Ficha Corrida

28/05/2013

Enem venceu

Filed under: ENEM — Gilmar Crestani @ 9:59 pm
Tags:

Como venho dizendo desde 2010, enquanto os cães ladram, a caravana passa:

1)  13/11/2010 – O carnaval fora de época da RBS

2) 02/11/2012 – Cadê os mauricinhos com nariz de palhaço? A verdade é que o ENEM substituiu a fábrica de cursinhos pré-vestibular. Em 2010, publiquei aqui: A prova do ENEM. O que disse à época continua valendo agora diante do reconhecimento, até pelo mais tradicional membro dos grupos mafiomidiático, do sucesso do ENEM: “O problema com os erros do ENEM, menos de 1%, nem de longe deveriam ter a repercussão que tiveram. E o tiveram por uma razão muito simples. As provas do ENEM eliminaram os cursinhos caça-níqueis. Todos são caça-níqueis. A gritaria, por exemplo, da RBS, é que com o término dos cursinhos, não há mais “simulão”, propagandas enganosas de um sem-número de cursinhos pré-vestibulares sem-vergonha nos seus mais variados veículos.  (Veículos de tração animal!!)”

 

Mercadante ao 247: “Com recorde, o Enem venceu"

:

Política pública atacada em editoriais e no noticiário da mídia tradicional desde 2009, Exame Nacional do Ensino Médio avança na população estudantil; adesão cresce 28% sobre o ano passado, chegando agora a 7,8 milhões de inscrições; "É um verdadeiro tsunami a favor de mais ensino de qualidade", disse o ministro da Educação ao 247; Aloizio Mercadante se consolida como portador de boas notícias para a presidente Dilma Rousseff

28 de Maio de 2013 às 19:47

247 – O ministro Aloizio Mercadante, da Educação, está exultante. Na tarde desta terça-feira 28, ele comemorou um resultado que, na prática, deixa no vazio as críticas permanentes da mídia tradicional contra o Exame Nacional do Ensino Médio. Em editoriais com posicionamentos frontalmente contrários à substituição dos vestibulares tradicionais, ou no noticiário que superdimensionou problemas pontuais, jornais, revistas e tevês questionam a validade do Enem desde 2009. Foi o momento em que o exame, criado em 1998, passou a concorrer com os vestibulares tradicionais como via alternativa oficial de acesso ao ensino superior – e a trombar com interesses dos cursinhos pré-vestibular.

O Ministério da Educação divulgou hoje que 7,8 milhões de estudantes se inscreveram no Enem 2013, cujas provas serão aplicadas em 26 e 27 de outubro. É um número 28% maior do que o registrado no ano passado, de 6,4 milhões de inscritos. O pagamento das inscrições tem de ser feito até amanhã, mas mesmo com desistências o recorde de participação deverá ser mantido.

– O Enem venceu, resumiu ao 247 o ministro Mercadante. O recorde de inscritos mostra um verdadeiro tsunami de adesões e de exigências por mais ensino e, especialmente, por mais ensino de qualidade, completou.

O ministro acredita que o crescimento do público do Enem prova o acerto de políticas oficiais que criaram o ProUni, que concedeu 1,2 milhão de bolsas de estudo para o ensino superior, e o Fies, que financia com carência e juros reduzidos os alunos carentes que não poderiam pagar mensalidades de faculdades particulares. Foram assinados 850 mil contratos desse tipo de financiamento.

– O estudante percebe que há novas chances para crescer. O Enem aponta para a igualdade de oportunidades. O aluno sabe que, a partir do Enem, tem condições de seguir a carreira escolhida com apoio do poder público. Sabe que tem um mercado de trabalho para enfrentar. Ele reconhece que a situação está melhorando.

Além do fechamento recorde das inscrições do Enem, Mercadante festejou a aprovação na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do projeto de lei que destina cem por cento dos royalties do petróleo para o setor de Educação.

– Para aumentarmos o percentual da Educação no PIB, essa legislação é fundamental, comentou o ministro. Ele vai se especializando, assim, em ser um condutor de boas notícias para a presidente Dilma Rousseff.

Politicamente, o ministro vê suas chances de ser o candidato do PT ao governo de São Paulo subirem, ainda que, pessoalmente, tenha se retirado da disputa. O ‘não’ de Mercadante não foi levado a sério pelo ex-presidente Lula, que irá definir o nome do concorrente. Em entrevistas, Lula continua incluindo o ministro da Educação entre seus prováveis escolhidos.

Nesse campo, os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e da Saúde, Alexandre Padilha, concorrem com ele, assim como o titular da Fazenda, Guido Mantega, também citado por Lula. Agora correndo por fora, o certo é que Mercadante voltou ao páreo em ritmo forte.

Mercadante ao 247: “Com recorde, o Enem venceu" | Brasil 24/7

1 Comentário »

  1. […] Reblogged from Ficha Corrida: […]

    Pingback por Dez motivos pelos quais você deveria ler todos os dias | SCOMBROS — 29/05/2013 @ 6:06 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: