Ficha Corrida

26/01/2014

Direita Miami x Esquerda Caviar

Filed under: Coerência,Direita Miami,Esquerda Caviar — Gilmar Crestani @ 1:28 am
Tags:

direita nazistaNuma das campanhas eleitorais do Lula tive um encontro com a Direita Miami num passeio pelo Vale dos Vinhedos. Na ocasião, estava com uma jovem e linda amiga carioca. Mas o que chamou a atenção de dois casais de curitibanos foi meu Vectra com adesivo do Lula. Seguindo um lógica muito particular, olhando para o adesivo perguntaram porque não andava de Lada. Respondi na “lata”: – para, ao contrário dos senhores, andar com mulher bonita.

Antes que fechasse o tempo fui logo virando as costas para os quadrúpedes. A minha resposta tinha a mesma lógica da pergunta deles. Perguntem onde a RBS foi buscar empréstimo, no final do governo FHC? No Banco do Brasil. Por que não foi no Santander, vendido por um dos funcionários quando ocupava o Piratini?  Talvez pela mesma razão que fez com que Pedro Parente desembarcasse do Planalto diretamente na RBS… Ou o direito à preferência pela compra da área onde está o Asilo Padre Cacique, durante o governo de outra funcionária…

A direita se acha tão esperta mas não se dá conta que só chega ao poder pelas armas. E, ainda assim, só se mantém com o apoio dos grupos mafiomidiáticos.

A direita é a favor do ensino particular, mas vira fera quando precisa disputar espaço na UFRGS com alunos de escolas públicas… Ou dividir espaço com cotistas.

 

Esclarecimentos sobre a Direita Miami, por Juremir Machado da Silva

sab, 25/01/2014 – 16:51

Do Correio do Povo

Esclarecimentos sobre a Direita Miami

Juremir Machado da Silva

O mais comum é que cada personagem não tenha consciência da sua personalidade. O Brasil vem sendo dominado, na classe média e na mídia, por um tipo muito especial, o lacerdinha, representante da direita Miami.

É um pessoal que se acha sem ideologia, pois, para o lacerdinha autêntico, ideologia é coisa de esquerdista comedor de criancinha. A direita Miami acredita que todo esquerdista é comunista de carteirinha e que sonha com uma sociedade no modelo da Coreia da Norte.

O ideal da direita Miami é comer hambúrguer na Flórida, visitar a Disney todos os anos, ler a Veja, ver BBB, copiar e colar artigos de colunistas que falam todo dia da ameaça vermelha – e não é o Internacional nem o América do Rio -, esbaldar-se em shoppings sem rolezinhos, salvo de patricinhas e mauricinhos, e denunciar programas governamentais, exceto de isenções de impostos para ricos, como esmolas perigosas e inúteis.

A direita Miami tem uma maneira curiosa de raciocinar.

– Se você é esquerdista, por que vai à Europa?

– Não entendi a relação – balbucia o ingênuo.

– Se você é esquerdista, por que tem plano de saúde?

A direita Miami contabiliza as mortes produzidas pelo comunismo, no que tem razão, mas jamais pensa nas mortes produzidas pelo capitalismo no passado e no presente. Mortes por fome, falta de condições sanitárias e doenças evitáveis não impressionam os lacerdinhas. Não parece possível à direita Miami que se possa recusar o comunismo e o capitalismo brasileiro. A social-democracia escandinava, por exemplo, não chama atenção dos sacoleiros de Miami. É uma turma que quer muito Estado para si e pouco para os outros. De preferência, muito Estado para impedir greves, estimular isenções fiscais para grandes empresas e reprimir movimentos sociais.

O mais curioso na direita Miami é que, embora defenda o Estado mínimo na economia, salvo se for a seu favor, gosta de Estado robusto em questões morais como consumo de drogas e de sexualidade, aquelas que, mesmo criticando, costuma praticar e exigir tratamento diferenciado quando o Estado flagra algum dos dela em conflito com a lei. A direita Miami fala ao celular, dirigindo, sobre a sensação de impunidade no Brasil e, se multada, denuncia imediatamente a indústria da multa.

A direita Miami é contra cotas, Bolsa-Família, ProUni e todos esses programas que chama de assistencialistas e eleitoreiros. Vive de olho no impostômetro e, para não colaborar com a excessiva arrecadação dos governos, faz o que pode para sonegar o que deve ao fisco. Roubar do Estado que gasta mal parece-lhe um dever moral superior.

Um imperativo categórico.

A direita Miami vive denunciando Che Guevara, mas nunca fala de Pinochet. Se dá uma melhorada na economia dos camarotes, pode torturar e matar. As vítimas são esquerdistas mesmo. A direita Miami adora metrô em Paris, quando vai até lá, apesar de achar que tem muito museu chato e pouco shopping bacana, mas é contra estação de metrô no seu bairro. Tem medo que atraia “marginais”. A última moda da direita Miami é o sertanejo universitário. Quanto mais a tecnologia evolui, mas a direita Miami se torna primária. O que lhe falta, resolve com silicone.

6 Comentários »

  1. COXINHA SOCIALISTA VAI PARA MIAMI É SOCIALISMO, SE UM ANTISOCIALISTA VAI PARA MIAMI ISSO É “CAPITALISMO”! POR ISSO QUE OS COXINHAS SOCIALISTAS TOMARAM NO CU EM 1989, NA EUROPA DO LESTE E NA RÚSSIA! SÓ SOBRARAM COXINHAS SOCIALISTAS NO BRASIL QUE VÃO PRA MIAMI!

    Comentário por nisof — 30/08/2017 @ 7:43 am | Responder

    • Teu raciocínio está mais confuso do que o Ronaldo Nazário tentando distinguir travesti de mulher. Largue a confusão , se assuma e seja feliz.

      Comentário por Gilmar Crestani — 30/08/2017 @ 11:05 am | Responder

  2. PARASITA TEM MEDO DE REGIME MILITAR!!!

    Comentário por Nicolae Sofran — 12/06/2014 @ 10:15 pm | Responder

    • Sim, o que é algo que só consegue ereção com uma arma na mão?! Homem que só bate em mulher depois de presa e algemada pode se chamar de homem?! Nem gorila faz isso, por isso o apelido de gorila para este tipo de militar é uma agressão aos macacos. Quem prende, tortura, estupra e mata e ainda esconde o corpo para que não descubram as taras dos criminosos não é parasita. O pior parasita é melhor que alguém que só se impõe com arma na mão. Fernandinho Beira-Mar com uma arma na mão era tão valente quanto o mais valente dos generais que se refestela com o sofrimento da vítima presa. Alegrar-se com a tortura significa que a pessoa foi currada na infância e, adulto, ao não encontrar o currador, veste farda, tortura, mata, estupra, esquarteja e depois esconde.

      Comentário por Gilmar Crestani — 13/06/2014 @ 10:27 pm | Responder

  3. Já existe silicone para cérebro?

    Comentário por Pepe Filho — 30/03/2014 @ 1:11 pm | Responder

  4. […] See on fichacorrida.wordpress.com […]

    Pingback por Direita Miami x Esquerda Caviar | EVS NOTÍCIAS. — 26/01/2014 @ 7:49 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: