Ficha Corrida

01/09/2011

O Dossiê dos Aloprados, a JF/RS faz sua parte

Vou repetir o que já escrevi antes aqui: “Havia um dossiê com as falcatruas (Máfia das Ambulâncias) de José Serra no Ministério da Saúde, no (des)governo do prof. Cardoso. O PT iria pagar uma nota preta para fazer chegar ao público as informações, pois os a$$oCIAdos do Instituto Millenium blindavam o candidato do PSDB, José Serra. Até hoje o PIG fala nos aloprados que tentaram comprar o dossiê mas nunca falam no conteúdo. As fraudes não interessava ao PIG. Para quem transformou um bolinha de papel em em Míssil Excet, esconder falcatruas de correligionários é o de regra…” Nada mudou.

Quatro réus condenados por envolvimento na "Operação Sanguessuga"
(31.08.11)

Em decisão publicada anteontem (29), a juíza da 2ª vara Federal de Porto Alegre, Paula Beck Bohn, condenou os réus Edir Pedro de Oliveira, Rafael Zancanaro de Oliveira, Luiz Antônio Trevisan Vedoin e Darci José Vedoin pela prática de atos de improbidade administrativa.
Os quatro foram acusados de enriquecimento ilícito em ação civil pública impetrada pelo Ministério Público Federal. O caso ficou conhecido como "Operação Sanguessuga".
A sentença prevê a suspensão dos direitos políticos dos réus, o pagamento de multa civil e proibição de contratar com o poder público e receber benefícios ou incentivos fiscais.
O ex-deputado estadual gaúcho Edir Pedro de Oliveira (PTB) foi condenado, ainda, a ressarcir ao erário o valor acrescido indevidamente a seu patrimônio. O ex-parlamentar teve decretados o sequestro e a indisponibilidade de seus bens até o limite da sua responsabilidade.
Zancanaro era, à época dos fatos, assessor da Assembleia Legislativa do RS. Luis Antonio e Darci José são os empresários que forneciam as ambulâncias.
Em sua decisão, a magistrada considerou a conduta dos requeridos “incompatível com o princípio da moralidade que deve guiar a administração pública”.
Cabe recurso de apelação ao TRF-4. Enquanto não houver trânsito em julgado não há formal reconhecimento de culpa nem de responsabilidade. (Proc. nº 2006.71.00.035809-0 – com informações da JF-RS).

ÍNTEGRA DA SENTENÇA

"Complexa organização criminosa especializada no fornecimento fraudulento de unidades móveis de saúde, ambulâncias, odontomóveis, veículos de transporte escolar etc".

ESPAÇO VITAL – quatro-réus-condenados-por-envolvimento-na-operação-sanguessuga

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: