Ficha Corrida

08/07/2015

Ronaldo Nazário: as más companhias andam com más companhias

Filed under: Ronaldo Nazário,Travestis — Gilmar Crestani @ 9:48 am
Tags: , ,

Uma biografia bonsai, não autorizada, do Ronaldo Nazário, o melhor amigo do Ricardo Teixeira, Del Nero, José Maria Marin, Galvão Bueno e… Aécio Neves.  Não é de admirar que um sujeito que não consegue distinguir mulher de travesti seja um apaniguado de Aécio Neves. Tudo se encaixa, como na música do Roberto, o côncavo e o convexo.

Bem amigos da Rede Globo, aí está o cara que faz a cabeça da CBF, dos Marinho e de muita gente falsa!

O episódio que a Globo, convenientemente, resolveu vender como amarelão, na Copa da França, teve explicações extraoficiais como devidas às saídas de sua esposa, durante o período de concentração, com o repórter Pedro Bial. Hoje, diante das descobertas do FBI envolvendo a FIFA, as explicações passam longe dos lençóis e mais próximas das contas bancárias. Como de quem não tem caráter tudo se pode esperar, não me admiraria se tivesse ocorrido um troca-troca entre homens, para além de boladas nas costas…

7 vezes em que Ronaldo esteve envolvido em uma situação MUITO esquisita em sua vida

Por Thiago Jacintho Publicado em 6 de julho de 2015 às 14:07Leituras: 1.660

Ronaldo

O vídeo de Ronaldo sendo beijado, mordido e abraçado por trás pelo amigo Alvarinho Garnero, que bombou nas redes sociais neste sábado (4), deixou muita gente embasbacada, pelo, digamos, carinho exacerbado que o ex-jogador recebeu.

LEIA MAIS:
Após vídeo com mordidas em Ronaldo, amigo desabafa: “É um tio pra mim. Me respeita”
Ronaldo ganha mordida de amigo em vídeo que circula nas redes sociais

Apesar de a situação ter gerado muitos comentários incrédulos, não é a primeira vez que Ronaldo se vê envolvido em algo do tipo em sua carreira, seja em campo, ou fora dele. O Torcedores.com relembrou pelo menos 7 casos. Confira!

1. Ida ao motel com travestis

Em 2008, enquanto se recuperava de mais uma lesão no joelho, no Rio de Janeiro, Ronaldo saiu para um “rolé” na noite carioca. Terminou no motel com três travestis, que ele jura até hoje ter pensado serem mulheres. A história só se tornou pública porque um dos travestis resolveu chamar a polícia, alegando que o ex-jogador não queria pagar o programa. Ele nega, dizendo que, na verdade, quando percebeu que as moças não eram moças, não quis mais o programa e uma delas se revoltou e deu no que deu. Ou não deu. Nunca saberemos.

2. Casamento-relâmpago com Cicarelli

Ano de 2005, Ronaldo resolveu se casar pela segunda vez em sua vida, com a modelo Daniela Cicarelli, na época a mulher que 11, entre 10 homens, sonhava ter. A cerimônia foi digna de conto de fadas, literalmente, já que aconteceu em um castelo. A vida a dois, porém, durou pouco mais de dois meses e a separação deixou Ronaldo alguns milhões mais pobre.

3. Filho japonês “perdido”

Dez anos depois da separação de Cicarelli, Ronaldo comentou que a modelo, nas brigas deles, chegou a quebrar objetos da casa em que moravam, por ciúme do jogador, que, assim como nos gramados, não perdia “chances de gol”. Em uma dessas, fez um filho em Michele Umazaki, uma brasileira que trabalhava no Japão como garçonete e modelo, quando fez uma excursão com o Real Madrid para o país asiático, em 2004. Apenas seis anos depois, Michele apareceu e tornou o caso público. Ronaldo, na época jogador do Corinthians, fez o exame de DNA, que deu positivo e assumiu o menino.

4. Urinando no campo, no meio do jogo

Essa poucos se lembram, mas aconteceu. Muito antes dos vômitos de Messi, Ronaldo já expelia “coisas” durante o jogo, em pleno gramado. Eram as Olimpíadas de 1996, Brasil x Hungria, em Atlanta, EUA. Na volta do intervalo, Ronaldo não aguenta segurar, senta-se, coloca a bola na frente de seu corpo e faz xixi em pleno gramado. Infelizmente é muito difícil encontrar o vídeo da cena.

5. Suposta convulsão na véspera da final da Copa de 98

Essa situação, também bastante controversa, não tem vídeo para comprovar, portanto, é necessário acreditar nos relatos de quem viu a cena e tem coragem de contar. Na Copa de 98, horas antes de o Brasil entrar em campo para enfrentar a França, na final, Ronaldo, que já era, na época, o principal jogado do time, tem uma convulsão no hotel da seleção e é encaminhado às pressas para um hospital. Zagallo resolve escalar Edmundo em seu lugar. No entanto, minutos antes de a bola rolar, o jogador se diz recuperado e é escalado, tendo uma atuação muito apagada. O episódio é tratado até hoje como o grande responsável pela derrota brasileira em Paris.

6. Criação involuntária do meme “Ronaldo, brilha muito no Corinthians”

Quando assinou contrato para jogar pelo Corinthians, no final de 2008, Ronaldo virou ídolo alvinegro sem sequer pisar em campo. A comoção em torno da contratação de um dos maiores jogadores brasileiros da história, por um clube que acabava de voltar da Série B, foi gigantesca. A equipe do humorístico Pânico na TV, então, gravava matérias com torcedores corintianos com frequência, aproveitando a onda e a audiência que a euforia deles com a chegada de Ronaldo dava. Em uma dessas, entrevistaram um corintiano simplório, em frente ao Pacaembu, estádio onde a equipe costumava jogar, e pediram que mandasse um recado ao atacante.

Depois de muito pensar, disse: “Ronaldo, brilha muito no Corinthians”. Foi o suficiente para a atração explorar a frase em todo e qualquer contexto, tornando o jogador, que não teve influência nenhuma na fala, um meme, repetido por tudo e todos, com as mais diversas variações que só a “zueira” sem limites permite. O autor da frase, Zina, inclusive, se tornou um personagem do programa e foi contratado por ele tempos depois, além de ganhar uma casa novinha para morar. Tudo graças a Ronaldo.

Relembre o momento:

7. Participação na novela “Malhação”

Em 1997, a novela-sem-fim Malhação tinha um núcleo focado no futebol feminino. A história era a mesma de sempre: algumas meninas jogavam futebol e tinham lá a sua trama própria, que não me lembro e nem importa aqui. O que vale é que Ronaldo, sim, o Fenômeno, fez uma “pontinha” em um dos episódios, no papel do técnico do time, chamado “Betinho”. Ele contracenou com Suzana Werner, que foi sua namorada na época e hoje é esposa do goleiro Júlio César. Relembre este clássico da teledramaturgia brasileira aqui.

* Curtiu esta matéria? Siga o autor no Twitter: @thijacintho

Foto: Reprodução

7 vezes em que Ronaldo esteve envolvido em uma situação MUITO esquisita em sua vida

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: