficha Corrida — 05/11/2014 @ 8:07 am | Responder

  8. […] falta d’água não terá registro simplesmente porque os parceiros da oposição, de que falou D. Judith Brito e a própria ANJ, resolveram adotar a lei da Parabólica do Rubens […]

    Pingback por O racionando o nome racionamento | EVS NOTÍCIAS. — 04/11/2014 @ 12:41 pm | Responder

  9. […] falta d’água não terá registro simplesmente porque os parceiros da oposição, de que falou D. Judith Brito e a própria ANJ, resolveram adotar a lei da Parabólica do Rubens […]

    Pingback por O racionando o nome racionamento | Ficha Corrida — 04/11/2014 @ 9:41 am | Responder

  10. […] a velha mídia usa um fator surpresa buscando cumprir a ordem dada pelo Instituto Millenium e que Judith Brito abraça, na ANJ, com tanto afinco. Nem Gilmar Mendes, nem Joaquim Barbosa, os dois magarefes à […]

    Pingback por No faroeste caboclo da Folha, Dilma “atinge” Aécio | Ficha Corrida — 21/10/2014 @ 7:44 am | Responder

  11. […] pingavam em doses homeopáticas, jorram informações. Continua, contudo, o padrão traçado por Judith Brito e abraçado pelo Instituto Millenium: excluir da responsabilidade os governantes […]

    Pingback por Racionamento d’água: e se, ao invés de São Paulo, fosse no RS? | Ficha Corrida — 20/10/2014 @ 8:31 am | Responder

  12. […] aquele puteiro que coordena as ações dos grupos mafiomidiáticos de que são exemplo a sra. Judith Brito e ANJ? Não é mera coincidência que as sedes dos principais “partidos opositores” aos […]

    Pingback por Aécio made in USA | MANHAS & MANHÃS — 16/10/2014 @ 12:04 pm | Responder

  13. […] aquele puteiro que coordena as ações dos grupos mafiomidiáticos de que são exemplo a sra. Judith Brito e ANJ? Não é mera coincidência que as sedes dos principais “partidos opositores” aos […]

    Pingback por Aécio made in USA | Ficha Corrida — 16/10/2014 @ 7:51 am | Responder

  14. […] Teria algo a ver com o papel de oposição aos governos democráticos de esquerda suscitado pela d. Judith Brito, na […]

    Pingback por Seca. São Paulo virou Sertão nordestino | andradetalis — 15/10/2014 @ 4:20 pm | Responder

  15. […] Teria algo a ver com o papel de oposição aos governos democráticos de esquerda suscitado pela d. Judith Brito, na […]

    Pingback por Para a Folha, incompetência agora se chama crise | MANHAS & MANHÃS — 15/10/2014 @ 7:24 am | Responder

  16. […] Teria algo a ver com o papel de oposição aos governos democráticos de esquerda suscitado pela d. Judith Brito, na […]

    Pingback por Para a Folha, incompetência agora se chama crise | Ficha Corrida — 15/10/2014 @ 6:57 am | Responder

  17. […] PT. Se dá também pela auréola de santidade com que festeja cada ato dos correligionários de d. Judith Brito. O endeusamento de FHC se reside exclusivamente nas cozinhas das redações dos a$$oCIAdos do […]

    Pingback por Folha acha feio tudo o que não é espelho | MANHAS & MANHÃS — 14/10/2014 @ 7:07 pm | Responder

  18. […] PT. Se dá também pela auréola de santidade com que festeja cada ato dos correligionários de d. Judith Brito. O endeusamento de FHC se reside exclusivamente nas cozinhas das redações dos a$$oCIAdos do […]

    Pingback por Folha acha feio tudo o que não é espelho | Ficha Corrida — 14/10/2014 @ 6:38 pm | Responder

  19. […] ela é casada com Gilnei Rampazzo, que cuidas das campanhas do PSDB paulista, partido do qual Judith Brito (da ANJ) se perfilou para fazer oposição. Bem diferente em relação ao Xico Sá, colunista de […]

    Pingback por Xico Sá, cabra marcado pra morrer | MANHAS & MANHÃS — 14/10/2014 @ 6:52 am | Responder

  20. […] ela é casada com Gilnei Rampazzo, que cuidas das campanhas do PSDB paulista, partido do qual Judith Brito (da ANJ) se perfilou para fazer oposição. Bem diferente em relação ao Xico Sá, colunista de […]

    Pingback por Xico Sá, cabra marcado pra morrer | Ficha Corrida — 13/10/2014 @ 11:56 pm | Responder

  21. […] + 4 de Dilma) não foi manchete da Folha a diminuição da miséria. Fiel às recomendações da d. Judith Brito, à ANJ e ao Instituto Millenium, a Folha é um exemplo bem sucedido do método Rubens Ricúpero: […]

    Pingback por Folha hibernou por 11 anos no Instituto Millenium | Ficha Corrida — 11/10/2014 @ 7:39 am | Responder

  22. […] Judith Brito tinha razão, a matéria da Folha, abaixo, não apresenta uma única prova sequer do que diz na manchete. […]

    Pingback por Blitzkrieg contra o PT | Ficha Corrida — 10/10/2014 @ 7:29 am | Responder

  23. […] aí por acaso é linguagem jornalística? A que nível ainda pode baixar os funcionários da D. Judith Brito para tentaram ajudar seus correligionários? Por a ANJ e o Instituto Millenium não se pronunciam […]

    Pingback por Incitação à violência: “Aécio precisa bater, mas não pode bater muito” | MANHAS & MANHÃS — 30/09/2014 @ 12:11 pm | Responder

  24. […] aí por acaso é linguagem jornalística? A que nível ainda pode baixar os funcionários da D. Judith Brito para tentaram ajudar seus correligionários? Por a ANJ e o Instituto Millenium não se pronunciam […]

    Pingback por Incitação à violência: “Aécio precisa bater, mas não pode bater muito” | Ficha Corrida — 30/09/2014 @ 9:23 am | Responder

  25. […] Folha foi pinçar motivos para cumprir o papel que d. Judith Brito avocou para a ANJ: Fazer oposição aos governos de esquerda a qualquer preço. Se é verdade que […]

    Pingback por Ignorância da Folha explica decadência do ensino em São Paulo | Ficha Corrida — 29/09/2014 @ 7:57 am | Responder

  26. […] Judith Brito já tinha avocado para os Grupos MafioMidiáticos o papel de partido político de oposição ao PT. […]

    Pingback por Quem não tem ideias, ataca! | Ficha Corrida — 28/09/2014 @ 8:30 am | Responder

  27. […] Qual das duas o partido aparece em destaque? Aquela que está de acordo com os propósitos da D. Judith Brito e sob orientação do Instituto […]

    Pingback por Folha de aluguel | Ficha Corrida — 28/09/2014 @ 7:53 am | Responder

  28. […] o que o Instituto Millenium senão um grupo que constituiu uma forma de por em prática a teoria de Judith Brito, da ANJ, para patrulhar o Poder Judiciário e combater os governos de […]

    Pingback por Globo, Veja, Folha, Estadão, RBS apoiam Marina; Telesur, Dilma! | Ficha Corrida — 24/09/2014 @ 8:51 am | Responder

  29. […] o que o Instituto Millenium senão um grupo que constituiu uma forma de por em prática a teoria de Judith Brito, da ANJ, para patrulhar o Poder Judiciário e combater os governos de […]

    Pingback por Globo, Veja, Folha, Estadão, RBS apoiam Marina; Telesur, Dilma! | Ficha Corrida — 24/09/2014 @ 8:51 am | Responder

  30. […] artimanhas da velha mídia usando de eufemismos e adjetivos segundo recomendações, seja de d. Judith Brito, seja do Instituto […]

    Pingback por Revisão do erro do IBGE derruba urubus em pleno voo comemorativo | MANHAS & MANHÃS — 21/09/2014 @ 11:25 am | Responder

  31. […] artimanhas da velha mídia usando de eufemismos e adjetivos segundo recomendações, seja de d. Judith Brito, seja do Instituto […]

    Pingback por Revisão do erro do IBGE derruba urubus em pleno voo comemorativo | Ficha Corrida — 21/09/2014 @ 10:43 am | Responder

  32. […] a Folha resume tudo num só parágrafo. Mas tudo tem explicação. Basta saber o que pensam Judith Brito e a […]

    Pingback por Em quem você acredita? Em 54 Reitores Universitários ou na banqueira Neca Setúbal, do Itaú? | Ficha Corrida — 12/09/2014 @ 8:18 am | Responder

  33. […] suficiente para incriminar com manchetes garrafais cheias de adjetivos. Nunca é demais lembrar que Judith Brito, dirigente da Folha na ANJ, declarou os veículos a$$oCIAdos ao Instituto Millenium órgãos […]

    Pingback por Para livrar Alckmin, Folha diz que racionamento é “crise da água” | Ficha Corrida — 11/09/2014 @ 8:00 am | Responder

  34. […] capa, a FOLHA, seguindo o que preconizava Judith Brito, criminaliza a instituição (petistas). Na página interna, ameniza para “Ex-diretor da […]

    Pingback por Dobradinha à moda da Folha | Ficha Corrida — 07/09/2014 @ 8:50 am | Responder

  35. […] sempre ao lado do PSDB? Aliás, não faz muito, uma executiva da Folha na Presidência da ANJ, d. Judith Brito avocou para os jornais, aí incluídos os do seu patrão, Otávio Frias Filho, o papel de […]

    Pingback por Ensaio sobre a cegueira ideológica | Ficha Corrida — 24/08/2014 @ 9:04 am | Responder

  36. […] da história do jornalismo de aluguel a declaração da Presidente da AssoCIAção dos Jornais, Judith Brito, de que a imprensa havia avocado para si o papel de oposição ao Governo Federal. Aliás, […]

    Pingback por Jornalismo tapioca ataca de dentadura | Ficha Corrida — 23/08/2014 @ 9:04 am | Responder

  37. […] não lembra de Judith Brito, a porta-voz da direita no comando da quadrilha que pretende sodomizar o […]

    Pingback por Tautismo à moda Judith Brito | Ficha Corrida — 21/08/2014 @ 8:49 pm | Responder

  38. […] Tudo o que diz respeito ao PT e ao Governo Federal, a Folha bota na manchete. Por quê? Simples, D. Judith Brito já […]

    Pingback por Choque de gestão? | Ficha Corrida — 11/08/2014 @ 9:32 am | Responder

  39. […] as relações umbilicais da Folha de São Paulo com o tucanato, evidenciada pela sua executiva, Judith Brito, que avocou junto ao PSDB o papel de oposicionista, é por demais emblemático que tenha sido […]

    Pingback por Ligando os pontos | Ficha Corrida — 27/07/2014 @ 9:25 pm | Responder

  40. […] de Minas continua sonegando. Antes que a Andréa consiga convencer os incautos, apresento a ela D. Judith Brito. Esta diretora da Folha reivindicou o papel de oposição para a Folha em relação à Lula e […]

    Pingback por Aécio, te apresento d. Judith Brito | Ficha Corrida — 27/07/2014 @ 8:54 am | Responder

  41. […] insana gritava contra os gastos públicos que faltariam à educação e à saúde? Só porque d. Judith Brito não […]

    Pingback por BNDES vai continuar faturando com a Copa | Ficha Corrida — 07/07/2014 @ 7:07 am | Responder

  42. […] sendo mostrado ao mundo o tipo de gente que tem ódio aos PPPP(preto, pobre, puta e petista). D. Judith Brito fez certo ao dizer que a Folha era a verdadeira oposição ao governo. Faltou a ela autorização […]

    Pingback por Mais uma obra dos carniceiros da velha mídia | Ficha Corrida — 05/07/2014 @ 7:08 pm | Responder

  43. […] centro catalizador e disseminador de operações coordenadas. Quem primeiro cantou a pedra foi D. Judith Brito, CEO do UOL, ligada à […]

    Pingback por Folha é contra manipulação em rede de outros | Ficha Corrida — 03/07/2014 @ 7:26 am | Responder

  44. […] por demais conhecida a filiação partidária da Folha de São Paulo ao PSDB. Judith Britodefende com unhas e dentes, nas páginas da Folha, o direito de escolher o que é melhor para a […]

    Pingback por Judith Brito obtém mais uma vitória | EVS NOTÍCIAS. — 21/06/2014 @ 1:32 pm | Responder

  45. […] por demais conhecida a filiação partidária da Folha de São Paulo ao PSDB. Judith Brito defende com unhas e dentes, nas páginas da Folha, o direito de escolher o que é melhor para a […]

    Pingback por Judith Brito obtém mais uma vitória | Ficha Corrida — 21/06/2014 @ 9:58 am | Responder

  46. […] simples desejo de causar dano à Dilma e ao PT, como admitiu uma das diretoras do Grupo Folha, D. Judith Brito? Quem prende bandido que rouba felicidade, a alegria de um povo? Ninguém! Estes bandidos podem […]

    Pingback por Ladrões fdp! | Ficha Corrida — 19/06/2014 @ 9:05 pm | Responder

  47. […] Judith Brito e sua oposição […]

    Pingback por Folha é sósia do boimate | Ficha Corrida — 19/06/2014 @ 8:12 pm | Responder

  48. […] diferente é o tratamento quando há envolvidos do PSDB. Nestas horas, seguindo orientação da D. Judith Brito, os a$$oCIAdos do Instituto Millenium usam de eufemismo, sonegam informação, silenciam nomes e […]

    Pingback por Manipulação made in Folha | Ficha Corrida — 16/06/2014 @ 9:18 am | Responder

  49. […] do Instituto Millenium está tão quebrado que admitir que, ao contrário do jornal da D. Judith Brito e de seus correligionários do PSDB, investidores estrangeiros acreditam no […]

    Pingback por A Folha se informa sobre o Brasil com a Reuters | Ficha Corrida — 04/06/2014 @ 8:41 am | Responder

  50. […] paulistas, o governo do PSDB é pródigo com seus amigos na velha mídia. Como já admitira a velha Judith Brito, a direita e mídia se une para tentar voltar ao poder. Mas a mídia não se une gratuitamente. Tem […]

    Pingback por Sabesp não investiu 37% em obras mas investiu 150% em propaganda | Ficha Corrida — 01/06/2014 @ 9:11 am | Responder

  51. […] foi tão fácil acusar adversários ao mesmo tempo que defendem com unhas e dentes os parceiros. D. Judith Brito […]

    Pingback por No cesto do Instituto Millenium, o incesto jornalístico entre Veja, Folha & PSDB | Ficha Corrida — 24/05/2014 @ 1:07 pm | Responder

  52. […] melifluente, cheia de eufemismos e tergiversações, vai desviando o foco dos partidários da d. Judith Brito para mostrar sem revelar, sem entregar seus correligionários. E depois o Genoíno é que […]

    Pingback por A Folha, para livrar a cara do PSDB, incrimina instituições | Ficha Corrida — 24/05/2014 @ 10:14 am | Responder

  53. […] Folha. Nesta matéria, a Folha se preocupa denegrir um Deputado por ser do partido de oposição da Judith Brito, do que questionar porque a Polícia do PSDB não fez nada para prender os treze membros do PCC que […]

    Pingback por Polícia do PSDB troca 13 do PCC por um deputado do PT | Ficha Corrida — 23/05/2014 @ 8:31 am | Responder

  54. […] contra seus adversários, e na defesa dos seus correligionários. Uma da diretoras da Folha, Judith Brito, já deixou isso claro. A Folha faz oposição aos governos de esquerda ao mesmo tempo em que […]

    Pingback por Folha de São Paulo: Justiça Suíça está errada, Robson Marinho, por ser do PSDB, é honesto | Ficha Corrida — 15/05/2014 @ 8:47 am | Responder

  55. […] partidarização não é só evidente. A própria diretora da Folha, Judith Brito, admitiu com todas as letras. E as formas de evidenciar é camaleônica mas não menos […]

    Pingback por Na Folha, o termo “racionamento” só aparece quando seu uso é afastado | Ficha Corrida — 06/05/2014 @ 8:46 am | Responder

  56. […] se este fato acontecesse numa administração dos adversários políticos de d. Judith Brito! O PSDB está desde o século passado à frente da administração do Estado mais rico da […]

    Pingback por Com PSDB, 20 anos sem copa e sem… água! | Ficha Corrida — 22/04/2014 @ 8:30 am | Responder

  57. […] levar demais ao pé da letra as orientações de D. Judith Brito. O torcidômetro do contra, a pedido das oposições, já que esta é a única bandeira que a […]

    Pingback por Se correr o bicho pega, se parar o bicho come | Ficha Corrida — 20/04/2014 @ 8:24 am | Responder

  58. […] tão grande e cérebro tão pequeno?  O bico, a pena, está no tratamento dispensado pela d. Judith Brito e seus celetistas. O cérebro é aquele que assumiu como seu o filho que Miriam Dutra teve com […]

    Pingback por SABESP e a rabdomancia tucana | Ficha Corrida — 18/04/2014 @ 8:43 am | Responder

  59. […] palavras estamos conversados. Não há a mesma adjetivação de quando envolve adversário da d. Judith Brito. Se você ainda não havia notado esta forma diferenciada de tratar situações semelhantes, me […]

    Pingback por Nota fúnebre | Ficha Corrida — 17/04/2014 @ 10:30 am | Responder

  60. […] em São Paulo ele não fala porque não é psicanalista. Afinal, como diz o  jornal da d. Judith Brito, a crise é da água e não de […]

    Pingback por Folha lambe a cria | Ficha Corrida — 10/04/2014 @ 8:27 am | Responder

  61. […] no pessoal que inventou a ditabranda: está sendo em vão os esforços dos funcionários da d. Judith Brito para transformar propaganda em voto. Dilma oscila para baixo, mas os candidatos dos bancos, dos […]

    Pingback por A Folha está com “forte desejo de mudança” | Ficha Corrida — 06/04/2014 @ 9:37 am | Responder

  62. […] São Paulo faz pirotecnia para justificar o injustificável, a Folha dá sua contribuição à moda Judith Brito. Cadê o tom de indignação, moralista, para defender os interesses dos cidadãos de São Paulo. O […]

    Pingback por “Dúvidas hídricas”: governo morto pode vender água podre com desconto?! | Ficha Corrida — 02/04/2014 @ 7:34 am | Responder

  63. […] Folha é useira e vezeira de exigir dos adversários políticos, conforme admitiu Judith Brito, o que não exige de si nem dos seus parceiros. Por exemplo, o Deputado André Vargas teria que […]

    Pingback por A todos os que devem saber e não sabem | Ficha Corrida — 01/04/2014 @ 8:31 am | Responder

  64. […] “é pau, é pedra, é o fim do caminho”… Profético este Tom Jobim. Como ele adivinhou que Judith Brito, Mário Covas, Geraldo Alckmin, José Serra e FHC usam óleo de peroba do campo como loção pós […]

    Pingback por Crise é da água, mas o PSDB vai bem, abrigado, pela Folha! | Ficha Corrida — 01/04/2014 @ 8:12 am | Responder

  65. […] me causa estranheza o comportamento da Folha, como diria Judith Brito, profetiza do Joaquim Barbosa, pois a Folha também “foi feita pra isso, sim”. O que me deixa […]

    Pingback por #vaitercopa mas #naovaiteragua | Ficha Corrida — 29/03/2014 @ 10:24 am | Responder

  66. […] sobre cada uma das imagens abaixo e saiba mais. D. Judith Brito revelou, na verdade, quais são os intere$$es da mídia e seus […]

    Pingback por 45 pragas: pior do que gafanhotos, só o PSDB & a velha mídia | Ficha Corrida — 29/03/2014 @ 7:18 am | Responder

  67. […] que Judith Brito deu aquela declaração, o posicionamento da Folha a respeito dos governos de esquerda dispensa […]

    Pingback por Folha cobra, desesperadamente, aumento da tarifa de energia elétrica | Ficha Corrida — 16/03/2014 @ 8:29 am | Responder

  68. […] que Judith Brito deu aquela declaração, o posicionamento da Folha a respeito dos governos de esquerda dispensa […]

    Pingback por Folhar cobra, desesperadamente, aumento da tarifa de energia elétrica | Ficha Corrida — 16/03/2014 @ 8:27 am | Responder

  69. […] em papel Veja. A honestidade dessa gente patrocinada por grupos mafiomidiáticos, como queria Judith Brito, não resiste à um faixo de luz […]

    Pingback por O PSDB é uma construção mafiomidiática finanCIAdo pelos EUA | Ficha Corrida — 14/03/2014 @ 9:22 am | Responder

  70. […] algumas linhas à falta de água em terras do PSDB? Como é do PSDB, um partido aliado de d. Judith Brito, tudo parece natural. E […]

    Pingback por SABESP, saindo pelo ladrão | Ficha Corrida — 13/03/2014 @ 8:53 am | Responder

  71. […] pelo PT há 20 anos! Quando a Eliane Cantanhêde vai escrever sobre esta calamidade? O pensa Judith Brito sobre a incompetência […]

    Pingback por Só a falta de jornalismo faz água em São Paulo | Ficha Corrida — 11/03/2014 @ 10:27 pm | Responder

  72. […] PIB é baixo, mas o crescimento só perdeu pra China e Coréia do Sul. Nos tempos dos amigos de d. Judith Brito, crise no México obrigado o paspalho recorrer ao FMI. Alguém ainda lembra da crise dos tigres […]

    Pingback por Folha traz como novidade técnicas do tempo dos Sumérios | Ficha Corrida — 04/03/2014 @ 7:31 am | Responder

  73. […] forma como a mídia trata dos bilhões desviados no metrô de São Paulo (salve d. Judith Brito!) é idêntica àquela do helicóptero do pó: o helicóptero é dos Perrella, a Fazenda é dos […]

    Pingback por Ah! se fosse o Genoíno… | Ficha Corrida — 23/02/2014 @ 10:07 am | Responder

  74. […] Não, o esporte predileto dos que não têm o que apresentar é tentar desconstruir quem d. Judith Brito elegeu como inimigo, […]

    Pingback por Porque Lula é nosso rei! | Ficha Corrida — 22/02/2014 @ 8:38 am | Responder

  75. […] aparece o nome, o sobrenome, o partido, seus amigos e familiares. Quando é alguém próximo à D. Judith Brito, a Folha faz das tripas coração e culpa as pessoas…. […]

    Pingback por Folha culpa Alstom pela corrupção de seus parceiros | Ficha Corrida — 19/02/2014 @ 8:40 am | Responder

  76. […] um de seus heróis tomba, a velha Judith Brito não brinca e publica um epitáfio, como este parágrafo a respeito de mais um ato do cara que […]

    Pingback por E depois o Genoíno é que é corrupto?! | Ficha Corrida — 18/02/2014 @ 7:39 am | Responder

  77. […] Judith Brito continua ativa. Toda corrupção dos tempos tucanos em São Paulo são atribuídos aos órgãos e […]

    Pingback por Folha culpa CPTM para livrar seus parceiros do PSDB | Ficha Corrida — 17/02/2014 @ 9:32 am | Responder

  78. […] Judith Brito e o jornalismo pela regência do Instituto Millenium. Isso não é nem nunca foi jornalismo. Isso não é banditismo. […]

    Pingback por A Folha não pergunta porque Judith Brito já respondeu | Ficha Corrida — 08/02/2014 @ 7:24 pm | Responder

  79. […] Folha naufragou no desejo de sufragar seu candidato ao Planalto. A partir da eleição de Lula, D, Judith Brito direcionou todas as baterias no sentido de detonar qualquer iniciativa do Governo […]

    Pingback por RBS não é tri nem legal | Ficha Corrida — 06/02/2014 @ 8:44 am | Responder

  80. […] d. Judith Brito leva à serio sua […]

    Pingback por Parceria público privada é isso aí | Ficha Corrida — 03/02/2014 @ 8:48 am | Responder

  81. […] parceria do Grupo Folha com o PSDB, desde as proféticas palavras de Judith Brito, está de vento em popa. São três notícias ruins vendidas com embalagem de uma […]

    Pingback por 3 em 1 | Ficha Corrida — 02/02/2014 @ 9:12 am | Responder

  82. […] para auxiliar os eternos parceiros de Judith Brito, foca na Alstom. Assim, enquanto o chicote desce nas costas da empresa, alivia o lombo de seus […]

    Pingback por Diversionismo | Ficha Corrida — 28/01/2014 @ 8:38 am | Responder

  83. […] o governante estariam sendo condenados em manchetes. Mas quando são pegos os parceiros de D. Judith Brito, o resto é […]

    Pingback por Mais raízes do ódio a Lula e Genoíno estão sendo desenterradas | Ficha Corrida — 22/01/2014 @ 9:06 am | Responder

  84. […] Mais, fica também explicado porque o Tribunal de Contas do Município de São Paulo é também a casa de Ali Babá. Bombardearam todos os prefeitos que não eram seus comparsas. Quando não conseguem por lá, acionam parceiros dos tribunais superiores. Os ataques às políticas de Fernando Haddad é uma das formas de uma elite pior do que a Roma em fim de Império que administra São Paulo como se fosse uma sua Capitania Hereditária, herdada de D. João VI. A particularidade desta descoberta é a forma como ela vem a público. Há anos ela corre pelos escaninhos dos engavetadores gerais. E os principais veículos de comunicação, Veja, Folha, Estadão, todos de São Paulo, fazem piruetas para esconder. Ninguém ousa incriminar a quadrilha que vendeu o Brasil por trinta dinheiros. Se dependesse dos grupos mafiomidiáticos, jamais se ficaria sabendo disso tudo, porque, afinal, são parceiros, como já declarou Judith Brito. […]

    Pingback por Entenda de onde vem todo o ódio ao Lula | Ficha Corrida — 20/01/2014 @ 8:11 am | Responder

  85. […] mundo sabe que o programa da Folha, igual ao de FHC por recomendação de d. Judith Brito, é antissocial. Sobre a financeirização da economia, cavalo de batalha do financiador […]

    Pingback por Para a Folha, programas sociais são vilões | Ficha Corrida — 07/01/2014 @ 8:14 am | Responder

  86. […] afiada, d. Judith Brito, é isso aí. O resto é secos e […]

    Pingback por Aécio e Folha: dobradinha à moda da casa | Ficha Corrida — 06/01/2014 @ 8:02 am | Responder

  87. […] do tipo de serviço que jornais e neoliberais pregam. Para a Folha, seguindo recomendações de Judith Brito, otimismo é comportamento primário. Eles não fizeram o secundário mas querem receitar a morte […]

    Pingback por Folha exige para o Brasil receita europeia | Ficha Corrida — 05/01/2014 @ 10:32 am | Responder

  88. […] Para se ter uma ideia do torcidômetro da Folha contra o Governo basta consultar no site do próprio jornal para ver quanta tinta desperdiçada para atender as exigências de d. Judith Brito. […]

    Pingback por Um governo superavitário | Ficha Corrida — 04/01/2014 @ 10:28 am | Responder

  89. […] usa os bancos públicos, que a mídia quer ve-los privatizados, como indutores, a Folha, como manda Judith Brito, resume em dois parágrafos. É o tal do complexo da parabólica, quando Rubens Ricúpero espraiou […]

    Pingback por Quando a notícia é boa, é deste tamanhinho, ó | Ficha Corrida — 30/12/2013 @ 8:11 am | Responder

  90. […] três macaquinhos, nada ouvem, veem falam. Não foi ato falho, mas ato rotineiro a declaração de Judith Brito que a Folha faz oposição… ao governo Federal. A Folha de São Paulo, depois das milhares de […]

    Pingback por PCC, um produto tipo exportação made in PSDB | Ficha Corrida — 30/12/2013 @ 7:46 am | Responder

  91. […] em virtude desta mania de vociferar contra o Governo Federal, a pedido de D. Judith Brito, que os brasileiros medianamente inteligentes deixaram de acreditar nestes grupos que nasceram e […]

    Pingback por Folha atira no que viu, mas acerta no que não quer ver | Ficha Corrida — 29/12/2013 @ 8:09 pm | Responder

  92. […] atenuante para a corrupção com o PSDB. Se isso não é ódio partidário dos funcionários da d. Judith Brito, então não sei mais como chamar esta […]

    Pingback por Não é fácil a vida de funcionário da Folha | Ficha Corrida — 26/12/2013 @ 7:48 am | Responder

  93. […] jornal da D. Judith Brito perpetra mais uma obra-prima do humor de […]

    Pingback por Imperdível: taxidermia de um textículo Folhatinesto | Ficha Corrida — 20/12/2013 @ 9:01 pm | Responder

  94. […] trata do PSDB, seus eternos parceiros, é apenas mais um caso. Fosse os adversários políticos de Judith Brito e as manchetes seriam escritas com sangue. De onde vem tanto ódio para alguns e, em troca, o […]

    Pingback por Quando são parceiros, Folha faz pouco “caso” | Ficha Corrida — 20/12/2013 @ 8:13 am | Responder

  95. […] mas para a Folha não manteve o ritmo. Este pessoal leva à sério a recomendação da comandante Judith Brito, de abraçar a causa de seus parceiros e fazer oposição ao governo sob qualquer forma. O Bolsa […]

    Pingback por Folha distorce para torcer contra | Ficha Corrida — 17/10/2013 @ 7:14 am | Responder

  96. […] CANTANHÊDE, porta-voz dos correligionários da chefe Judith Brito… Compara Eduardo Campos à Fernando Collor de Mello e Marina Silva, a Itamar […]

    Pingback por Este lorando-lero é porque continua apostando em Serra | Ficha Corrida — 15/10/2013 @ 7:50 am | Responder

  97. […] uma tese: são parceiros na ladroagem implantada por FHC. Esta parceria já foi assumida por Judith Brito mas hoje é alimentada pelos a$$oCIAdos do Instituto […]

    Pingback por Trens atribuídos ao filho do Lula, mas o propinoduto é genuinamente tucano | Ficha Corrida — 14/10/2013 @ 9:00 am | Responder

  98. […] culpa será atribuída a quem a tem, o PSDB. Coisas que só os a$$oCIAdos do Instituto Millenium ou Judith Brito podem […]

    Pingback por Onde está o sujeito? Protegido pela Folha… | Ficha Corrida — 11/10/2013 @ 7:42 am | Responder

  99. […] ao Instituto Millenium. Se houver alguma investigação envolvendo políticos aliados ao partido da Judith Brito, ou a Folha esconde o político, como fez a Folha com Andrea Matarazzo, ou escondem o partido, com […]

    Pingback por Se tiver político suspeito, se aparecer o partido na manchete, só pode ser petista | Ficha Corrida — 03/10/2013 @ 8:48 am | Responder

  100. […] se as duas informações são verdadeiras. Só discuto a parcialidade, assumida pela própria Judith Brito, o engajamento na corrente política dos governos que distribuem em sala de aula assinaturas da […]

    Pingback por Factoides da Folha? Só contra Lula e Dilma | Ficha Corrida — 29/09/2013 @ 7:17 am | Responder

  101. […] frase que Judith Brito endossaria: “Sendo conhecidos os predicados históricos e o inegável alcance político da […]

    Pingback por Mensalão tucano e a parcialidade da mídia | O jornaleiro — 28/09/2013 @ 1:17 pm | Responder

  102. […] frase que Judith Brito endossaria: “Sendo conhecidos os predicados históricos e o inegável alcance político da ação […]

    Pingback por As falácias da Folha | Ficha Corrida — 27/09/2013 @ 7:11 am | Responder

  103. […] Ah, essa Judith Brito… […]

    Pingback por O Pai foi condenado, mas ainda não chegou no STF | Ficha Corrida — 27/09/2013 @ 6:55 am | Responder

  104. […] deixou claro a parceria do Estadão com Ministros do STF, reverberando o que já havia declarado Judith Brito, contra o Governo: "Agora, depois da aceitação dos embargos infringentes, só resta a […]

    Pingback por O último Baile da Ilha Fiscal | Ficha Corrida — 25/09/2013 @ 7:57 am | Responder

  105. […] oposição transferiu aos grupos mafiomidiáticos o papel de oposição, assumido oficialmente por Judith Brito, da Folha de São Paulo, também abriu mão de recolher eventuais frutos. A mesma coisa aconteceu […]

    Pingback por É a economia, estúpido! | Ficha Corrida — 20/09/2013 @ 6:03 pm | Responder

  106. […] da Folha, na presença do patrão, na cracolândiae no Palácio Bandeirantes reflete de d. Judith Brito ou a opinião dos […]

    Pingback por Partidários da Ditabranda adotam Pressãobranda | Ficha Corrida — 18/09/2013 @ 8:56 am | Responder

  107. […] parece que Celso de Mello não vai poder embarcar na da D. Judith Brito. Aliás, tirando os ministros do STF que já estão empregados da Globo, e os ainda serão, nenhum […]

    Pingback por É o recurso, estúpido! | Ficha Corrida — 14/09/2013 @ 9:07 am | Responder

  108. […] publicar algumas linhas mas não pintam com as mesmas cores apocalípticas dos opositores da D. Judith Brito. Os a$$oCIAdos só divulgam algumas linhas, mas fazem esforço hercúleo para esconder o pai dos […]

    Pingback por Saúde da Escandinávia ou justiça da Suíça? | Ficha Corrida — 09/08/2013 @ 8:42 am | Responder

  109. […] como José Serra e Aécio Neves. Ao mesmo tempo, para melhorar a imagens dos protegidos de D.Judith Brito, também passaram a demonizar tudo o que não fosse espelho. É por isso que mesmo sendo o PSDB o […]

    Pingback por BRAZIL S.A — 06/08/2013 @ 1:00 pm | Responder

  110. […] ao vento. Nem FHC foi responsabilizado, muito menos seu subalterno Eduardo Jorge. Fez bem D. Judith Brito declarar que a Folha só faz oposição ao PT. E, é bom que se diga, não é só a Folha. Todos […]

    Pingback por BRAZIL S.A — 06/08/2013 @ 12:59 pm | Responder

  111. […] como José Serra e Aécio Neves. Ao mesmo tempo, para melhorar a imagens dos protegidos de D.Judith Brito, também passaram a demonizar tudo o que não fosse espelho. É por isso que mesmo sendo o PSDB o […]

    Pingback por Reserva mora? Só se for da mídia! | Ficha Corrida — 06/08/2013 @ 9:45 am | Responder

  112. […] plumas ao vento. Nem FHC foi responsabilizado, muito menos seu subalterno Eduardo Jorge. Fez bem D. Judith Brito declarar que a Folha só faz oposição ao PT. E, é bom que se diga, não é só a Folha. Todos os […]

    Pingback por E mais uma vez Folha omite nomes de seus parceiros | Ficha Corrida — 06/08/2013 @ 7:56 am | Responder

  113. […] Lula, no Lulinha, na Dilma e no Genuíno! E nem dá para dizer que, depois das declarações de D. Judith Brito, que estão sendo […]

    Pingback por Para a Folha, PSDB é corrupto, mas a culpa é do PT | Ficha Corrida — 03/08/2013 @ 12:55 pm | Responder

  114. […] os índices de criminalidade? Ou só fez aumentar? Perguntas que o jornalismo da Folha, da D.Judith Brito, atrelado ao PSDB e a Alckmin não permite se […]

    Pingback por Bato por “ordem do comando” | Ficha Corrida — 21/07/2013 @ 10:03 am | Responder

  115. […] de responsabilizar governos nem partidos, como sói acontecer quando se tratada daqueles que D. Judith Brito faz oposição. O que se faz notar é a diferença de tratamento dado aos parceiros e aos […]

    Pingback por SUSCETÍVEL FEBRIL — 14/07/2013 @ 2:16 pm | Responder

  116. […] de responsabilizar governos nem partidos, como sói acontecer quando se tratada daqueles que D. Judith Brito faz oposição. O que se faz notar é a diferença de tratamento dado aos parceiros e aos […]

    Pingback por Depois da ALSTOM, a SIEMENS | Ficha Corrida — 14/07/2013 @ 9:16 am | Responder

  117. […] Sul. A mídia só sabe generalizar quando é do PT. Quando é alguém de suas fileiras, parceiro de Judith Brito, a manchete é  a mais asséptica […]

    Pingback por Agora só falta mandar prender Ministro do STF e Procurador do MP | Ficha Corrida — 27/06/2013 @ 8:57 am | Responder

  118. […] para descobrir que o STF avalia a constitucionalidade das leis não o andamento de projetos. D. Judith Brito e Gilmar Mendes são o resultado de um mesmo fato, o golpismo dos derrotados nas urnas. Não é […]

    Pingback por Gilmar Mendes não conhece Montesquieu | Ficha Corrida — 16/06/2013 @ 9:41 am | Responder

  119. […] PSDB, visitou ontem a Folha, onde foi recebido em almoço.”  Tudo continua, como declarou Judith Brito, onde sempre esteve: Folha & PSDB se […]

    Pingback por Combinando agendas | Ficha Corrida — 12/06/2013 @ 8:45 am | Responder

  120. […] governo, causaram o maior apagão energético que este país já teve. Mas como são amigos da D. Judith Brito, sempre terão espaços entre os a$$oCIAdos do Instituto […]

    Pingback por Mestres do Apagão | Ficha Corrida — 12/06/2013 @ 8:00 am | Responder

  121. […] Se s Folha tivesse alguma dúvida sobre como atua, bastaria consultar a própria funcionária, Judith Brito… […]

    Pingback por As peripécias adversativas da mídia brasileira | SCOMBROS — 03/06/2013 @ 12:13 pm | Responder

  122. […] Se s Folha tivesse alguma dúvida sobre como atua, bastaria consultar a própria funcionária, Judith Brito… […]

    Pingback por Lula e a diferença entre atacar e criticar | Ficha Corrida — 03/06/2013 @ 8:25 am | Responder

  123. […] Nestas horas não há SIP, Instituto Millenium ou qualquer grupo mafiomidiáticos que saia para defender a liberdade de expressão. Fica assim reconhecido que liberdade de expressão só existe para Gilmar Mendes e Judith Brito. […]

    Pingback por Acertos inquestionáveis | SCOMBROS — 30/05/2013 @ 7:20 pm | Responder

  124. […] Nestas horas não há SIP, Instituto Millenium ou qualquer grupo mafiomidiáticos que saia para defender a liberdade de expressão. Fica assim reconhecido que liberdade de expressão só existe para Gilmar Mendes e Judith Brito. […]

    Pingback por Liberdade de expre$$ão | Ficha Corrida — 30/05/2013 @ 11:16 am | Responder

  125. […] de fazer. Outro para elogiar seja lá que o fizer ou deixar de fazer o colega de oposição de D. Judith Brito, Geraldo Alckmin (PSDB/SP). Neste grenal, o Bolsa Família não presta mas em compensação o Bolsa […]

    Pingback por Dois editoriais, duas medidas | Ficha Corrida — 26/05/2013 @ 8:52 am | Responder

  126. […] confessa seu viés preconceituoso para excetuar apenas as iniciativas dos correligionários da Judith Brito, pois só estes são recebidos “sem” preconceitos. Aliás, bem que a Folha poderia fazer uma […]

    Pingback por Homens de bens, com porte, de armas na mão, dá nisso | SCOMBROS — 24/05/2013 @ 6:55 pm | Responder

  127. […] confessa seu viés preconceituoso para excetuar apenas as iniciativas dos correligionários da Judith Brito, pois só estes são recebidos “sem” preconceitos. Aliás, bem que a Folha poderia fazer uma […]

    Pingback por Bolsa PSDB, sem preconceito | Ficha Corrida — 24/05/2013 @ 7:58 am | Responder

  128. […] do que nunca, Judith Brito vive! Como sabemos, os grupos mafiomidiáticos só são liberais com a mãe dos outros, salvo […]

    Pingback por Escolha seu ídolo: Che fascina à esquerda; Videla, à direita | SCOMBROS — 21/05/2013 @ 12:11 pm | Responder

  129. […] do que nunca, Judith Brito vive! Como sabemos, os grupos mafiomidiáticos só são liberais com a mãe dos outros, salvo o […]

    Pingback por Folha abraça a candidatura de Aécio Neves | Ficha Corrida — 21/05/2013 @ 7:49 am | Responder

  130. […] faca no pescoço dos Ministros do STF para condenarem seus adversário, como muito bem explicitou Judith Brito, CEO da […]

    Pingback por Justiça: falta na Espanha, sobra na Argentina | SCOMBROS — 19/05/2013 @ 6:39 pm | Responder

  131. […] a faca no pescoço dos Ministros do STF para condenarem seus adversário, como muito bem explicitou Judith Brito, CEO da […]

    Pingback por ALSTOM, mais uma obra tucana escondida pelos grupos mafiomidiáticos | Ficha Corrida — 19/05/2013 @ 10:19 am | Responder

  132. […] refrescar a memória destes anencefálicos, a matéria da insuspeita Folha de São Paulo da D. Judith Brito, a respeito do conhecimento geográfico dessa gente. Imaginem o que teria acontecido se a cartilha […]

    Pingback por Os três patetas | SCOMBROS — 19/05/2013 @ 6:56 am | Responder

  133. […] para refrescar a memória destes anencefálicos, a matéria da insuspeita Folha de São Paulo da D. Judith Brito, a respeito do conhecimento geográfico dessa gente. Imaginem o que teria acontecido se a cartilha […]

    Pingback por A geografia mental do PSDB | Ficha Corrida — 18/05/2013 @ 7:50 pm | Responder

  134. […] os a$$oCIAdos do Instituto Millenium que controlam seus rebanhos. E por aí se explica porque d. Judith Brito confessou que os grupos mafiomidiáticos são, na verdade, o verdadeiro partido da oposição, o […]

    Pingback por Ah! Se fossem Dilma ou Lula… | Ficha Corrida — 14/05/2013 @ 7:57 am | Responder

  135. […] estes empregados de d. Judith Brito. Mas é só sob o chicote do PT, a direita é diagnosticada como “establishment’ mais […]

    Pingback por Descendo com Cachoeira | SCOMBROS — 08/05/2013 @ 12:58 pm | Responder

  136. […] estes empregados de d. Judith Brito. Mas é só sob o chicote do PT, a direita é diagnosticada como "establishment’ mais […]

    Pingback por Conservador x Liberal | Ficha Corrida — 08/05/2013 @ 7:59 am | Responder

  137. […] terras, a Secretaria de Segurança pública e o governador do Estado estaria sob fogo. Mas dona Judith Brito não deixa que bulem com os […]

    Pingback por OVO DA SERPENTE | SCOMBROS — 19/04/2013 @ 12:56 pm | Responder

  138. […] terras, a Secretaria de Segurança pública e o governador do Estado estaria sob fogo. Mas dona Judith Brito não deixa que bulem com os […]

    Pingback por Na terra de Aécio Neves é assim | Ficha Corrida — 19/04/2013 @ 7:36 am | Responder

  139. […] Dona Judith Brito não brinca em serviço. Para proteger Carlinhos Cachoeira, o melhor amigo da Veja e do Policarpo junior, e também seus correligionários do PSDB, a Folha resume em dois parágrafos envergonhados a participação escabrosa no maior escândalo de corrupção que este Brasil já teve. Como se sabe, Carlinhos Cachoeira faz parte de um grupo seleto por onde transitam Gilmar Mendes, Demóstenes Torres, Policarpo Junior. Tudo gente boa… […]

    Pingback por Quando envolve um correligionário, a Folha faz isso aí, ó | EVS NOTÍCIAS — 15/04/2013 @ 1:13 pm | Responder

  140. […] Judith Brito não brinca em serviço. Para proteger Carlinhos Cachoeira, o melhor amigo da Veja e do Policarpo […]

    Pingback por Quando envolve um correligionário, a Folha faz isso aí, ó | Ficha Corrida — 15/04/2013 @ 9:39 am | Responder

  141. […] Judith Brito em ação numa matéria típica dos grupos mafiomidiáticos. Na capa, quando se trata de desmerecer seus inimigos, a Folha aplica a indefectível adversativa “mas”: […]

    Pingback por WIKILEAKS REVELA LADO EUA DO MÉXICO | EVS NOTÍCIAS — 10/04/2013 @ 12:43 pm | Responder

  142. […] Judith Brito em ação numa matéria típica dos grupos mafiomidiáticos. Na capa, quando se trata de desmerecer seus inimigos, a Folha aplica a indefectível adversativa “mas”: […]

    Pingback por Apesar da Folha, Haddad supera os insuperáveis | Ficha Corrida — 10/04/2013 @ 8:05 am | Responder

  143. […] a se candidatar pelo PMDB ao Governo de São Paulo? A Folha de São Paulo, cumprindo ordens de Judith Brito faz-se de capitão-de-mato de José Serra, iguais a’Os Carrascos Voluntários de […]

    Pingback por Os retardados chegaram | Ficha Corrida — 03/04/2013 @ 8:31 am | Responder

  144. […] Chama Judith Brito! […]

    Pingback por Vexame, os candidatos da velha mídia são nanicos, e velhos, como ela | Ficha Corrida — 23/03/2013 @ 8:03 am | Responder

  145. […] acende sinal amarelo”. Tudo para combater, a pedido dos governadores do PSDB e orientação de Judith Brito, a diminuição das tarifas de energia elétrica pretendida por Dilma. O “sinal amarelo” […]

    Pingback por " F I N I T U D E " — 05/02/2013 @ 12:32 pm | Responder

  146. […] acende sinal amarelo”. Tudo para combater, a pedido dos governadores do PSDB e orientação de Judith Brito, a diminuição das tarifas de energia elétrica pretendida por Dilma. O “sinal amarelo” […]

    Pingback por As previsões de Eliane Cantanhêde « Ficha Corrida — 05/02/2013 @ 7:47 am | Responder

  147. […] queda de braço antiga é a do pessoal da Folha com a verdade. Isto só prova que Judith Brito continua em […]

    Pingback por https://fichacorrida.wordpress.com/ « " F I N I T U D E " — 04/02/2013 @ 12:20 pm | Responder

  148. […] queda de braço antiga é a do pessoal da Folha com a verdade. Isto só prova que Judith Brito continua em […]

    Pingback por Mentira tem perna curta « Ficha Corrida — 04/02/2013 @ 7:26 am | Responder

  149. […] ainda mais. É por isso que apoia práticas caras à ditadura contra os adversários políticos de Judith Brito. Quem fez o que a Folha fez na ditadura, não há nenhuma novidade em terem inventado uma ficha […]

    Pingback por Lembrem-se, os associados do Instituto Millenium apoiaram tudo isso « Ficha Corrida — 04/02/2013 @ 7:17 am | Responder

  150. […] com os grupos mafiomidiáticos queima… Mas, ainda assim, tire a mídia do PSDB, não é mesmo Judith Brito, e não sobrará pedra sobre pedra, nem bosta sobre bosta, só […]

    Pingback por O PSDB caminha para a extinção « Ficha Corrida — 21/01/2013 @ 8:18 am | Responder

  151. […] garrafais para condenar o partido que faz da assembleia paulista uma pocilga. Quem sabe um dia Judith Brito também vai se indignar com seu partido, vai dar tratamento isonômico e colocar no mesmo balaio […]

    Pingback por Alvíssaras, agora vai « Ficha Corrida — 21/01/2013 @ 7:14 am | Responder

  152. […] da capital, porque no Estado, governado pelo parceiro Geraldo Alckmin, não há nada de errado. D. Judith Brito não brica em […]

    Pingback por FICHA CORRIDA « FATOS & FOTOS — 18/01/2013 @ 12:29 pm | Responder

  153. […] da capital, porque no Estado, governado pelo parceiro Geraldo Alckmin, não há nada de errado. D. Judith Brito não brica em […]

    Pingback por Folha opaca « Ficha Corrida — 18/01/2013 @ 7:58 am | Responder

  154. […] nem partidos. Sequer falam quem governa do Estado ou quem preside a Assembléia. Claro, como diria Judith Brito, é da base aliada. Por que a Folha de São Paulo tem tanto prurido em citar os mequetrefes? Qual […]

    Pingback por Isto, sim, é PSDB! « Ficha Corrida — 15/01/2013 @ 9:17 am | Responder

  155. […] únicos dois candidatos viáveis: Dilma e Lula, não necessariamente nesta ordem. Enquanto isso, Judith Brito e osa$$oCIAdos do Instituto Millenium, preocupados em enterrar Hugo Chávez, vão enterrando […]

    Pingback por https://fichacorrida.wordpress.com/ « FATOS & FOTOS — 11/01/2013 @ 12:47 pm | Responder

  156. […] os únicos dois candidatos viáveis: Dilma e Lula, não necessariamente nesta ordem. Enquanto isso, Judith Brito e os a$$oCIAdos do Instituto Millenium, preocupados em enterrar Hugo Chávez, vão enterrando sapos […]

    Pingback por O vôo de Cantanhêde « Ficha Corrida — 11/01/2013 @ 8:51 am | Responder

  157. […] dos políticos alinhados com os grupos mafiomidiáticos? Porque desta proteção mafiosa? D. Judith Brito continua dando ordens na […]

    Pingback por BRASIL 247 – http://www.brasil247.com/ « FATOS & FOTOS — 10/01/2013 @ 12:51 pm | Responder

  158. […] dos políticos alinhados com os grupos mafiomidiáticos? Porque desta proteção mafiosa? D. Judith Brito continua dando ordens na […]

    Pingback por MALDITO PRECEDENTE « FATOS & FOTOS — 10/01/2013 @ 12:48 pm | Responder

  159. […] dos políticos alinhados com os grupos mafiomidiáticos? Porque desta proteção mafiosa? D. Judith Brito continua dando ordens na […]

    Pingback por GURGEL SÓ SABE ACUSAR… « FATOS & FOTOS — 10/01/2013 @ 7:33 am | Responder

  160. […] dos políticos alinhados com os grupos mafiomidiáticos? Porque desta proteção mafiosa? D. Judith Brito continua dando ordens na […]

    Pingback por Relação umbilical: Folha alivia PSDB « Ficha Corrida — 10/01/2013 @ 7:31 am | Responder

  161. […] caso Proconsult. Em São Paulo as famiglias Mesquita, Frias e Civita se encarregam, através de Judith Brito e do Instituto Millenium, de dar sobrevida ao […]

    Pingback por Com o afastamento de Micarla, PV cai de podre antes de ficar maduro « Ficha Corrida — 05/01/2013 @ 7:25 am | Responder

  162. […] O que a Folha quer  é um palco para externar seus vícios autoritários, bem evidenciados nesta frase: “O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como se sabe, preferia a elocução desabrida nos comícios ao confronto, sobretudo se desse direito a réplicas, com repórteres.” O que a Folha quer não é entrevista, é “confronto”. Aliás, fato já admitido por Judith Brito. […]

    Pingback por Caiu a ficha (falsa) da Folha « Ficha Corrida — 23/12/2012 @ 1:02 pm | Responder

  163. […] ver com a lógica política. Com o esvaziamento do balão do PSDB, os congressistas comandados pela Judith Brito foram delegando poderes a quem pudesse substituí-los quando defenestrados. As modificações […]

    Pingback por Congresso reclama, mas vem aumentando poder do STF…. « Ficha Corrida — 21/12/2012 @ 10:22 pm | Responder

  164. […] Folha d São Paulo dá ré. Mas está lá, tudo isso também é obra sua. D. Judith Brito é testemunha. O erro não está só na apresentação sorrateira após o encerramento, mas também […]

    Pingback por Golpismo envergonhado « Ficha Corrida — 21/12/2012 @ 8:31 am | Responder

  165. […] pelos Grupos Mafiomdiáticos. Não se deve esquecer a declaração da dirigente da Folha, d. Judith Brito de que os a$$oCIAdos dos Instituto Millenium tinham virado partido de oposição. A Folha já tinha […]

    Pingback por Folha atribui a Lula blindagem de corruptos dada por PSDB e PMDB « Ficha Corrida — 20/12/2012 @ 7:36 am | Responder

  166. […] com isso.” Isto é, a felicidade com a danação alheia traz conforto ao funcionário da D. Judith Brito. É bom saber… Mas num julgamento como este, a alegria pela condenação faz parecer […]

    Pingback por A confissão « Ficha Corrida — 18/12/2012 @ 6:31 am | Responder

  167. […] em desconforto. Sim, é possível que se possa ter revés, mas e do outro lado, do lado da D. Judith Brito, do Merval, do Reinaldo Azevedo, além de Carlinhos Cachoeira e Marcos Valério, tendo Policarpo […]

    Pingback por Torcidômetro & inVEJA « Ficha Corrida — 16/12/2012 @ 8:01 am | Responder

  168. […] como Geraldo Alckmin, contrasta claramente quando procuram incriminar adversários políticos de d. Judith Brito. Por que a folha prefere usar “governador”, ao invés de Geraldo Alckmin? Será que a Folha […]

    Pingback por E Porto Seguro afundou São Paulo « Ficha Corrida — 15/12/2012 @ 9:45 am | Responder

  169. […] Rodrigues resume muito bem o desespero da oposição comandada por D. Judith Brito. Elenca uma série de coisa que não estariam bem, do ponto de vista dele, para depois lamentar […]

    Pingback por Tanto mais batem, mais Dilma cresce « Ficha Corrida — 15/12/2012 @ 8:16 am | Responder

  170. […] a Folha de São Paulo não foi contra a cronometragem do julgamento. Até porque, como diz D. Judith Brito, a verdadeira oposição está na Folha. Depois da lambança feita, quando o STF julgou com o sopro […]

    Pingback por Folha, agora, contra o “açodamento punitivo” « Ficha Corrida — 10/12/2012 @ 7:28 am | Responder

  171. […] faz muito brandiram manchetes contra a carga tributária. O jornal da D. Judith Brito publicou não faz nem um mês que a Carga tributária no Brasil é 67% maior que média da América […]

    Pingback por Por onde andam os impostores do impostômetro?! « Ficha Corrida — 07/12/2012 @ 10:22 pm | Responder

  172. […] a manchete do jornal da D. Judith Brito, braço armado do PSDB e dos interesses […]

    Pingback por Folha sai em defesa do PSDB « Ficha Corrida — 06/12/2012 @ 7:25 am | Responder

  173. […] repente parece que a Folha de São Paulo, da D. Judith Brito, se dá conta de que o PSDB é isso mesmo, “uma tragédia gerencial”. Cássio Cunha Lima […]

    Pingback por O desânimo da Folha « Ficha Corrida — 05/12/2012 @ 9:10 am | Responder

  174. […] o ciclo de volta ao passado. Mas eu ainda lembro o que eles fizeram na gestão passada. Nem vem, D. Judith Brito, esse cara não levanta nem com viagra… FHC quer Aécio (Pó pará, governador!) Never se […]

    Pingback por Folha chama o velho(a)co « Ficha Corrida — 03/12/2012 @ 8:09 am | Responder

  175. […] ficar de bem com a Opus Dei, sendo que a própria mulher dele havia cometido aborto? Bem que D. Judith Brito e demais a$$oCIAdos do Instituto Millenium poderiam abandonar esta ideia de cerco e caça a Lula e […]

    Pingback por Praia de Xangri-Lá » Blog Archive » A hora da verdade para Lula e o PT — 01/12/2012 @ 1:12 am | Responder

  176. […] ficar de bem com a Opus Dei, sendo que a própria mulher dele havia cometido aborto? Bem que D. Judith Brito e demais a$$oCIAdos do Instituto Millenium poderiam abandonar esta ideia de cerco e caça a Lula e […]

    Pingback por A hora da verdade para Lula e o PT « Ficha Corrida — 30/11/2012 @ 10:28 pm | Responder

  177. […] colonista da Folha de São Paulo confirma declaração da chefe, Judith Brito: “estamos programados para procurar as más notícias”. Desde que seja contra Lula e PT, claro, […]

    Pingback por O Colonista « Ficha Corrida — 30/11/2012 @ 7:50 am | Responder

  178. […] ficar de bem com a Opus Dei, sendo que a própria mulher dele havia cometido aborto? Bem que D. Judith Brito e demais a$$oCIAdos  do Instituto Millenium poderiam abandonar esta ideia de cerco e caça a […]

    Pingback por Já vi esta história antes « Ficha Corrida — 30/11/2012 @ 7:28 am | Responder

  179. […] por hora”. E o eufemismo da Folha de São Paulo para livrar a cara dos correligionários de Judith Brito, é desorientador: “No centro de São Paulo, uma comerciante oriental foi baleada”. Oriental? […]

    Pingback por Passadas as eleições, os grupos mafiomidiáticos descobrem a trave no olho « Ficha Corrida — 23/11/2012 @ 8:23 am | Responder

  180. […] Lula, ganhavam manchetes, agora, quando atingiriam do PSDB, ficam apenas no registro da ombudsman. Judith Brito também manda na […]

    Pingback por Agora, cuidado « Ficha Corrida — 11/11/2012 @ 9:09 am | Responder

  181. […] O PCC faz com armas o que jornais (Folha, Estadão, Globo, Zero Hora) com a caneta. As vítimas são definidas e estão do outro lado, do lado oposto de D. Judith Brito. […]

    Pingback por Do que nos livramos « Ficha Corrida — 11/11/2012 @ 7:33 am | Responder

  182. […] no Brasil. Bastou Lula e Dilma fazerem a coisa certa para virarem oposição, como admitiu dona Judith Brito. Na Argentina não é diferente. Basta não privilegiar, para o Grupo Clarín sair atacando. Na […]

    Pingback por O sonho dos grupos mafiomidiáticos « Ficha Corrida — 05/11/2012 @ 7:55 am | Responder

  183. […] Torres, José Roberto Arruda e Kassab, a Veja vai dar nas páginas cor de cocô a quem? À Judith Brito, ao Merval […]

    Pingback por “Y junto con la prensa, el otro eje de la oposición lo está ejerciendo la justicia” « Ficha Corrida — 09/10/2012 @ 6:07 am | Responder

  184. […] a quem ousa chamar, por batia e não sofria, de ditabranda. Não faz muito, uma dirigente da Folha, Judith Brito, declarou que os grupos mafiomidiáticos, por falta de uma oposição séria e consistete, se […]

    Pingback por A Folha ridiculariza quem pensa diferente « Ficha Corrida — 22/09/2012 @ 6:48 am | Responder

  185. […] um costume que os a$$oCIAdos do Instituto Millenium acordaram por bem adotarem para satisfação de Judith Brito. Primeiro, o ataque: “Ministro diverge de relator e inocenta deputado do PT”. Nesta não […]

    Pingback por Acusação x defesa « Ficha Corrida — 24/08/2012 @ 7:46 am | Responder

  186. […] “se é bom a gente mostra, se é ruim a gente esconde”. O jornal onde dá expediente Judith Brito segue à risca essa máxima dos […]

    Pingback por A condenação de um correligonário dos grupos mafiomidiáticos « Ficha Corrida — 21/08/2012 @ 8:03 am | Responder

  187. […] mafiomidiáticos que se a$$oCIAaram ao Instituto Millenium para fazer oposição, como bem declarou Judith Brito, aos governos de esquerda. Não é mero acaso que o famoso instituto, nome derivado de um puteiro, […]

    Pingback por Filósofo lamenta oposição PT-PSDB « Ficha Corrida — 20/08/2012 @ 8:42 am | Responder

  188. […] Neves, assassino de Sandra Gomide, não se pode esperar outra coisa que não aquela externada por Judith Brito: fazerem oposição ao Governo Federal para diversionismo dos problemas administrativos criados por […]

    Pingback por A mídia e a onda de violência em SP « Ficha Corrida — 19/08/2012 @ 8:42 am | Responder

  189. […] A começar pelo jornal que é uma sucursal do PSDB, a Folha de São Paulo, que tem em seu staff d. Judith Brito, sempre minimiza questões envolvendo o cerceamento da liberdade de expressão quando parte do […]

    Pingback por E se a pressão fosse do PT? « Ficha Corrida — 18/08/2012 @ 10:30 am | Responder

  190. […] já fez questão de deixar claro D. Judith Brito, a velha mídia, turbinada pela ditadura, faz oposição aos governos de esquerda. Desconhecer isso […]

    Pingback por Se os jornais dizem algo, acredite no contrário « Ficha Corrida — 16/08/2012 @ 7:25 am | Responder

  191. […] são desequilibrados e que, como agora, mandam o povo à merda, não são desequilibrados. Chamem a Judith Brito, está na hora de trocar os jornalistas de oposição. Estes que estão aí não só […]

    Pingback por Chegou a hora de trocar de povo? « Ficha Corrida — 14/08/2012 @ 9:21 am | Responder

  192. […] seus representantes, a SIP travestiu-se no papel de opositores, cuja expoente no Brasil se chama Judith Brito. O jornal El País traz matéria sobre o assunto que comprova que há jornalistas argentinos que […]

    Pingback por Veja + Clarin = SIP « Ficha Corrida — 11/08/2012 @ 3:02 pm | Responder

  193. […] Na reportagem que tenta tratar dos fatos que envolvem o julgamento no STF, a Folha saiu-se com esta: “Embora o banco tenha informado os saques à fiscalização, só revelou que os beneficiários eram políticos quando o escândalo veio à tona.” Ora, duvido que o advogado do Banco Rural tenha levado ao plenário que “só revelou que os beneficiários eram políticos quando o escândalo veio à tona”. Esta informação não constava da sessão de ontem, mas a Folha soube onde encontrar. Isto é, fez na reportagem às vezes de Gurgel. Dito isto, convém então contraargumentar que os bancos não estão obrigados a informarem a profissão, apenas o valor envolvido na transação. Mas sabe como é o jornal da D. Judith Brito… […]

    Pingback por Folha e Gurgel trocam alianças « Ficha Corrida — 09/08/2012 @ 8:15 am | Responder

  194. […] para vira-lata ter de informar que o objetivo do governo ao qual fazem oposição, como declarou Judith Brito, é “aumentar o conteúdo nacional dos carros vendidos no Brasil”.  Bom mesmo é um carro […]

    Pingback por Se a notícia é boa, a Folha encurta « Ficha Corrida — 09/08/2012 @ 8:00 am | Responder

  195. […] contradições ditadas pelas quadratura dos colunistas que colocam a Folha de São Paulo de D. Judith Brito no seu devido lugar, ao lado da direita e da ditabranda, e contra o povo. Ontem, hoje e […]

    Pingback por Entranhas do julgamento « Ficha Corrida — 07/08/2012 @ 7:34 am | Responder

  196. […] à construção mediática, comandada por Judith Brito e coordenada pelo Instituto Millenium, Lula se viu obrigado a desenvolver políticas sociais. Sem o […]

    Pingback por Folha se agarra à prostituta das provas « Ficha Corrida — 04/08/2012 @ 10:22 am | Responder

  197. […] A Folha, como não trabalha com algumentos jurídicos, cumpre bem o papel de oposição avocado por Judith Brito. Em editorial, Folha diz que Toffoli perdeu oportunidade de […]

    Pingback por Folha sofre a primeira derrota « Ficha Corrida — 03/08/2012 @ 7:50 am | Responder

  198. […] não tivesse, incluisive, recebido mais multas que  Haddad. Mas é assim onde trabalha Judith Brito. Os a$$oCIAdos do Instituto Millenium não escondem o ódio que tem de Lula e do PT. Isso nos […]

    Pingback por Com antolhos « Ficha Corrida — 01/08/2012 @ 7:25 am | Responder

  199. […] Justiça”, acrescentou este verso sobrenatural com todos os cromossomas que compõem o DNA da Judith Brito: “Mesmo que não tenha cometido um crime, a ex-ministra pode ter falhado eticamente ao permitir […]

    Pingback por Para que serve um umbu? « Ficha Corrida — 29/07/2012 @ 8:22 am | Responder

  200. […] não se pode dizer que a atitude da Folha ao chamar a ditadura de ditabranda seja ilegal, nem que Judith Brito, por ser diretora da Folha, ocupe o papel da oposição, assim como esconder no último parágrafo […]

    Pingback por O manual da manipulação manual « Ficha Corrida — 28/07/2012 @ 2:26 pm | Responder

  201. […] partido da Dona Judith Brito, na oposição, age assim. E se estivessem no poder, seria apenas um revival da ditadura. Ou […]

    Pingback por Os resquícios da ditadura em ações da "imprensa" « Ficha Corrida — 09/06/2012 @ 11:46 am | Responder

  202. […] rastejar que caminhar. A sorte do PT é que a oposição não existe. A líder da oposição, Judith Brito,  ainda não chegou ao século XXI. Os demais estão caindo como dominó. A próxima eleição […]

    Pingback por Artigo de Marta gera rumor sobre saída do PT | Brasil 247 « Ficha Corrida — 09/06/2012 @ 11:11 am | Responder

  203. […] ao governo de Cristina Kircnher. Algo diferente do que vemos por aqui? Alguém ainda lembra de Judith Brito e sua declaração: Declaração de Maria Judith Brito‎. Nuevos datos sobre el traslado, 35 años […]

    Pingback por Assuntos proibidos no La Nacion e Clarin « Ficha Corrida — 24/11/2011 @ 9:14 am | Responder

  204. […] como também é sabido, a Folha é principal adversária. É lá que dá expediente aquela senhora, Judith Brito, que avocou para si, por falta incompetência do PSDB & DEMo, o papel de oposição ao governo. […]

    Pingback por Problema hidráulico « Ficha Corrida — 05/11/2011 @ 8:35 am | Responder

  205. […] deixado pela oposição equatoriana”. Como se vê, a imprensa de lá repete o que a senhora Maria Judith Brito, presidente da Associação Nacional de Jornais, declarou a respeito do Brasil: ”- A liberdade de […]

    Pingback por Murdoch à equatoriana « Ficha Corrida — 22/07/2011 @ 8:32 am | Responder

  206. […] em benefício da SIP e a$$oCIAdos do Instituto Millenium. Na oportunidade publiquei aqui Uma mão lava a outra; as duas, a bunda. O Clarin, maior beneficiário do regabofe, publicou: “El presidente de la Corte Suprema […]

    Pingback por Há um Clarin no fim do túmulo « Ficha Corrida — 03/06/2011 @ 8:03 am | Responder

  207. […] da Ilha Fiscal em que o passado pesa tanto que não vê sinal de luz para o futuro. Tirando Judith Brito, que emplacou um regabofe no STF, ninguém mais nas oposições consegue se destacar. Batido o […]

    Pingback por Em cabeça dura, nem batendo com martelo « Ficha Corrida — 28/05/2011 @ 4:54 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: