Ficha Corrida

22/03/2013

Itaú só rima com c…

Filed under: Banco Itaú,Golpismo,Pedro Malan — Gilmar Crestani @ 9:44 am
Tags:

 

Malan é a ponte entre oposição e mídia global

:

Já foi identificado, em Brasília, o personagem que conecta interesses oposicionistas a publicações internacionais, como a revista The Economist e o jornal Financial Times; trata-se do ex-ministro da Fazenda, Pedro Malan, atual membro do conselho de administração do Itaú Unibanco, que desfruta de prestígio junto aos meios financeiros internacionais; periódicos ingleses têm feito críticas constantes à condução da economia por Guido Mantega e, neste fim de semana, a Economist passou a defender a eleição de Aécio Neves

22 de Março de 2013 às 08:16

247 – Os aparatos de inteligência em Brasília – e, que fique bem claro, não têm qualquer relação com a Abin – já identificaram o nome do personagem que mais tem trabalhado para conectar os interesses da oposição ao governo federal a grandes publicações internacionais. Trata-se do economista Pedro Sampaio Malan, que foi ministro da Fazenda nos oito anos do governo FHC (1995-2002) e hoje faz parte do conselho de Administração do Itaú Unibanco.

O exemplo mais recente dessa costura está publicado neste fim de semana, na revista britânica The Economist. Trata-se de uma reportagem sobre o processo político no Brasil, em que a publicação defende a "receita mineira" e o nome de Aécio Neves para o Palácio do Planalto. Malan é um dos principais conselheiros econômicos de Aécio, assim como o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga.

Antes dessa reportagem, a mesma Economist que havia feito uma capa sobre a decolagem do Brasil, no início do governo Dilma, já havia dado outras demonstrações de uma guinada em sua política editorial. Recentemente, a revista pediu, com todas as letras, a demissão do ministro da Fazenda, Guido Mantega, como única medida capaz de garantir a reeleição da presidente Dilma Rousseff.

A Economist foi também seguida pelo jornal inglês Financial Times, que, além de pedir a cabeça de Mantega, também abriu espaço para que o presidente do Itaú Unibanco, Roberto Setubal, reclamasse da política econômica no Brasil e de supostas mudanças constantes nas regras do jogo.

Ministro da Fazenda num momento em que o Brasil tinha poucas reservas internacionais e foi três vezes ao Fundo Monetário Internacional, Malan conquistou muito prestígio junto aos círculos financeiros internacionais. A aproximação com o Unibanco se deu quando o banco dos Moreira Salles obteve autorização para incorporar a chamada parte boa do extinto Nacional. E quanto o Unibanco se fundiu com o Itaú, Malan foi guindado ao conselho de administração.

Discreto, o ex-ministro da Fazenda pouco fala com a imprensa, mas suas movimentações internacionais já dispararam o alarme em Brasília. Já sabe, por exemplo, que a agenda da oposição rumo ao Planalto passa por questões como a suposta estagflação (crescimento baixo e inflação alta), o desempenho da Petrobras e a estratégia do BNDES de fomentar "campeões nacionais".

Novos ataques virão. Com a assinatura de Malan.

Malan é a ponte entre oposição e mídia global | Brasil 24/7

Anúncios

46 Comentários »

  1. […] turco fez a comparação, dizendo que se trata desestabilização vinda de fora. New York Times, The Economist vem batendo contra o Brasil faz tempo. E todos sabemos quem foi que construiu a mentira de que […]

    Pingback por Para entender as manifestações, é longo mas vale a pena | Ficha Corrida — 22/06/2013 @ 10:57 pm | Responder

  2. […] Itaú e Oi encheram os bolsos da FIFA e da Globo, que tem a exclusividade das transmissões. Quando vires […]

    Pingback por Se você é contra a copa de 2014 no Brasil, saiba | Ficha Corrida — 21/06/2013 @ 9:53 pm | Responder

  3. […] amanheceu pichado: “Aqui icimos mierda con tu diñero…”  Não é mero acaso que o Banco Itaú tenha feito uma aliança com a Globo para bombardearem os juros baixos e também seja sintomático […]

    Pingback por Aos que ainda sabem sonhar | Ficha Corrida — 15/06/2013 @ 8:09 pm | Responder

  4. […] dois habeas corpus em menos de 24 horas do mesmo Ministro Gilmar Mendes? Só FHC… New York Times, The Economist e demais órgãos de assessoria dos EUA, como Murdoch, só encontram credibilidade nos vira-latas e […]

    Pingback por Não deu no NYT, nem na The Economist | Ficha Corrida — 15/06/2013 @ 7:09 pm | Responder

  5. […] nos palácios passaram a adotar política de benefícios para classes mais ricas? Por que o Banco Itaú e a Gerdau merecem mais benefícios com dinheiro público do que aqueles que estão vivendo na […]

    Pingback por Psico Análise | Ficha Corrida — 12/06/2013 @ 8:34 am | Responder

  6. […] agências com nome e sobrenome em inglês, fazem avaliações ao gosto de quem paga. Sabe-se que o Itaú anda investindo bastante no mercado inglês, principalmente no The Economist e no Financial Times. […]

    Pingback por Agências de desqualificação | Ficha Corrida — 07/06/2013 @ 8:12 am | Responder

  7. […] vai explicar isso aos vira-latas e vira-bostas celetistas deste grupos… Patrocinados pelo Itaú, os grupos mafimidiáticos tanto pressionaram que o governo aumentou os juros. Para ver que não é […]

    Pingback por Estado policial | SCOMBROS — 06/06/2013 @ 6:42 pm | Responder

  8. […] Mas vai explicar isso aos vira-latas e vira-bostas celetistas deste grupos… Patrocinados pelo Itaú, os grupos mafimidiáticos tanto pressionaram que o governo aumentou os juros. Para ver que não é […]

    Pingback por Portugal en la desesperación | Ficha Corrida — 06/06/2013 @ 9:20 am | Responder

  9. […] verticais é a justificativa do defensor dos juros estratosféricos e garoto propaganda do Itaú: “o rendimento no mercado financeiro é baixo”… E por aí se justifica toda grita dos […]

    Pingback por Vem aí o Führerbunker II | Ficha Corrida — 05/06/2013 @ 8:07 am | Responder

  10. […] depositado pelos clientes, que os a$$oCIAdos do Instituto Millenium patrocinados pelo Banco Itaú ensarilharam as armas. Se vivíamos no pior do mundos, o aumento dos juros salvou os capachos […]

    Pingback por O mundo que ia acabar se robustece com o aumento dos juros | Ficha Corrida — 05/06/2013 @ 7:54 am | Responder

  11. […] privados investem em propaganda como financiadores ideológicos. Então, você que é cliente do Itaú já sabe quem paga as propagandas que saem na Rede Globo… A parceria dos bancos privados, e digo […]

    Pingback por As peripécias adversativas da mídia brasileira | SCOMBROS — 03/06/2013 @ 12:11 pm | Responder

  12. […] privados investem em propaganda como financiadores ideológicos. Então, você que é cliente do Itaú já sabe quem paga as propagandas que saem na Rede Globo… A parceria dos bancos privados, e digo […]

    Pingback por Para variar, bancos públicos são os melhores | Ficha Corrida — 03/06/2013 @ 9:11 am | Responder

  13. […] a trilha do dinheiro. A lavagem do dinheiro do narcotráfico se dá nos grandes bancos, incluindo o Itaú. Mesmo quando não era possível seguir o dinheiro que o narcotráfico mexia, ainda assim havia […]

    Pingback por Consumo: 100% de gente grande | Ficha Corrida — 02/06/2013 @ 9:08 am | Responder

  14. […] Do foicebuque, comemorando a vitória dos juros tantas vezes pedida pelo Banco Itaú: […]

    Pingback por a irmandade pré-rafaelita – a arte pela arte | SCOMBROS — 31/05/2013 @ 12:45 pm | Responder

  15. […] Do foicebuque, comemorando a vitória dos juros tantas vezes pedida pelo Banco Itaú: […]

    Pingback por A guerra esquecida no Iraque | SCOMBROS — 31/05/2013 @ 12:36 pm | Responder

  16. […] Do foicebuque, comemorando a vitória dos juros tantas vezes pedida pelo Banco Itaú: […]

    Pingback por Cão ou vira-lata? | Ficha Corrida — 31/05/2013 @ 7:41 am | Responder

  17. […] do jornalismo financiado pela CIA, que faz terrorismo com economistas recrutados das fileiras do Itaú, basta um: Jânio de Freitas. Em poucas palavras, o desmascaramento […]

    Pingback por JF, o antiterrorista mafiomidiático | andradetalis — 16/05/2013 @ 1:48 pm | Responder

  18. […] do jornalismo financiado pela CIA, que faz terrorismo com economistas recrutados das fileiras do Itaú, basta um: Jânio de Freitas. Em poucas palavras, o desmascaramento […]

    Pingback por Marina Silva morreu abraçada a Feliciano | SCOMBROS — 16/05/2013 @ 1:05 pm | Responder

  19. […] que precisam diminuir a autoconfiança ou publicarem oráculos catastróficos, se unem ao Banco Itaú. E fazem uma dissecação como se o Brasil fosse um ilha onde as questões externas são levadas em […]

    Pingback por Intere$$es do Itaú viram confiança dos empresários mafiomidiáticos | SCOMBROS — 16/05/2013 @ 1:01 pm | Responder

  20. […] do jornalismo financiado pela CIA, que faz terrorismo com economistas recrutados das fileiras do Itaú, basta um: Jânio de Freitas. Em poucas palavras, o desmascaramento dos vira-latas e vira-bostas a […]

    Pingback por JF, o antiterrorista mafiomidiático | Ficha Corrida — 16/05/2013 @ 8:06 am | Responder

  21. […] que precisam diminuir a autoconfiança ou publicarem oráculos catastróficos, se unem ao Banco Itaú. E fazem uma dissecação como se o Brasil fosse um ilha onde as questões externas são levadas em […]

    Pingback por Intere$$es do Itaú viram confiança dos empresários mafiomidiáticos | Ficha Corrida — 16/05/2013 @ 7:51 am | Responder

  22. […] por aí se explica a grande batalha do Itaú e dos grupos mafiomidiáticos contra a baixa dos juros. Eles querem continuar lucrando com […]

    Pingback por Se na Alemanha é assim, imagine no Brasil | Ficha Corrida — 13/05/2013 @ 8:52 am | Responder

  23. […] desde o Banestado, Marka e Fonte-Cindam, Salvatore Cacciola, Indio da Costa, Setúbal e o Itaú-Unibanco… E por aí também se entende porque os grupos mafiomidiáticos nos venderam por longos […]

    Pingback por As oligarquias e o Poder Judiciário | SCOMBROS — 11/05/2013 @ 1:29 pm | Responder

  24. […] desde o Banestado, Marka e Fonte-Cindam, Salvatore Cacciola, Indio da Costa, Setúbal e o Itaú-Unibanco… E por aí também se entende porque os grupos mafiomidiáticos nos venderam por longos […]

    Pingback por Bancos à moda tucana | Ficha Corrida — 11/05/2013 @ 9:16 am | Responder

  25. […] aumento na taxa de juros. No Brasil, o maior interessado e maior financiador ideológico é o Banco Itaú, onipresente nas telas da Globo e nas páginas da Veja. Em síntese, argumentam que o único meio […]

    Pingback por Mídia e políticos são capturados pelos bancos | Ficha Corrida — 11/05/2013 @ 8:23 am | Responder

  26. […] do DataFichaCorrida, os vilões da inflação para o dia das mães são a Folha, a Globo, o Itaú e o Credicard. O resto estão só se aproveitando de uma data […]

    Pingback por Justiça bloqueia bens da Máfia do Asfalto em SP e de tucano Secretário-chefe da Casa Civil do governo Alckmin | Os Amigos do Presidente Lula | SCOMBROS — 10/05/2013 @ 1:02 pm | Responder

  27. […] preparou o golpe e saudou a chegada da ditadura em editorial. Que agora, patrocinada pelo Banco Itaú que comprou do Citibank a Credicard, patrocine desemprego só para ter juros altos, nem chega a […]

    Pingback por Democracia made in Rede Globo | SCOMBROS — 10/05/2013 @ 12:57 pm | Responder

  28. […] preparou o golpe e saudou a chegada da ditadura em editorial. Que agora, patrocinada pelo Banco Itaú que comprou do Citibank a Credicard, patrocine desemprego só para ter juros altos, nem chega a ser […]

    Pingback por Para quem saudou a chegada da ditadura, pedir desemprego nem causa surpresa | Ficha Corrida — 10/05/2013 @ 8:49 am | Responder

  29. […] Itaú só faz sucesso porque está aliado aos grupos mafiomidiáticos. É o principal financiador […]

    Pingback por Caixa passa Itaú e deixa Setúbal no banco de reservas | Ficha Corrida — 10/05/2013 @ 8:45 am | Responder

  30. […] do DataFichaCorrida, os vilões da inflação para o dia das mães são a Folha, a Globo, o Itaú e o Credicard. O resto estão só se aproveitando de uma data […]

    Pingback por Os vilões da inflação | Ficha Corrida — 10/05/2013 @ 8:14 am | Responder

  31. […] à mão cheia, lição de moral. Os maiores economistas, assim considerados pelos sabichões doFinancial Times e do The Economist, não só não previram a crise de 2008, como também não a conseguiram […]

    Pingback por Quem vai vingar as milhares de crianças mortas pelos EUA no Iraque e Afeganistão | SCOMBROS — 22/04/2013 @ 6:37 am | Responder

  32. […] à mão cheia, lição de moral. Os maiores economistas, assim considerados pelos sabichões do Financial Times e do The Economist, não só não previram a crise de 2008, como também não a conseguiram evitar. […]

    Pingback por Os números não mentem, mas as pessoas que os usam, sim | Ficha Corrida — 21/04/2013 @ 11:03 am | Responder

  33. […] com quem eles sentariam para assinar o tal acordo? Com a Rede Globo ou com seu anunciante Itaú? São eles afinal que ficam todo dia martelando em busca do aumento da taxa de juros?! A mão […]

    Pingback por Quando envolve um correligionário, a Folha faz isso aí, ó | EVS NOTÍCIAS — 15/04/2013 @ 1:15 pm | Responder

  34. […] com quem eles sentariam para assinar o tal acordo? Com a Rede Globo ou com seu anunciante Itaú? São eles afinal que ficam todo dia martelando em busca do aumento da taxa de juros?! A mão […]

    Pingback por Grupo Clarin escalou a Folha para atacar | Ficha Corrida — 15/04/2013 @ 7:47 am | Responder

  35. […] não é cara de pau. Afinal ele ganha uma bufunfa para ensinar economia aos funcionários do Itaú. E como o Itaú é um financiador ideológico dos a$$oCIAdos do Instituto Millenium, cumpre bem […]

    Pingback por ESCRACHO MADE IN ARGENTINA | EVS NOTÍCIAS — 13/04/2013 @ 1:51 pm | Responder

  36. […] não é cara de pau. Afinal ele ganha uma bufunfa para ensinar economia aos funcionários do Itaú. E como o Itaú é um financiador ideológico dos a$$oCIAdos do Instituto Millenium, cumpre bem o […]

    Pingback por Maílson, 80% ao mês, critica inflação de Dilma | Ficha Corrida — 13/04/2013 @ 9:42 am | Responder

  37. […] da economia. Juros baixos incomoda mais que desemprego, por isso essa aliança com o Itaú, com a cobertura beneplácita dos grupos mafiomidiáticos. O Japão bota a corda no pescoço do […]

    Pingback por COMO FUNCIONA A INDEPENDÊNCIA DO BANCO CENTRAL NO JAPÃO | EVS NOTÍCIAS — 08/04/2013 @ 6:42 am | Responder

  38. […] da economia. Juros baixos incomoda mais que desemprego, por isso essa aliança com o Itaú, com a cobertura beneplácita dos grupos mafiomidiáticos. O Japão bota a corda no pescoço do […]

    Pingback por Como funciona a independência do Banco Central no Japão | Ficha Corrida — 07/04/2013 @ 6:04 pm | Responder

  39. […] EUA, é o herói dos leitores da Veja! Tirando os a$$oCIAdos do Instituto Millenium e o Banco Itaú, quem mais aposta uma moeda de três reais neste […]

    Pingback por LUNÁTICO,ERRÁTICO E… CORNO! por Gilmar Crestani | " F I N I T U D E " — 25/03/2013 @ 7:49 pm | Responder

  40. […] nos EUA, é o herói dos leitores da Veja! Tirando os a$$oCIAdos do Instituto Millenium e o Banco Itaú, quem mais aposta uma moeda de três reais neste […]

    Pingback por Lunático,errático e… corno! | Ficha Corrida — 25/03/2013 @ 9:38 am | Responder

  41. […] agências com nome e sobrenome em inglês, fazem avaliações ao gosto de quem paga. Sabe-se que o Itaú anda investindo bastante no mercado inglês, principalmente no The Economist e no Financial Times. […]

    Pingback por Moody’s é absorvente? | Ficha Corrida — 24/03/2013 @ 6:39 pm | Responder

  42. […] os bancos privados ficaram para trás, fazem parte do grupo dos mal intencionados, pois, como fez o Itaú, financia o Instituto Millenium, o CANSEI e ataca via The Economist e Financial Times. Quanto aos […]

    Pingback por Não é verdade | Ficha Corrida — 24/03/2013 @ 12:02 pm | Responder

  43. […] Itaú, ao financiar o Instituto Millenium, como fizeram com a Operação Bandeirante – OBAN, e […]

    Pingback por Política dos banqueiros, há 50, também era golpe | Ficha Corrida — 24/03/2013 @ 9:41 am | Responder

  44. […] é má. Esse povo é burro mesmo, não lê os panfletos dos a$$oCIAdos do Instituto Millenium, nem The Economist e Financial […]

    Pingback por Sob ataques diuturnos, Dilma vence os bonzinhos do PIG | Ficha Corrida — 23/03/2013 @ 8:51 am | Responder

  45. […] Itaú só rima com c… […]

    Pingback por ITAÚ SÓ RIMA COM C… por Gilmar Crestani | " F I N I T U D E " — 23/03/2013 @ 6:47 am | Responder

  46. Reblogged this on O LADO ESCURO DA LUA.

    Comentário por anisioluiz2008 — 22/03/2013 @ 9:50 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: