Ficha Corrida

09/11/2014

Alckmin pede água

Filed under: 171,Crise da Água,Geraldo Alckmin,Racionamento de Água,SABESP — Gilmar Crestani @ 8:17 am
Tags:

cp05052014Terra e água já forma símbolo de submissão de um povo a outro. Em 491 a.C. Dario enviou emissários a todas as cidades-estado gregas, solicitando a entrega ‘da água e da terra‘ como um símbolo de sua submissão a ele. Em maio deste ano, como se pode ver pela fac-símile ao lado, quando a campanha de Alckmin pela reeleição começava, a Folha estampou na capa: ”Racionamento de água em 2014 está descartado’, afirma Alckmin”…

O racionamento informal foi atingindo a periferia, mas em nenhum momento foi tratado pela SABESP ou por Geraldo Alckmin como racionamento. O apagão hídrico foi tradado na velha escola Rubens Ricúpero

Passadas as eleições, voltou o jornalismo e aos poucos Geraldo Alckmin desce do pedestal para pedir água à Dilma. O PSDB vai para 24 anos consecutivos à frente do governo paulista e não fez por merecer credibilidade de suas principais peças de marketing: meritocracia e choque de gestão. 

A mídia tradicional não cobrou nenhum momento pelos investimentos da SABESP mesmo tendo ela lucrado e distribuído milhões entre seus acionistas. Quando as redes sociais citamos a mídia tradicional é para desmenti-la, como faço agora. E para denunciar a manipulação de quem a finanCIA, como o Instituto Millenium.

Alckmin vai até Dilma para discutir investimentos em água

RAFAEL ITALIANI – O ESTADO DE S. PAULO

08 Novembro 2014 | 10h 14

Governador de São Paulo tem reunião marcada com presidente da República na segunda-feira; recursos para obras hídricas e trens serão discutidos

SÃO PAULO – O governador Geraldo Alckmin (PSBD) viaja para Brasília (DF), na segunda-feira, 10, para se reunir com a presidente Dilma Rousseff (PT) e discutir a crise hídrica em São Paulo além de investimentos em  linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

RELACIONADAS

"Nós temos inúmeros temas e um desses é mobilidade e o outro é a questão da água, do saneamento. Nós temos um conjunto de obras sendo executadas", afirmou o governador, na manhã deste sábado, 8, durante uma campanha de vacinação contra sarampo e poliomelite no Parque da Água Branca, zona oeste da capital.

Alckmin deve pedir ajuda do governo Federal para executar obras prometidas por ele ao longo da estiagem severa que atinge São Paulo. Entre elas está a que vai transformar 2 mil litros por segundo de esgoto em água de reúso para ser jogada na Represa Guarapiranga, na zona sul. Tem um conjunto de obras e a participação do Governo Federal é importante. Ou pelo Orçamento Geral da União ou por financiamento, que também ajuda", disse Alckmin.

Ele também vai levar para a presidente a questão da transposição de 5 mil litros por segundo da Bacia do Paraíba do Sul para o Sistema Cantareira. Na quarta-feira, 5, o presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente Andreu, afirmou que a transposição está próxima e é "tecnicamente viável".

O governador voltou a repetir que está interligando os sistemas de abastecimento da Região Metropolitana de São Paulo para diminuir pela metade a dependência do Cantareira. Ele disse novamente que antes da crise sistema liberava 33 mil litros por segundo de água para o abastecimento. Hoje, de acordo com ele, são cerca de 19 mil litros por segundo. A redução veio de uma resolução conjunta entre a Agência Nacional de Águas (ANA), órgão federal, e o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), assinada em julho.

Transporte e estradas.

A CPTM também está na pauta da reunião entre o governador e a presidente. "Já temos vários convênios assinados para mobilidade urbana e é só liberar o recurso", disse o Alckmin. Segundo ele, parte dos R$ 400 milhões para a construção da Linha 13-Jade. Na última terça-feira, 4, o tucano anunciou um novo prazo para a linha que vai ligar São Paulo ao Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos. Antes prevista para 2014, o trecho só deve ser entregue em 2016.

Após a reunião, Alckmin viaja para os Estados Unidos. Em Nova York o governador assina um financiamento da ordem de R$ 770 milhões para investir em rodovias. Ao todo, de acordo com ele, serão 12 lotes. Entre eles está a requalificação da Rodovia Rio-Santos (SP-055).

1 Comentário »

  1. […] desencavar na Alemanha uma tese chamada “Domínio do Fato” e o autor, Claus Roxin, te 3h Alckmin pede água Terra e água já forma símbolo de submissão de um povo a outro. Em 491 a.C. Dario enviou […]

    Pingback por São Paulo tem Folha, Estadão e Veja, mas só El País vaza | EVS NOTÍCIAS. — 09/11/2014 @ 11:34 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: