Ficha Corrida

26/10/2015

As bombas que eram tracks

As pombas

Raimundo Correia

Vai-se a primeira pomba despertada…
Vai-se outra mais… mais outra… enfim dezenas
De pombas vão-se dos pombais, apenas
Raia sanguínea e fresca a madrugada…

E à tarde, quando a rígida nortada
Sopra, aos pombais de novo elas, serenas,
Ruflando as asas, sacudindo as penas,
Voltam todas em bando e em revoada…

Também dos corações onde abotoam,
Os sonhos, um por um, céleres voam,
Como voam as pombas dos pombais;

No azul da adolescência as asas soltam,
Fogem… Mas aos pombais as pombas voltam,
E eles aos corações não voltam mais…

Como no poema do Raimundo Correia, uma a uma as bombas soltadas pelos golpistas vão se esfacelando como tracks de festa infantil. Os assoCIAdos do Instituto Millenium vendem os tracks como se fossem as tais bombas inteligentes que os EUA jogaram sobre o Afeganistão. Lá como cá, atingem, cirurgicamente, apenas… hospitais. Aliás, ainda no ramo de bombas, a direita brasileira tem um apego muito grande por bombas que estouram nos próprios braços, como aquela do Riocentro.

O que estamos vendo é que, como as pombas do Raimundo Correia, as bombas da direita hidrófoba voltam aos umbrais de onde saíram, mas os sonhos de destruir Lula, Dilma e PT, que move todo todo brasileiro corrupto, já não convencem mais. O jornalismo de torcida organizada, do tipo hooligans, é tudo o que resta aos golpistas inveterados.

Lista das principais bombas lançadas contra o PT, Dilma e Lula e os seus lançadores:

RBS, Rede Globo e demais membros do Instituto Millenium

sonegação é só negação não é corrupçãoOs veículos de mídia, por terem o DNA incrustrado no golpismo, mantém um guerra sem quartel contra Lula, Dilma e o PT. O ódio disseminado pelos grupos mafiomidiáticos quer convencer os seus candidatos perdedores que o poder lhes pertence por direito divino. Revelado pelo vazamento, via parabólica, a prática de esconder o que é bom ao PT, Lula e Dilma e mostrar tudo o que lhes possa ser jogado como criminoso, constitui-se a verdadeira Lei Rubens Ricúpero. Eis aí a primeira bomba que se autodestrói. A Rede Globo está envolvida, junto com J. Hawilla, Ricardo Teixeira, José Maria Marin e Marco Polo del Nero, no escândalo de sonegação da Copa de 2002. A RBS, por sua vez, foi pega na Operação Zelotes corrompendo para sonegar pelo menos R$ 113 milhões. É com este dinheiro sonegado que eles capturam servidores públicos e políticos para se safarem de suas obrigações legais. O ódio dos grupos mafiomidiáticos pode ser medido por declarações de seus estafetas mais ilustres: Luis Carlos Prates, Arnaldo Jabor, Rachel Sheherazade, Merval Pereira, Fernando Gouveia e Danusa Leão. Acaba de vazar que a RBS pagou R$ 11,7 milhões para se safar de R$ 113 milhões de impostos. E isto explica porque um Estado que já foi pujante, desde que a RBS por aqui cresceu, arrefeceu. Dizem que o RS está quebrado mas não dizem quem o quebrou. A RBS teve e tem participação nisso. Não por acaso, seus mais salientes funcionários, buscam conseguir imunidade parlamentar. Pode-se inscrever neste rol, além do já denunciado Afonso Motta, também os dois senadores da RBS, Ana Amélia Lemos e Lasier Martins. A sonegação conseguida mediante pagamento de quase doze milhões explica porque a RBS deu tanta cobertura aos manifestantes que diziam que sonegação não é crime…

Pode-se e deve-se por na conta dos grupos mafiomidiáticos a luta constante contra o ENEM. Foram eles que repercutiram o grito dos que não queriam concorrência para ingressar nas Universidade Públicas. Coincidentemente, passaram a odiar Lula que sozinho construiu mais Universidades que todos os seus antecessores somados. De repente, o ENEM passa despercebido e leva às universidades um público diferenciado, em cores e procedências. O resultado disso vai demorar, mas vai aparecer. Instituições hoje ocupadas por oriundos da classe média secularmente privilegiada transformar-se-ão quando esta leva social substituir a anterior.

A Folha tem um costume que se observa de forma crônica também nos demais: acusações que de alguma forma visam Lula, seu nome e seu partido aparecem na TV. Se a má notícia tem a ver com o PSDB ou seus aliados de ocasião, o fato é tratado de forma asséptica, como quem se desculpa por trazer o assunto à baila. Por exemplo, a má administração, o descalabro na segurança pública jamais são levados à conta de Geraldo Alckmin. Se der, põem a culpa no PT.

AssoCIAções Médicas

mais medicos menos mulasTodo dia que passa mais médicos envolvidos na batalha contra o Mais Médicos aparecem em situações de completa e absoluta falta de ética. A máfia de branco não esconde todo ódio que têm pelas políticas de saúde pública que levam atendimento a locais carentes. Não importa que milhões de pessoas ficariam sem assistência, importa demonstrar em praça pública toda a deformação profissional e a completa ausência de escrúpulos humanísticos. É irmã siamesa da constatação que fez Danusa Leão: “Ir a Nova York já teve sua graça, mas, agora, o porteiro do prédio também pode ir, então qual a graça?”

O fato de pessoas que estão na “casta”, ao parecer deles, mais inferior disputar e ocupar espaço em sala de aula com os filhos dos sempre privilegiados é motivo de ódio animalesco. O filme da Anna Muylaert, “Que horas ela volta?” da conta muito bem de retratar essa situação criada pelo PT de Lula e Dilma.

Outro lado desta mesma moeda reside no vira-latismo em relação à valoração do filme. Só passa a ter valor a partir do momento que concorre a prêmios internacionais.

Se lá fora for aceito, então é bom. Se não, não!

Para se ter uma ideia, o símbolo moral do ódio médico é Ronaldo Caiado

 

tCU

tCU faz de contaÓrgão (sic!) auxiliar do Congresso é o mais novo bastião dos golpistas. Sonho de onde partiriam as bombas que serviriam para detonar Dilma, descobre, antes mesmos que seus torpedos cheguem ao Congresso, que eram track de corruptos inveterados.

Augusto Nardes, ilustre membro do PP gaúcho, pego todinho na Lava Jato, também foi pego na Operação Zelotes.

Agora é a vez de outro ilustre membro daquele grupelho de políticos fracassados, o Aroldo Cedraz.

Ana Arraes, que fazia uma dupla inseparável com o filho Eduardo Campos, perfilou-se aos inescrupulosos parceiros.

Augusto Nardes e Aroldo Cedraz são personagem que até bem pouco tempo, como ensina FHC em suas memórias, tinham livre trânsito para fazerem o que fazem sem serem incomodados por incômodas denúncias.

Eduardo CUnha

cunhas-somosProtegido pela Rede Globo, onde trabalhava a mulher Cláudia Cruz, o Presidente da Câmara virou Meca do MBL, Carlos Sampaio, Aécio Neves e Paulinho da Força Sindical. A Veja, como fizeram com Demóstenes Torres, apostou todas as fichas nele. As Marchas dos Zumbis, puxadas pela mídia golpista, tinham para Eduardo CUnha um lema que não deixa dúvida do nível das manifestações que tentaram destituir Dilma para colocar em seu lugar o Napoleão das Alterosas: “Cunha é corrupto mas está do nosso lado”. Não é só fazer coro ao notório corrupto, mas principalmente indicativo do déficit civilizatório da turma do toxicômano. Se houvesse qualquer compromisso no combate à corrupção o MPF teria processado os portadores de tais faixas por apologia à corrupção?!

Eduado CUnha, em que pese todas as provas já reunidas pela Suíça, continua podendo interferir na ocultação de provas e na continuidade dos crimes. Tentou, inclusive, impedir que a Suíça enviasse ao Brasil o dinheiro e as provas. Não há, até este momento, pedido de prisão seja dele, seja dos demais membros da quadrilha familiar, por obstrução à justiça ou ocultação de provas. Não há, no caso do CUnha, a mesma virulência aplicada com a CUnhada do Vaccari, o que indica até que ponto nossas instituições agem à reboco de interesses escusos. Embora não esteja no PSDB, para tamanha imunidade, Cunha tem sido muito  útil ao PSDB. A parceria que fez com Carlos Sampaio para tentar entronizar o Napoleão das Alterosas tem obnubilado os olhos cegos e estrábicos da justiça.

 

FHC

Miriam-DutraO ex-presidente, a par de tudo o que já se sabia, agora botou em livro que não só nomeou ladrões como, sabendo, nada fez para puni-los. Até aí, nenhuma novidade. O que mostra o verdadeiro caráter dele e de seus aliados é a festa que Veja fez neste fim de semana por mais esta descoberta na biografia do mestre dos corruptos.

A capacidade,  a inteligência de FHC mede-se também pelo fato de ter sido traído até pela amante. Assumiu como seu um filho que era só mãe, Miriam Dutra. Como os filhos de D. Ruth sabem o pai que têm, pediram exame de DNA e encontraram indícios de que era filho da Globo, usado para capturar o governo no tempo do pai. O empréstimo do BNDES a Globopar explica o ostracismo da funcionária da Globo na Espanha. Quem a sustentou por lá?

A destruição do patrimônio nacional em prol do Consenso de Washington rendeu a ele e de resto aos seus correligionários o legado de três passada de pires ao FMI. Em contrapartida, não deixaram nenhuma obra que se use cimento e tijolos. Só pessoas totalmente desinformadas ou com muito ódio para dar trela ao pior presidente que este país já teve. Se não bastasse tudo o que já sabíamos, agora começam a aparecer até pela boca dele. Como diz o ditado, quem fala muito dá bom dia a cavalo. Por ser figura onipresente na mídia golpista, todo dia tem uma entrevista sem que dele se cobre responsabilidade por ter posto, no limite da responsabilidade, todos os casos de corrupção sob o manto do primo de seu vice. Geraldo Brindeiro, quatro vezes reconduzido, sendo que na última havia ficado em sétimo lugar na eleição pelos seus pares da procuradoria, era primo de Marco Maciel. Outro legado que envergonha qualquer pessoa minimamente informada na área jurídica é Gilmar Mendes.

Manifestações e a Marcha dos Zumbis

Manifestações - negros nao entram_Desde 2013 brotou um caldo de cultura de ódio e despeito que envergonha as pessoas que têm um mínimo de decência. Chamo de Marcha dos Zumbis porque reúne pessoas e ideias que pensava estavam abaixo das placas tectônicas. Usar a democracia para pedir a ditadura é menos paradigmáticas das obscenidades. Primeiro, foram contra o fato de Lula ter conseguido trazer a Copa de 2014 para o Brasil. Diziam, #naovaitercopa. A Folha de São Paulo chegou a dar manchete “Copa começa hoje com seleção em alta e organização em xeque”. Depois, os reis dos camarotes vips do Itaquerão, patrocinados pela Multilaser, Banco Itaú xingaram Dilma para que o mundo pudesse ver o nível educacional. A partir daí os golpistas vestiram a camisa Padrão FIFA da CBF. Os golpistas, como a seleção da camisa que vestem, estão levando 7 x 1. Mas isso não importa. Assim como não importa que todos os corruptos ligados ao futebol, como os golpistas, andam livres, leves e soltos pelo Brasil, mas não ousam viajar ao exterior. O patrono deles está na Suíça e talvez vá aos EUA, e não será para Miami, de onde Ricardo Teixeira fugiu para… o Brasil. Aqui, enquanto Lula não for caçado e preso, não corre risco algum. Aqui toda direita está ocupada em encontrar pelo em ovo ou prender Lula pelos filhos ou noras.

Por não ter entendido como tirar proveito das manifestações, Arnaldo Jabor foi ridicularizado pela tv Argentina. Um dia disse atacou os manifestantes, no dia seguinte disse exatamente o contrário e tudo espumando de ódio. E se o patrão pedisse, desdiria tudo novamente. Seres invertebrados tem estas e outra facilidades.

Em porto Alegre, uma cidade tomada e domada pelos interesses da RBS, houve manifestações no reduto da classe média alta, Parcão e Bela Vista. Não há um registro de manifestações na Restinga ou na Vila IAPI. Claro, só midiotas atenderam ao apelo dos corruptos para derrubar quem deu e está dando todas as condições para que não sobre “pedra sobre pedra” na corrupção.

A bandeira da FIFA foi o menor dos pecados dos manifestantes. Hoje sabe-se que todos seus heróis estão presos ou respondendo processo por corrupção. Quem exigia Padrão FIFA está vendo o chefe da CBF preso na Suíça e os demais sem condições de saírem do Brasil sob pena de serem presos pelo FBI. No entanto, não houve nenhuma manifestação pedido que Ricardo Teixeira, Marco Polo del Nero e seus parceiros na mídia fossem investigados e punidos. Serve, em relação a eles o que disseram em relação ao Eduardo CUnha, “é corrupto mas é nosso corrupto”, “somos milhares de CUnhas”…

 

Narcotráfico

FHC apologia às drogasE assim chegamos ao pilar que move a direita moralista mas imoral. Diz-se que a luta contra as drogas é uma luta perdida. A população carcerária no RS é majoritariamente de pequenos traficantes. Todo dia a mídia publica a apreensão de entorpecentes pela polícia. É a parte menor. A parte maior é consumida nas melhores famílias.

De novo o filme “Que horas ela volta?”. Nele se mostra quem são os consumidores. Se há tanto consumo é porque há muito consumidor. E são eles os responsáveis pela narcotráfico. Não é sem motivo que a mídia esconde a apreensão de 450 kg de cocaína num helicóptero. É a mesma mídia que não faz o menor esforço para mostrar as festas onde rola mais cocaína que guaraná. A Revista norte-americana, TMZ, fala das festas que Aécio dava. Nossa mídia consegue se infiltrar e gravar qualquer coisa, seja em presídios, em selas com Alberto Youssef, mas nunca esteve nas festas do Ronaldinho Gaúcho. Nunca mostrou o que rola nas festas do Ronaldo Nazário. As festas do Aécio, então, nem pensar. Nem mesmo quando o Estadão publicou “Pó pará, governador” a polícia se deu ao trabalho de entender porque José Serra atacou Aécio, pelas mãos de Mauro Chaves, com tamanha ousadia. Juca Kfouri também deu a entender.

Notícia de traficantes se matando tem todo dia. Não há notícia das festas onde a farinhada rola solta. E não me vem com este papo de que é doença. Pelo quantidade de cocaína que a polícia julga que se consome no Brasil, então a nossa classe média deve estar toda doente. Se consumir fosse doença, a primeira providência é levar o sujeito ao médico. E aí chegamos ao paradoxo, FHC pedindo o afastamento da Dilma porque usou dinheiro da CEF, BB e BNDES para pagar em dia o Bolsa Família, mas dele ninguém cobra por fazer apologia de drogas que, como sabemos, não é uma atitude legal num idoso. A menos que seja senil.

Deve-se ao envolvimento do PSDB com as drogas a explicação porque não deu em nada a apreensão de um heliPÓptero com 450 kg de cocaína. A ADPF chegou a publicar que Minas Gerais havia se tornado centro de distribuição de drogas para o nordeste. Qual é a participação dos aeroportos clandestinos nesta logística? Quando disso tem participação senão comissiva pelo menos omissiva de Aécio Neves? Ah, se Zezé Perrela fosse amigo do Lula….

Este são os lançadores de bombas contra Dilma, Lula e o PT. Se nossa democracia está por um fio, o rompimento deste fio está nas mãos dessa turma aí. Vamos deixar?

1 Comentário »

  1. […] Sourced through Scoop.it from: fichacorrida.wordpress.com […]

    Pingback por As bombas que eram tracks | Ficha Corrida | Q RIDÃO... — 26/10/2015 @ 12:21 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: