Ficha Corrida

18/09/2015

A fábula da RBS: Rede Baita Sonegadora

rbsz zelotes

Rede Baita Sol e Operação Zelotes em Palomas

Postado por Juremir em 17 de setembro de 2015

Nada de novelas nem de séries de tevê. Até o futebol anda em baixa em Palomas. Por lá, só se fala em Lava-Jato e Zelotes. São duas operações que atingem o coração do poder local. A Lava-Jato pode levar ao impeachment da presidente da República Popular de Palomas. A Zelotes traz à tona os podres da Rede Baita Sol, proprietária da Rádio Gaudéria, do Diário Gaudério, da TV Gaudéria e do jornal Meia-Noite. Trata-se de um esquema rastaquera de pagamento de polpudas propinas para evitar o repasse de quantias astronômicas ao fisco. Afinal, como sempre dizem os comentaristas da Rede Baita Sol, os impostos dão pouco retorno. As propinas, obviamente, dão muito mais.

João da Vaca e Zé da Égua tiveram um desentendimento durante um jogo de truco. João é tucano. Zé é petista. São os partidos dominantes em Palomas. O PT (Partido Tucano) é acusado de ser o mais corrupto da história palomense. O PP (Partido Petista) é o acusador. Não se deve confundir o PT palomense com o seu homônimo brasileiro. O mesmo vale para o PP. Na verdade, os partidos palomenses têm por siglas PTP (Partido Tucano Palomense) e PPP (Partido Petista Palomense). Uma terceira força está surgindo, o PQP, de tendência anarquista, cujo nome por extenso não pode ser revelado numa coluna familiar. O slogan do PQP é: “Quem tem político tem medo”. A discussão entre João da Vaca e Zé da Égua teve uns lances como estes:

– Vocês são golpistas – gritou João.

– Vocês é que são – retrucou Zé.

– Não me confunda com vocês – rebateu João.

– Claro que não. Nós somos de outra farinha – retrucou Zé.

– Tudo farinha do mesmo saco – intrometeu-se Juca do PQP.

A partir daí, fechou o pau. Até parecia em Brasília.

– Queremos o fim da corrupção!

– Papo furado! Vocês querem é o fim das políticas sociais.

– E se fosse? Chega de bancar vagabundo com nosso dinheiro.

– Aí, ó! Resolveu abrir o jogo.

– Comigo não tem lero-lero. Ganha-se dinheiro suando.

Não deu para saber quem dizia o quê. Nunca na história de Palomas tantos insultos e acusações foram feitos ao mesmo tempo e com a mesma virulência. Era truco, retruco e toma na cara que tem mais.

– Fala do mensalão, petralha!

– Fala do mensalão tucano, coxinha!

– É o petrolão!

– É o trensalão!

– É o BNDES!

– É o propinoduto paulistano.

– É a mãe.

– A mãe, não, tchê. Aí é questão de honra.

Foi aí que o líder do PQP deu o sinal

– A Rede Baita Sol está na área.

– Zelotes, Zelotes, Zelotes! – só se ouvia o coro.

Juremir Machado da Silva – Blogs – Correio do Povo | O portal de notícias dos gaúchos

2 Comentários »

  1. […] Quem sai aos seus não degenera, diz o ditado. Fetter, assim como Antônio Britto, Yeda Crusius, Luis Carlos Prates, Ana Amélia Lemos e Lasier Martins  são ratazanas produzidas nos porões da RBS, também conhecida, devido às descobertas nas Operações Zelotes e Ouro Verde (Portocred)  da Polícia Federal, como Rede Baita Sonegadora. […]

    Pingback por Fábrica de ratazanas, a RBS | Matemática em Sobral — 30/08/2016 @ 8:07 am | Responder

  2. […] Quem sai aos seus não degenera, diz o ditado. Fetter, assim como Antônio Britto, Yeda Crusius, Luis Carlos Prates, Ana Amélia Lemos e Lasier Martins  são ratazanas produzidas nos porões da RBS, também conhecida, devido às descobertas nas Operações Zelotes e Ouro Verde (Portocred)  da Polícia Federal, como Rede Baita Sonegadora. […]

    Pingback por A fábrica de ratazanas da RBS | Ficha Corrida do GOLPE — 29/08/2016 @ 10:17 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: