Ficha Corrida

20/08/2014

DR JEKYLL AND MR HYDE, o reencontro

Filed under: Dr Jekyll an Mr Hyde,Gilmar Mendes,Roger Abdelmassih — Gilmar Crestani @ 7:29 am
Tags: , ,

O reencontro da obra com sua criatura. Qualquer pixote medianamente informado sabe que Gilmar Mendes é o representante vivo da ERA FHC no STF. Tudo o que faz ou deixa de fazer atende exclusivamente interesses do PSDB. Foi posto lá para isso e cumpre à risca. O que chama a atenção é outra coincidência que nasce desta relação. Todo mundo sabe dos amores do PSDB pela golpe paraguaio que derrubou Fernando Lugo. Álvaro Dias, inclusive, foi nomeado cônsul honorário em defesa dos interesses dos golpistas paraguaios. A dúvida que surge diante do fato de que a criatura do Gilmar Mendes estava hospedado no país que os tucanos têm por bastião da resistência ao bolivarianismo que assola a América Latina, é se toda vez que o delegados do PSDB que adentraram o Paraguai foram ou não hospedados pelo médico dos mil e um estupros.

O médico encontraram, agora falta reencontrarem o banqueiro que recebeu do mesmo fabricador dois habeas corpus…

Abdelmassih está para a medicina da forma que o PSDB está para a política! Por isso essa relação quase incestuosa entre criador e criatura.

medico e o monstro_nAbdelmassih, foragido desde 2011, é preso no Paraguai

Ex-médico foi condenado a 278 anos de prisão por estupro de 37 mulheres

Ação conjunta da PF e da polícia paraguaia o deteve em Assunção; chegada a SP está prevista para esta quarta

ROGÉRIO PAGNANDE SÃO PAULONANCY ESPINOLACOLABORAÇÃO PARA A FOLHA, DE ASSUNÇÃOFERNANDA REGINA DA CUNHACOLABORAÇÃO PARA A FOLHA, EM FOZ DO IGUAÇU (PR)

O ex-médico Roger Abdelmassih, 70, condenado em primeira instância a 278 anos de prisão pelo estupro de 37 mulheres, foi preso na tarde desta terça (19) em Assunção, capital do Paraguai. As suspeitas de crimes sexuais contra ele foram reveladas pela Folha em janeiro de 2009.

Antes conhecido como "médico das estrelas", por ser um dos principais especialistas em reprodução assistida do país, ele estava foragido desde 6 janeiro de 2011, quando a Justiça decretou sua prisão pela segunda vez.

Abdelmassih foi preso numa operação conjunta da polícia do Paraguai e da Polícia Federal brasileira, após permanecer 1.321 dias (ou 3 anos e 7 meses) como principal foragido da Justiça paulista –havia uma recompensa de R$ 10 mil por informações que levassem à sua captura.

Ele não ofereceu resistência, segundo o delegado federal Marco Paulo Pimentel, mas ficou muito nervoso ao receber a voz de prisão, quando saía da escola dos filhos pequenos, acompanhado da mulher, a ex-procuradora Larissa Maria Sacco.

O ex-médico não usava disfarce. As únicas diferenças da imagem conhecida eram um boné e a falta do bigode.

Extraditado, Abdelmassih foi levado à tarde para Foz do Iguaçu (PR) –ele passaria a noite na delegacia da PF. Sua chegada a São Paulo, onde ficará preso à disposição da Justiça, está prevista para as 13h desta quarta-feira (20).

Os advogados dele, Márcio Thomaz Bastos e José Luis Oliveira Lima, divulgaram nota à noite informando que o processo judicial não foi encerrado.

Em janeiro de 2009, após a Folha revelar as acusações contra Abdelmassih, uma série de outras vítimas procurou o Ministério Público.

Após investigação da Promotoria, ele foi denunciado por 56 ataques a 39 mulheres. Chegou a ficar preso de agosto a dezembro de 2009, mas obteve do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, o direito de responder o processo em liberdade.

A condenação foi em novembro de 2010 –em julho, seu registro de médico já havia sido cassado. Para parte dos ataques, a Justiça considerou não haver provas. A sentença apontou 48 ataques contra 37 mulheres, consumados ou não, de 1995 a 2008.

Abdelmassih fugiu em janeiro de 2011 ao ser decretada sua prisão após ter solicitado a renovação do passaporte –para a polícia, era um indício de que pretendia fugir.

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: