Ficha Corrida

18/07/2014

Ucrânia: com as digitais de quem os EUA finanCIAm

Filed under: Isto é EUA!,Míssil,Terrorismo de Estado,Ucrânia — Gilmar Crestani @ 7:00 am
Tags:

terroristaQuem tem espiões em todas as partes do mundo? Quem vigia tudo? Quem financiou a rebelião Ucraniana? Quem está por traz dos neonazistas ucranianos? Quem mais fatura com um desgaste da Rússia? Quem não quer os BRICS, com ajuda da Russia, crie um banco que concorra com o FMI? Os EUA!

Ontem à tarde o site de O Globo informava: “Avião da Malaysia Airlines estava na mesma rota que jato presidencial de Vladimir Putin, segundo agênciaHoje, já com o filtro da CIA e de seu braço midiático brasileiro, o Instituto Millenium, ninguém mais toca nesta triste coincidência.

Mas a pergunta que não quer calar: o míssil foi lançado em território russo ou ucraniano? Se é possível que a Rússia pudesse ter feito isso a partir da Ucrânia, porque excluir os EUA dessa possibilidade? É só pensar: quem foi o país que inventou armas de destruição em massa para destruir um país?

Faz bem a Folha em recordar: “Até então, o pior havia sido em 3 de julho de 1988, quando um Airbus A300 da Iran Air foi atingido por dois mísseis minutos depois de decolar do aeroporto iraniano de Bandar rumo a Dubai. Com a cauda e uma das asas atingida, o avião ficou sem controle e caiu no mar; 290 pessoas morreram. Os mísseis foram disparados do navio de guerra americano USS Vincennes.”

DESASTRE NA UCRÂNIA

Míssil derrubou avião com 298 na Ucrânia, dizem EUA

Queda de avião na Ucrânia mata 298 e amplia crise com a Rússia

Míssil derrubou aeronave, dizem EUA * Ucrânia acusa separatistas Pró-Rússia, que negam responsabilidade * EUA oferecem ajuda para investigar * Destroços se estendem por 15 km

A morte de 298 pessoas na queda de um Boeing-777 da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia aumentou a tensão do país com a Rússia. Para autoridades americanas citadas pela imprensa dos EUA, um míssil abateu o avião –o que levou a uma troca de acusações.

Para a Ucrânia, a culpa é de separatistas pró-Rússia concentrados na região, que derrubaram dois aviões militares nos últimos dias. "Foi um ato terrorista", disse o presidente Petro Poroshenko. Os rebeldes negaram a acusação. Já o presidente russo, Vladimir Putin, afirmou que a responsabilidade pela queda da aeronave é do governo ucraniano.

Os dois países vivem em tensão desde fevereiro, quando um governo pró-russo na Ucrânia foi derrubado. Desde então, Putin anexou a península ucraniana da Crimeia e passou a apoiar rebeldes.

O desastre do voo MH17, que ia de Amsterdã (Holanda) para Kuala Lumpur (Malásia), é o sétimo maior da história da aviação comercial. Em março, 239 pessoas morreram em outra queda com jato da mesma companhia (o avião nunca foi encontrado). A maioria dos passageiros era de holandeses, e até esta quinta (17) nenhuma vítima brasileira havia sido confirmada.

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: