Ficha Corrida

28/04/2016

O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz.

OBScena: retrato da união da plutocracia com a cleptocracia

Cleptocratas Golpistas

O festival de hiPÓcrisia que assola o país deve-se ao golpismo desenfreado vendido pela Rede Globo aos seus midiotas. Primeiro a Globo se perfilou para defender as trincheiras do NaPÓleão das Alterosas. Sem votos para vencer Dilma, tendo inclusive perdido nos dois Estados onde era mais conhecido, Minas e Rio de Janeiro, Aécio Neves aliou a Michel Temer e Eduardo CUnha para dar o golpe. Mesmo tendo sido entregue por pelo menos oito delatores, juntamente com sua operadora, a irmã Andrea Neves, ostenta a imunidade comum concedida aos plutocratas. A prova de que as instituições brasileiras estão podres está no fato de que nenhuma das denúncias contra o amigo do Zezé Perrella foram levadas avante. Pelo contrário, paira um manto de cumplicidade e compadrio sobre tudo e todos, o que demonstra de forma cabal o verniz com que se cobre o Golpe Paraguaio. 

Sabe como plutocracia reconhece e protege os seus? Perseguindo os que ousam não ser como eles. Veja como Dilma é perseguida e Aécio protegido. Observe a obsessão com Lula e o total descaso com Eduardo CUnha. Isso não é distração, é método. Isso, sim, é demonstração de pertencimento de classe. Quem protege Eduardo CUnha é da famiglia do “Somos Todos CUnha”.

O sindicato de cleptocratas que está tomando de assalto o poder conta com apoios difusos nas instituições que deveriam investigar e julga-los. A mídia, que deveria informar, aplica a lei de Procusto: espicha ou corta suas vítimas para caberem na medida de seus interesses. Só numa República das Bananas um notório corrupto conduziria um golpe sob uma omissão endossante do STF. O silêncio do STF é sua contribuição comitiva ao golpe. E se o STF se omite de forma tão vergonhosa é porque os homens de BENZ da nossa sociedade são, na essência, plutocratas. Em nenhum momento a corrupção foi tão bem aceita e assimilada pela nossa sociedade.  Ninguém mais fala na Lista Falciani do HSBC, na Lista de Furnas, na Lista Odebrecht, na Operação Zelotes, Operação Ouro Verde, Operação Pavlova. Ninguém mais fala no heliPÓptero

No Golpe Militar a Rede Globo conseguiu vender a ideia de era uma revolução para defender as instituições. Agora a Rede Globo consegue vender o golpe para proteger a corrupção, e a sociedade dos homens de BENZ compra que a ideia de que a corrupção não é tão ruim assim. Quando José Serra declarou que sonegação não é crime estava apenas cumprindo um script para justificar a lavagem das Copas de 2002 e 2006 pela Rede Globo. E os midiotas compraram a ideia. Tanto que na marcha dos zumbis havia cartazes dizendo que “sonegação é legítima defesa”.  Fizeram apologia a diversos crimes e as instituições que deveriam zelar para que isso não acontecesse, bateram palmas.

Como já não dá para levar a sério a desfaçatez desta gente que toma de assalto os cofres públicos, com a omissão obsequiosa do STF, só nos resta consolo na poesia. Vai aí minha homenagem, inspirada em Fernando Pessoa, à sinceridade do ventríloquo dos cleptocratas no Golpe Paraguaio, Michel Temer:

AUTOPSICOGRAFIA
O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.
E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

Fernando Pessoa

AUTO CANALHICE
Michel Temer é fingidor
Finge tão completamente
Que chega fingir honestidade
Exatamente o que ele não tem
E os que ouvem o que ele diz
Na hora entendem bem
Não as duas caras de desdém,
Mas só a que lhes convém.

A palavra de Michel Temer, e de quem acredita nele, tem menos valor que o cocô de meus cachorros.

Temer: não posso, não devo e não irei interferir na Lava Jato

O vice-presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira (27) que o ministro da Justiça, caso ele assuma o governo, "não se imiscuirá" na Lava Jato ou no trabalho da Polícia Federal; Temer descartou o advogado Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, seu amigo há décadas, que se manifestou contrariamente à Lava Jato

27 de Abril de 2016 às 21:40

247 – O vice-presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira (27) que o ministro da Justiça, caso ele assuma o governo, "não se imiscuirá" na Lava Jato ou no trabalho da Polícia Federal. Temer descartou o advogado Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, seu amigo há décadas, que se manifestou contrariamente à Lava Jato.

"Não posso, não devo e não irei interferir na Lava Jato, caso venha a ser provisoriamente presidente da República. Mesmo que pudesse interferir, jamais o faria. Como constitucionalista, tenho plena ciência dos meus deveres institucionais. Qualquer que seja o ministro da Justiça, será alguém comprometido com o bom andamento da Lava Jato e com a autonomia da Polícia Federal. Essa será a diretriz do nosso governo", afirmou ele à revista Época.

Temer: não posso, não devo e não irei interferir na Lava Jato | Brasil 24/7

4 Comentários »

  1. […] Fonte: O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz. […]

    Pingback por O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz. | Pilihsacconi's Blog — 01/05/2016 @ 11:14 am | Responder

  2. […] Fonte: O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz. […]

    Pingback por O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz. | O jornaleiro — 01/05/2016 @ 10:48 am | Responder

  3. […] Sourced through Scoop.it from: fichacorrida.wordpress.com […]

    Pingback por O golpista é um fingidor contumaz, que finge não ser golpes, dados à frente e por traz. | BRASIL S.A — 28/04/2016 @ 12:20 pm | Responder

  4. […] OBScena: retrato da união da plutocracia com a cleptocracia O festival de hiPÓcrisia que assola o país deve-se ao golpismo desenfreado vendido pela Rede Globo aos seus midiotas. Primeiro a Globo se perfilou para defender as trincheiras do NaPÓleão das Alterosas. Sem votos para vencer Dilma, tendo inclusive perdido nos dois Estados onde era mais…  […]

    Pingback por O golpista é um fingidor contumaz, que f... — 28/04/2016 @ 12:20 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: