Ficha Corrida

12/12/2014

MPF esquece dois do PSDB: Mendonça e Duque

Filed under: Ministério Público,Operação Lava Jato,PSDB — Gilmar Crestani @ 9:23 am
Tags:

A lista poderia ter sido maior. No caso da Ação 470, Roberto Gurgel fez questão de montar uma lista com 40 vítimas. Tudo para dar cunho de fábula árabe. Contou com a cumplicidade da mídia e a vontade de vingança do Assas JB Corp.

MPF denuncia 35 pessoas na Lava Jato, sem Duque ou Mendonça na lista

qui, 11/12/2014 – 18:07

Atualizado em 11/12/2014 – 18:12

Reprodução: G1

Reprodução: G1

Jornal GGN – O Ministério Público Federal em Curitiba apresentou, na tarde desta quinta-feira (11), denúncia formal contra 35 investigados na Operação Lava Jato. Nem Renato Duque, ex-diretor de Serviços da estatal, e tampouco Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, da Toyo Setal, aparecem na lista. Depois de Alberto Youssef e Paulo Roberto Costa, foram Mendonça e Duque os responsáveis por esquentar o noticiário da Lava Jato nas últimas semanas.

Duque foi apontado por Mendonça – empresário próximo ao PSDB e suspeito por formação de cartel desde Mário Covas – como o elo entre as empresas que fecharam contratos superfaturados na Petrobras e partidos políticos. Mendonça foi um dos primeiros executivos presos pela PF a fazer acordo de delação premiada para entregar o que sabe.

“Duque comandava o setor responsável pelas licitações de obras de todas as diretorias e pelo acompanhamento da execução dos contratos. Por meio dela, o PT ficava com 2% do valor de todos empreendimentos da estatal petrolífera. A Diretoria de Abastecimento, que era controlada pelo PP por intermédio de Paulo Roberto Costa, e a de Internacional, que era controlada pelo PMDB via Nestor Cerveró, ficavam com 1%”, escreveu o Estadão, em edições passadas.

A assessoria do Ministério Público Federal ainda não esclareceu por que Duque e Mendonça Neto ainda não foram denunciados formalmente ou mesmo em que fase isso acontecerá.

Segundo informações da Folha, os nomes que constam na lista são de empresários envolvidos com seis empreiteiras que firmaram contratos com a diretoria de abastecimento da Petrobras. Outras denúncias envolvendo outras obras e setores serão apresentadas nos próximos dias.

As denúncias do MPF foram protocoladas na Justiça Federal do Paraná e devem ser apreciadas pelo juiz Sergio Moro, responsável pelo caso. Caberá a ele decidir se será aberta ação penal contra os acusados.

MPF denuncia 35 pessoas na Lava Jato, sem Duque ou Mendonça na lista | GGN

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: