Ficha Corrida

17/06/2015

Sociedade semelhante à escravocrata? Em São Paulo tem!

OBScena: manifestação coxinha com babá a tiracolo que ninguém é de ferro

babaPara quem achava que as manifestações tentando entronizar Aécio Neves no lugar da Dilma tinha chegado ao ápice da hiPÓcrisia, a ponto de levarem babá para fazerem selfie na parada dos vadios, de repente se defronta com a informação de que o Clube Pinheiros obriga as famílias identificarem as babás vestindo-as de branco. Assim, os demais membros da agremiação conseguem separar as honestas dos salafrários. É a típica demonstração da separação do trigo do joio. O joio são estas joias representativas de uma sociedade de classes, típicas de uma mente feudal e toxicômana!

A partir do momento que o MBL é instrumentalizado para tentar emplacar um toxicômano, não admira que outras tantas idiotices apareçam. Uma sociedade manietada pelos meios de comunicação que, ao modo de Goebbels, busca criminalizar  uma parte da sociedade como cortina de fumaça para que continuem perpetrando sonegação como a vista na Operação Zelotes, vê-se que não são infundadas as comparações da Marcha dos Zumbis com a marcha dos fascistas sobre Roma. Aliás, a estrela amarela nos campos de concentração e as vestimentas brancas nas babás guardam muito mais do que semelhanças. Mostram, isso sim, que os assoCIAdos do Instituto Millenium conseguiram com conquistar 12% da população para uma mentalidade não só de apartheid como a provar que o déficit civilizatório está mais presente nos centros urbanos que nos cafundós do Judas. Até quando nós, os 88% da população permaneceremos à mercê de Arnaldo Jabor, Luis Carlos Prates, Lobão, Danilo Gentile, Kim Kataguiri, Aécio Neves, José Serra, Geraldo ALckmin, Reinaldo Azevedo, Rachel Sheherazade, William Bonner, William Waack, Frias, Marinho, Mesquita, Civita & Sirotsky?!

Para quem, neste momento, esteja pensando que foi deslocado para o Paraná a incubadora do nazi-fascismo, saiba que São Paulo ainda é a locomotiva que espalha PCC e apartheid para todo Brasil. E por aí se entende porque o José Serra boicotou a implantação do trem bala até Campainhas:"Serra confessa ter sabotado projeto do trem-bala"

Clube Pinheiros terá de explicar exigência de uniformes de babá

DE SÃO PAULO– O Ministério Público Estadual apura uma denúncia de discriminação no clube Pinheiros, um dos mais tradicionais da capital paulista, na zona oeste de SP.

A Promotoria analisa se é irregular a exigência de uniforme branco para babás que frequentam o local.

Outro ponto investigado é a proibição do acesso das profissionais a áreas como a piscina e espaços de eventos.

Um ofício foi enviado ao Pinheiros no dia 10. A partir da resposta, O Ministério Público decidirá se entrará com ação ou se irá propor um termo de ajustamento para que a instituição reveja a regra.

O clube nega que haja discriminação e diz que a exigência do uniforme para as babás visa garantir o "bem-estar e a segurança dos associados".

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: